Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Jogo de tradição na Libertadores

Enfrentar o São Paulo nos trás recordações. Alguma negativa, mas outras excepcionalmente estimulantes. Se em 1977, embora o título de campeão brasileiro tenha sido decidido em 5 de março de 1978, perdemos nas penalidades, depois disso fizemos muita festa sobre o tricolor paulista. Notadamente na Copa Libertadores das Américas. Aquela fatídica decisão de 77, quando […]

Leia Mais