Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Tem cheiro de maracutaia no ambiente

De manhã, como sempre, resenhamos aqui sobre o último jogo. Agora, em caráter excepcional, como faço ocasionalmente e motivado pela situação, volto para prosear sobre algo que julgo muito relevante. Refiro à tão sonhada criação da Liga Nacional de Clubes. Em 1987, com quatro paulistas e igual número de cariocas, dois mineiros e também gaúchos e ainda o Bahia, tentou se – formalmente – desvincular a competição nacional da CBF. Era o Clube dos Treze.

Existiu até 2011, mesmo sem caráter oficial, até que foi esvaziada em negociatas com a entidade que organiza a competição em troca favores, desde cota de transmissão até reconhecimento de títulos como sendo nacionais. O Brasileiro existe a partir de 1971, mas a CBF declarou campeões times que conquistaram a Taça Brasil e Taça de Prata, como campeões nacionais, entre 1959 e 1970, disputados por meia dúzia de clubes, privilegiando paulistas e cariocas e algum outro fora do eixo, como pagamento dessa implosão.

Não quero aqui entrar nesse mérito, mas o que estão tramando com a nova Liga é outra rasteira no torcedor brasileiro. Nada de moralidade em torno dessa nova proposta, que sugere revolucionar as competições nacionais. Conversei no fim de semana com alguns conhecidos que têm acesso aos bastidores da cartolagem. Portanto, dessa negociata. Tudo é interesse comercial, O torcedor que se dane, ainda que venham outros sete a um da Alemanha.

O que querem os idealizadores dessa tramoia é trazer de volta à série A, independente da classificação da Segundona, os cariocas e o nosso rival de Minas Gerais. Ora, aqui nem vou falar como Torcedor, que se diverte com essa sequência – que parece interminável dessa gente na série B – e sim como jornalista e defensor do futebol mineiro e da moralidade.

Em primeiro lugar, já disse aqui quando foi rebaixado, o futebol mineiro perde e muito. O ideal é que os três clubes de Belo Horizonte estivessem na elite, isso seria saudável e faria com que nossas equipes se fortalecessem para as competições regionais, nacionais e até internacionais. Entretanto, como caímos em 2005, voltamos no ano seguinte no campo. São inúmeros os casos de virada de mesa pela própria CBF, que já asseguraram ao América MG, Fluminense, Bahia, Grêmio voltarem sem ter conquistado o acesso.

Agora, numa “aparente” ruptura com a entidade, os 40 clubes das séries A e B, planejam outra maracutaia em desrespeito aos regulamentos, normas legais, moralidade e ética para promoverem o acesso dos dois cariocas e um mineiro, sem credenciamento nas quatro linhas. Em poucas palavras, organizar uma Liga Nacional de Clubes para dar rasteira no torcedor que paga ingresso (se não nos estádios pela TV), consome produtos licenciados e faz papel de idiota nas mãos do interesse comercial e financeiro.

Ao que conversei e pude perceber, com a conivência dos demais – inclusive rivais nos Estados – é a intenção dos grandes clubes brasileiros que os três “gigantes” com campanhas pífias até agora, voltem pelas portas dos fundos para a elite. Fora isso, aquela prosa de mudanças no regulamento, como três descensos e igual número de acessos, com mata-mata entre eles e outras possibilidades, não passam de conversa pra “boi dormir”. Querem mesmo é aplicar a chamada “virada de mesa”.

Reitero e reafirmo minha indignação aqui em nada se relaciona ao Torcedor – que tira sarro sim do adversário – mas pela imoralidade que parece estar escondida na intenção da cartolagem brasileira. A CBF, que quando da criação do Clube dos 13 reagiu, agora está – convenientemente – omissa e silenciosa com as informações dessa nova Liga. No mínimo estranho. Tem cheiro de maracutaia no ambiente do futebol brasileiro.

*imagens: redes sociais

19 thoughts to “Tem cheiro de maracutaia no ambiente”

  1. Boa noite… Sou totalmente a favor da organização e criação da liga… sério mesmo que querem manter como está? Esse lixo de campeonato? No fundo do buraco já estamos…com a CBF mandando e desmandando…favorecendo alguns…Ai quando clubes iniciam uma organização pra melhorar…a turma quer descer a lenha? Merecemos essa péssima organização e péssimo campeonato consequentemente…pensem já estamos no fundo do poço como produto de entretenimento…por isso e muito mais, q sou a favor da criação de uma liga organizada de forma independente, sem CBF e que poderá melhorar muito o futebol brasileiro. Saudações

  2. Salve amiGALOS!

    Não estou completamente por dentro do assunto e já me desculpando pela ignorância, que raios levam 20 times da série A a votarem a favor da subida de 3 times que estão na segunda divisão (cruzeiro, bota e vasco)? No RJ e MG, principalmente, já que são rivais?

  3. Na minha opinião essa questão de virada de mesa, trazendo de volta o Cruzeiro, Vasco e Botafogo é o menor dos problemas e concordo que será um grande erro e uma vergonha a mais. Mas o pessoal reclama tanto de arbitragem, reclama dos horários dos jogos, reclama de mais um monte de interferência da CBF e agora os clubes tem uma grande oportunidade de criar uma Liga Independente e voces são contra? Não entendi! A CBF deveria só cuidar da Seleção Brasileira e os clubes poderiam sim fazer a gestão do Camp.Brasileiro de todos os níveis e da C.do Brasil, criando uma área de arbitragem profissional e conseguindo melhores contratos de transmissão. Só vejo benefícios. Sobre maracutaias anteriores, acredito que esse negócio de dar título de campeão brasileiro também é fichinha do tanto de dinheiro que corre por baixo dos panos nessas entidades. Esses dirigentes devem ficar rindo de acharem que se resume a isso os cambalachos. Mas se os cubes se unirem poderão sim fazer mudanças positivas para os clubes, saindo do jugo das federações e da CBF. E para os desavisados América, Atlético e Cruzeiro já assinaram aprovando essas mudanças!

  4. prezado colunista. o SR. é contra a criação da LIGA neste modo apresentado ou qualquer proposta apresentada ? eu acho um retrocesso campeonatos nacionais serem administrados pela bandida e corrupta CBF. é só relembrar os mandatários dessa nefasta entidade, RICARDO TEIXEIRA,MARCO POLO DEL NERO,CABOCLO ETC .a entidade é milionária e incompetente (calendário esdrúxulo) e os clubes com pires na mão. os CLUBES têm que se rebelar e dar uma banana para CBF e criar uma liga independente como fazem os principais clubes do mundo !

  5. AmiGalos já disseram acertado a cerca dessa maracutaia. Não vou me ater a esse assunto, por enquanto. Ainda não digeri a escalação de Allan e Tchê Tchê no jogo de ontem.
    Com esse burro teimoso fico até pensando, porque Nathan voltou ao Galo? Só pra desfalcar o At Goiano? Pelo visto vai mofar na reserva até ser emprestado pra um time de série D.
    Fora Cuca!

  6. Boa tarde Eduardo e demais atleticanos de plantão! Isso é uma vergonha nacional e, porque não mundial. Caso essa situação se confirme, o povo que gosta e curte futebol, precisa protestar (assim como fazem no âmbito politico), claro que guardado as devidas proporções. Onde estão com a cabeça esses tais dirigentes de clubes ? Como sempre com rabo preso a essa entidade maléfica e maldita. O futebol brasileiro já acabou faz tempo e tem muita gente que não se deu conta disso, ou será que é porque existem benefícios e interesses próprios para muitos que militam no ramo?! Lembro que quando deputado federal, o bom de bola, o baixinho Romário, fez menção de que iria botar a boca no trombone e tentar fazer uma CPI do futebol brasileiro e consequentemente da CBF (Instituição do capeta) na minha modesta opinião. Então, fica o questionamento, será porque isso nunca aconteceu? Porque todos os ex presidentes desta entidade foram presos ou afastados do futebol? Sinceramente, a minha vontade é largar o futebol de lado, porque isso não é pra gente seria. Não o fiz, porque a paixão pelo galo ainda é maior. Fica um pequeno desabafo de um atleticano de 52 anos de idade, com cicatrizes causadas por essa gentalha que já comandou ou comanda o nosso pobríssimo futebol. É desanimador.

  7. Se isto realmente ocorrer, a mobilização deve ser maior que do episodio tiago fezes , não acredito que o Galo participe disto , ja no Rio , onde impera a cbf, esgoto a céu aberto, não tenham duvidas : maracutaias é com eles mesmo.

  8. Qdo a virada via maracutaia for instituida, o GALO não poderá reclamar de nada,já q tem chamegão com carimbaço dos “inteligência”do 2º andar de Lourdes dando autorização p q ela aconteça. Aquele q se dispõe a sentar em uma mesa com gambá cara de areia mijada, poodle mor dos falsos,mulambo dos mingau e mais uma patota conhecida por enxergar o próprio umbigo não pode ser levado a sério.
    Vai vendo!

  9. Os poderosos na Europa tentaram criar uma nova
    liga por lá e deram com os burros n”água .
    Inclusive com reação violenta de torcedores .

    Eu até gostaria de expressar opinião a respeito ,
    mas fatalmente avançaria em seara política, o que
    é expressamente proibido neste espaço regido
    por regras do bom senso, o que é bastante salutar.

    No entanto, posso repetir aqui o que já estou a
    dizer há algum tempo :
    acabaram com o futebol tal qual o conhecemos
    e pelo qual nos apaixonamos ao longo da vida .

    Vivemos os estertores de uma paixão !!!

  10. Em tempo:

    Eduardo, sugiro que você mantenha essa postagem como resenha de amanhã.

    O assunto é relevante e deveria ser replicado para maior alcance no Canto do Galo.

    Para fechar e parafraseando: “Para que o mal triunfe, no futebol, basta que os atleticanos não façam nada!!!”.

    Tá na hora de cornetar essa Liga para matá-la no ninho dos urubus do futebol…

  11. Prezados Ávila, atleticanas e atleticanos!
    Indecência! Mas tudo é possível no mundo do futebol. Já houve virada de mesa quando o fluminense estava na série C, portanto nada me surpreende se de novo acontecer. Como diz o ditado: O torcedor que se lixe!

  12. Caro Eduardo!!!

    A Liga, filha da Baracutaia com o Besespero…

    LIGA NUNCA!!!

    Obs: A Torcida do Galo deveria em peso dizer LIGA NÃO, LIGA NUNCA!!!

  13. Boa tarde Massa e Guru

    Este assunto é tão importante Guru que merecia uma postagem exclusiva, sem dividir espaço com nossos assuntos do dia a dia. Entendo sua posição de não querer expor sua opinião como torcedor, mas como não tenho este compromisso-me sinto à vontade de como torcedor e consumidor do produto futebol, rechaçar qualquer manifestação no sentido de resgatar uma possível virada de mesa, vergonha do futebol nacional.
    Falando por mim, se isto ocorrer com anuência de nosso time, cancelo meu GNV, não vou mais ao estádio e prometo não mais adquirir qualquer produto do clube. Pode parecer radical, mas toda a minha dedicação e crença no clube que sempre existiram, passou a ser potencializada justamente pelas mudanças administrativas que vêm ocorrendo e indicando que finalmente teremos transparência, responsabilidade e principalmente honestidade com o torcedor.
    Não acredito que nossa diretoria e principalmente Mecenas, que são pessoas de reputação ilibadas irão entrar nesta sujeira e cuspir na cara do torcedor, mas se isto acontecer, nós como torcedores iremos reagir tão ou mais forte do que foi o episódio Tiago Neves.
    Como prefiro não apostar vou já me posicionar na rede social do clube.

  14. Boa tarde a todos!
    MARACUTAIA na podre cbf envolvendo o quebrado time mineiro do narco senador e os cariocas?! Grande novidade.
    Essa gente é rasteira demais !
    Saudações atleticanas!

  15. Boa Tarde,

    Logo no início da vinculação dessa notícia eu já fiquei com esta mesma sensação.
    Reafirmo que se os referidos clubes subiram sem suas próprias pernas será a forma mais rápida também de voltarem para este lugar que atualmente estão e que se depender do mérito, por muito tempo continuaram.
    O mais interessante é que querem que a CBF continue com os campeonatos das séries C e D, então creio que existe um pacto entre as duas entidades para fazer descenso e ascensão ou nunca mais haverá tais ocorrências.
    Na Europa a opinião pública falou mais alto e tiveram que voltar atrás
    Por aqui fico muito mais com a pulga atrás da orelha de saber que Flamengo e Corinthians estão abrindo mão das suas cotas de TV para poder ser feito o rateio por igual aos outros clubes, estranho, muito estranho.
    Existe clubes que já receberam as cotas de TV até 2024 que é a data de renovação com o Globo, então como ficariam.
    Muito estranho.
    Aguardemos as cenas dos próximos capítulos.

  16. Será que a direção do Galo apoiará essa imoralidade?
    Se apoiar cancelo meu Galona Veia. Por essas e outras que fiquei reticente em adquirir uma cadeira no novo estádio do Galo. Desde que entrou o Sette Câmara o GalonaVeia mudou, para pior para mim. O torcedor não tem segurança com o que um dirigente “iluminado” pode fazer e mudar as regras.
    Eu como torcedor do Galo quero é o time azul e o Kuei na série D, se possível na copa itatiaia.

  17. O que cabe a nós, torcedores do Atlético, é EXIGIR que a nossa Diretoria venha à público declarar que NÃO APOIARÁ tal indecência. E esta campanha deve começar já aqui no CANTO DO GALO e se estender pelas redes sociais. Vamos lá, Torcedor Atleticano! Vamos encher os canais de comunicação oficiais do Atlético de mensagens que repudiam essa palhaçada!

    1. Teobaldo onde assino? Temos que cortar o mal pela raiz e acabar com esta possível imoralidade no ninho. Quero ver qual diretoria vai se expor contra a torcida e apoiar uma aberração destas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.