Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Nossa hora e maneira de ajudar ao Galo

Caríssimas e caros, hoje – meio de semana, sem qualquer partida envolvendo o Galo – vou me ocupar numa convocação. Somos todos Atleticanos, de alma, que querem o melhor para o nosso time do coração. Depois de anos vivenciando as maiores e mais cruéis sacanagens por parte da organização das competições, seguimos como o maior e único mineiro na série A do Brasileiro.

Repetir nossa história e todas essas manobras que nos vitimaram é desnecessário uma vez que cada um de nós – calejados – carrega guardado no peito essa dor da injustiça. Apesar disso, seguimos apaixonados e dando integral apoio ao nosso Galo. Cada um ao seu jeito e possibilidades. Desde os Menins, associados ao Guimarães até o mais humilde Atleticano. Esses são milhares. Tem gente que nunca viu um jogo do Galo no estádio e sofre, chora e comemora como se estivesse à beira do gramado soltando a plenos pulmões nosso grito de guerra: Galo!

Somos contribuintes e consumidores dos produtos que sustentam a economia Atleticana. Desde aqueles que só puderam comprar um chaveiro aos que adquiriram camarotes da nova Arena. Somos atores e personagens dessa mudança que estamos experimentando já neste 2020. E notem, ao que pude ler e ouvir, o Rubão – desculpe a intimidade de quem sequer o conhece – sempre afirmou que estão montando time e estrutura para o futuro. Promete mais investimentos no futebol a partir da Arena. Por felicidade nossa, os sonhos se realizaram mais cedo, apesar da lamentável derrota na segunda-feira.

Estamos no páreo, mesmo com toda nossa lambança e opressão dessa gente ao longo de décadas. Cansamos e agora vamos reagir. Ganhar o título, só se depende exclusivamente do time em campo sem manobras pró ou contra. Chega! Não mais vamos admitir e, acuados, essa CBF e TV podem esperar que vai ter reação. Me recusei a ver o jogo pela televisão, com aquele seca Galo transmitindo. O Atleticano não vai permitir a continuidade desse processo histórico que vem desde os anos 70. Sem agressividade, apenas na resistência.

E para isso, fundamental é um clube organizado. Estamos avançando para ter uma vida econômica e administrativa, como convém a gestão e ao mundo moderno. Existem ainda muitos passos a serem dados, que não são objetos dessa prosa de hoje. As vendas das cadeiras e camarotes, aliada à recente do Manto da Massa, mostram como o Atleticano vem apoiando e aderindo aos novos tempos.

Uma das maneiras mais eficazes de ajudar ao Galo é a adesão ao Galo Na Veia. Seja black, prata ou branco, pois isso além de gerar receitas aos compromissos financeiros mostra a força da nossa Torcida. A campanha dos Atleticanos de Viçosa e Ervália, com outdoors pela cidade, é exemplo a ser seguido por todos os rincões de Minas Gerais e até pelos consulados em outras cidades brasileiras e em países que abrigam Atleticanos mundo afora.

É importante a adesão ao GNV. Concito aos Atleticanos de todos os cantos a aderirem ao sócio torcedor, na categoria que lhe deixar confortável, com a intenção de demonstrar confiança e crédito no nosso futuro. O Estádio do Galo está logo ali. Em menos de dois anos, vamos mandar nossos jogos naquele caldeirão.

Aliado a isso, já estamos experimentando uma radical mudança de conceitos na gestão financeira e do futebol. Jogadores que não mostraram comprometimento e responsabilidade com as nossas cores seguiram para outros caminhos. Novos profissionais, com potencial e futuro, desembarcaram na Cidade do Galo e já mostram como estão sendo certeiras as contratações. E mais, nossa folha de pagamento, sendo enxugada com a saída de improdutivos e caros contratos feitos por diretores passados.

Então, caríssimas e caros, o momento é de dar apoio e ter confiança. Se cada um de nós, dentro da sua possibilidade e realidade puder contribuir, claro que essa travessia será mais curta. Creio e confio sim, que o futuro mora logo ali. Esse velhinho, ainda vai poder experimentar e viver muitas glórias com essa revolução de gestão que estamos vivenciando.

Acredite você também! Se não corresponderem, gestores e profissionais do futebol, vou pra rua protestar. Por hora, só contra a CBF e TV. Vamos ajudar a construir um Galo Forte e Vingador que faça essa organização das competições e imprensa tendenciosa, assim como antigos rivais de Minas Gerais, tremer.

*imagens; 1 e 2) Divulgação; 3) do blog

28 thoughts to “Nossa hora e maneira de ajudar ao Galo”

  1. Boa tarde sou Atleticano desde criança, embora rodeado de contrarios, nasce atleticano ,naõ tem como mudar. Fui conselheiro suplente atravez do clube labareda, hoje não mais.
    bem gostaria de fazer uma sugestão se é para ajudar o nosso galo porque não criar um ingresso pre-miado, vc compra o ingresso a 30,00 reais, quantos quiser durante o mês relativo aos jogos do galo,não importando se em casa ou não e estaria concorrendo a 01 apartamento da MRV no ultimo jogo
    no final do mês, satisfeitos, torcedor, galo e o nosso querido patrocinador ou seja todos ganhariam .pelo menos enquanto durar a pandemia e o torcedor ficar impedido de ir ao estadio. acho que o

    torcedor atleticano aceitaria ajudar o nosso galo. saudações alvinegras.

    1. No começo do jogo de segunda, a propaganda do sócio torcedor do Bahia dizia que quem era sócio concorria a um carro zero por mês, salvo engano. Achei a ideia interessante e uma boa forma de dar uma espécie de contrapartida ao torcedor, não que isso fosse preciso, pois ajudar o Galo já seria suficiente, mas temos que reconhecer que o momento não é difícil só pro futebol, mas para toda a população também. Essa ideia sua também é muito legal! Além do sorteio ao final do campeonato, poderia ter sorteios mensais aos que compraram ingresso, tipo camisas oficiais do clube.

  2. Boa Tarde,

    Sempre fui a favor do torcedor quando pode é claro, ajudar de todas as formas ao Galo.
    Da minha forma, mesmo morando fora de BH sempre fui Galo na Veia, cinza e agora na renovação virei black.
    Minha coleção de camisas cresce 3 por ano, já esta chegando a 50, tenho contadas porque uso todas pelo 3 vezes por ano, para não amarelar as listras brancas.
    Chinelo, toalha, chaveiro, canecas, copos e muito mais…
    Tudo que me remete ao Galo me faz bem e me deixa feliz.
    Uso, nas Vitórias e nas derrotas.
    Da mesma forma que venho neste espaço comentar nas Vitórias e nas derrotas.
    Como a maioria, sou bipolar, mas, procuro não ser radical.
    Ainda acredito no título este ano, se nas quedas utilizarmos para aprendizagem e correção de rumo, certamente voltaremos mais fortes e menos vulneráveis.
    Já estou focado no Sport e no Zaracho, temos que pensar para frente e no futuro.
    Vamos para frente, para cima deles Galo!!!

    Boa quarta feira a todos!

  3. Renovei o meu cadastro no GNV, mas quero deixar registrada uma reclamação: o site solicita que seja informado o “Gênero” do proponente, mas só fornece duas opções. Tal fato pode impedir novas adesões de torcedores oriundos de times que estão em processo acelerado de extinção. Fica a dica para os administradores do site. Abraços!

    1. Boa tarde,fiz meu GNV a pedido da minha filha de 12 anos somos apaixonado pelo galo.Comprei a camisa manto da massa quer dizer tentei né na hora de gerar o boleto não consegui reclamei no site não tive resposta mas continuamos amar o galo

  4. PERFEITO O COMENTÁRIO DE FERNANDO PASSOS.
    FUTEBOL É RESULTADO.
    NÃO ADIANTA JOGAR BONITO , ABERTO , E PERDER O JOGO.

  5. Depois de ler seu texto , acabei de fazer meu galo na veia prata, minha filha me ajudou, tambem sou retrogrado. Ainda chateado com aquela segunda brochante, um soco na boca do estomago. Era a hora deste lesma de presidente, cobrar publicamente, botasr a boca no trombone, mostrar nossa indignação e revolta. Como o treinador fez, sobre salarios em atraso. Segue o jogo

  6. Oi Eduardo e Amigos, bom dia!

    Boa passada de pano.

    Compreendo que o Galo está no caminho certo. Tudo ainda é muito novo: diretor de futebol, treinador, comissão técnica e reforços.

    Vamos acreditar e esperar por novos reforços. O Time atual é bem superior a todos que foram montados nos últimos anos. Acho que ainda vai dar liga. Tudo está sendo reconstruido.

    Mas o jejum de 50 anos é um fardo pesado e incomoda muito o Atleticano. Por isso, temos pressa. Aí também entra um pouquinho da nossa bipolaridade.

    Já sou GNV e continuo apoiando o nosso Galo, que aliás são um dos poucos prazeres da minha vida.

    Saudações Alvinegras,

  7. Bom dia MASSA!

    Muito bem, Eduardo! Essa propaganda tem de ser continua, cobrar do torcedor sua associação ao GNV, não só por parte de vcs blogueiros, mas tb pela diretoria do time. Fazer propaganda no rádio, jornal, TV, blogs, jornalzinho de bairro, etc. Tem de incentivar o torcedor a associar. Só batendo na mesma tecla frequentemente que isso vai acontecer.

    Desde a criação do GNV sou associado. Houve um período que não consegui me associar, pois o sistema não me atualizava e não aceitava eu continuar pagando. Coisas que eu acho que só acontece no 9ALO.

    Esse ano sou GNV Prata, mas arrependi, deveria ter sido Black, afinal: AQUI É 9ALO, P@$$@!!!!!!

    O endereço que vc coloca da Loja do (ALO, no fim do post. Eu mesmo já acessei a loja ums 3x. Não dei sorte ainda, pois que tive interesse não havia meu número. Uma hora da certo. Continue postando junto com as resenhas.

    Vamos ao time.

    Já passou da hora de alguém chegar no #malucobeleza e botar pressão, pois o time tem de evoluir. Tem de ter cobrança em cima dele. Pede jogador e depois dispensa, como se fosse fácil descontratar. Tem de ter retorno dois lados.

    Confio nele, mas tem de evoluir. Já li que os jogadores por onde passou, chega num momento que não suportam mais ele. Será que isso já está acontecendo?

    Outra coisa, cobrar essa queda de preparo físico. O time parecia que estava carregando bolas de aço nas pernas, no 2o tempo do jogo contra o Bahia.

    VAMÚUUUU 9AAAALLLLLÔOOOOOOOOO!!!!!!!!!!!!!

  8. Está na hora mandar o Sampolli vazar, vair fazer experiencia em time chines, perder para Botafogo,Fortaleza,Bahia e empatar com o CBFLU ou é mais um fracote sem comando ou está menosprezando adversários menores,fica de olho Menin porque sua Grana pode ir para o esgoto
    Cuidado com os bondes estrangeiros, o Racing está muito bem na libertadores,o Condê não manifestou o cara no Internacional, sei não!!!!

  9. Bom dia a todos,
    Ontem não era dia de postar, devido ao balde de água fria recebido, com aquele segundo tempo pífio.
    TUDO sobre o jogo, seja sobre o técnico e sobre os jogadores, foi dito ontem tenho certeza. Por isso nem me preocupei em ler. O muro das lamentações deve ter ficado lotado ontem…
    Só tenho uma coisa a dizer: Não há terra arrasada. REPITO NÃO HÁ TERRA ARRASADA.
    Temos duas partidas pra fechar o turno e mais 19 partidas do returno, além de termos um jogo a menos (com o genérico) e termos dois confrontos diretos EM CASA!!!
    A reação começa neste sábado!! Final 18/38
    Então meus AmiGALOS nada de perder o foco.
    O BR é pra agora! Contra tudo e contra todos!
    É VENCER, VENCER E VENCER. Tá no Hino!!
    VAMO GALO!!! VAMO GANHAR O BRASILEIRO!! VAI PRA CIMA DELE GALÔÔÔÔ.

  10. Bom dia, Guru e massa.

    Parabéns Guru por esta campanha! Espero que o mesmo número de comentaristas do post de ontem, venham aqui hoje para comentar e mesmo aderir à esta campanha, porque vir aqui para criticar quando o time perde virou rotina.
    Aliás, tento não postar em jogos em que somos derrotados, porque aqui se transforma num verdadeiro muro das lamentações, com todo mundo pedindo a cabeça de todos e até aposentadoria da cor do uniforme, como se isto, é que faz o time perder.
    Mas ao contrário de anos anteriores, quando eu deixava a bipolaridade aflorar, este ano resolvi, criticar sim, quando necessário, mas dentro dos limites da razão, buscando sempre o apoio ao clube.
    E prova deste meu apoio, além da confiança na equipe e no técnico, sou GNV Black e Meu Galo BMG, deixando aqui em vários posts o meu recado:

    # eu sou GNV e Meu Galo BMG, e vc?

  11. Bom dia xará e amigalos!
    Concordo com o colega no que diz respeito à queda de produção de Everson e Nathan. Não estão jogando absolutamente nada! Os dois tem lugar cativo no time. É hora do Sr. Sampaoli enxergar quem não está produzindo. A fase não está boa. Rafael deveria voltar e assumir a titularidade adquirida por mérito. Nathan desde que voltou da contusão está em estado letárgico. Vamos ajudar o GALO MASSA!!!!!!! Está fora de cogitação perder pontos aqui no Mineirão contra o time do Thiago Fala Zezé Neves!!!! GALO TEM QUE VOLTAR A SE IMPOR!!!!!! Coloca o Zaracho pra jogar!!! Menino de 21 anos tem que ter tempo pra pegar “forma física”???????? Desde quando???????? BORA AJUDAR O GALO GALERA!!!!!!!! GALO NA VEIA NELES!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  12. Bom dia!!
    Belíssima iniciativa, caro Eduardo!
    A Massa é diferenciada e vamos apoiar sempre o Galo e não só resistir mas enfrentar essa orcrim (globolixo & cbf).

    Quanto ao time e ao excelente treinador, só precisamos acertar a pontaria e fazer os gols que estamos desperdiçando. Só isso! Tomando um, dois…mas fazendo quatro, cinco, passamos o trator em cima desses bandidos.
    SAN!

  13. Excelente e oportuno texto, Eduardo. Acompanho o blog diariamente, é ótimo para me manter atualizado quanto ao humor de parte da Massa. Parei de comentar a muito tempo por causa de algumas replicas e críticas quando ao meu jeito mais otimista de ser atleticano (pejorativamente tratado como “apoio incondicional”). Fiz isso só pra evitar contendas, sempre improdutivas e desnecessárias, preferi não mais me manifestar, mas continuo acessando e gostando demais do blog (parenteses: vejo igualmente importantíssimas as críticas (se construtivas) e também os desabafos – ficar indignado com resultados e posturas como os apresentados contra o Bahia é até necessário, sem nunca “jogar a toalha” ou “deixar de torcer a favor do Galo).

    Bom, sem mais delongas, moro em Brasília desde os 4 anos de idade, aqui minha referência para torcer para o Galo foram meu pai e alguns dos meus tios. Mesmo a distância, meu amor pelo Atlético Mineiro cresce cada vez mais. Poucas foram as vezes que tive oportunidade de assisti-lo jogar, no Mineirão, no Indepa e mesmo aqui no Mané Garrincha. Se antes, mesmo de tão longe, já fazia de tudo que podia para apoiar, torcer e mandar boas energias para o Galão, imagine nesse momento único que estamos vivendo com: apoio fundamental de atleticanos financeiramente privilegiados (que poderiam torrar sua grana em qualquer outra coisa mas escolheram o Galo); reconstrução do time, depois de tantos erros, com jogadores promissores e um técnico excepcional (como se diz: da prateleira de cima); construção da Arena MRV (um marco na nossa história); re-união da Massa com a instituição CAM (manto da Massa e mais participação do torcedor); título mineiro e liderança no Brasileiro, com chances reais de conquista desse título; etc. etc.

    Fiz meu Galo na Veia Prata, mesmo não tendo qualquer benefício direto por isso. Mas já vou mudar para Black. Queria demais morar em BH para comprar uma cadeira cativa (teria que vender algum bem ou pegar empréstimo mas faria sorrindo). Então, fica aqui meu incentivo, quem é atleticano DEVE fazer seu Galo na Veia. A hora é agora. Borá Galo, ganhar o Brasileiro!!!!

  14. Bom dia a todos AMIGALOS!

    Eduardo parabéns falou tudo!
    Temos que realmente acreditar, como falou Paulo Roberto Amigalo acima nossa hora é agora 2020!
    Nos torcedores que tenhamos FÉ. A nossa realidade é agora esse time, como o técnico não foram contratados para ficar só no G4, mas para ser CAMPEÃO!!!!!!!
    EU ACREDITOOOOOOOOOOOO!!!!!!!!! TENHO QUE ACREDITAR

  15. Bom dia.
    Excelente iniciativa já que o momento é muito oportuno!
    Mas voltando ao futebol, acho o estilo de jogo do Sampaoli, revolucionário e tem encantado a todos, desde a sua passagem pelo Santos, que levou um time mediano a ser vice campeão brasileiro.
    Porém acho que para ganhar o brasileirão, esse estilo de jogo não é eficaz, uma vez que se joga no tudo ou nada, ou ganha de 5 ou perde de 5. A maioria absoluta dos campeões brasileiros, jogavam ou jogaram um futebol de resultado, ou seja, um futebol mais equilibrado, em que o importante é ganhar, independentemente de jogar bonito ou não, há momentos na competição que não se pode perder. Nesse edição do brasileiro, em todas as nossas derrotas, fomos superiores aos nossos adversários e no final amargamos derrotas sem explicação, para equipes muito inferiores ao nosso time. Porque simplesmente o time estava todo aberto, jogando de forma displicente, querendo fazer mais gols, poxa há momentos em que o time precisa se fechar e levar os três pontos para casa. O próprio Atlético em edições anteriores, deixou de ser campeão, por várias vezes, por não saber jogar competitivamente. Podemos citar como exemplo, os anos de 1977, 1980, 2012 e 2015, em que a equipe jogava um futebol superior aos seus concorrentes, mas acabou perdendo a competição por não saber jogar pelo resultado. Entendo a importância de jogar pra frente o tempo todo, mas há momentos em que o time precisar segurar o resultado e sair com o três pontos, isso no final é que vai fazer a diferença e determinar o campeão. Um abraço a todos!

  16. BOM DIA EDUARDO E MASSA ATLETICANA.
    SEMPRE TORCEMOS , APOIAMOS E VAMOS CONTINUAR ASSIM.
    MAS , PRECISAMOS TAMBÉM COBRAR E EXIGIR.
    A HORA É AGORA , O ANO É 2020 ,
    CANSEI ,
    DE ANO QUE VEM ,
    TIME EM FORMAÇÃO ,
    NO FUTURO TÍTULOS VIRÃO , NÃO DÁ MAIS ESSA LENGA , LENGA.
    SAMPAOLI TEM ERRADO MUITO , JOGA COM UM SÓ VOLANTE , E A DEFESA FICA COMPLETAMENTE EXPOSTA , TOMANDO CONTRA ATAQUES FATAIS E PERDENDO JOGOS POR ESSAS FALHAS.
    NATAN VOLTOU A SER O QUE SEMPRE FOI , PÉSSIMO ,
    SASHA E EVERSON TAMBÉM SÃO FRACOS .
    SASHA É O CENTRO AVANTE QUE NÃO PISA NA ÁREA , NÃO TEM COLOCAÇÃO E NÃO SABE FAZER GOLS.
    PORTANTO , ESSES ERROS PRECISAM SER CORRIGIDOS COM URGÊNCIA , POIS O BRASILEIRÃO É NOSSA PRIORIDADE MÁXIMA E UMA OBRIGAÇÃO DE SAMPAOLI E ELENCO DE JOGADORES , JÁ QUE NOSSO CALENDÁRIO É FOLGADO SEM NECESSIDADE NENHUMA DE POUPAR JOGADORES.
    ACHO TAMBÉM QUE O ATLÉTICO NÃO DEVERIA CEDER OS JOGADORES DE SELEÇÃO .
    BRASILEIRÃO É OBRIGAÇÃO , VAMOS GANHAR ESSE TÍTULO.

    1. Boa noite Paulo Roberto.
      Obrigado pelas suas considerações em minha postagem.
      Também concordo plenamente com você. A hora é agora, o time tem que encarar cada partida como uma decisão e jogar de forma compacta e objetiva.
      Só acrescento o seguinte: O Sampaoli tem mania de mexer muito na estrutura da equipe e a cada jogo, muda tudo, independente de ter jogado bem ou mal.
      Como Exemplo, temos o jogo contra o Fortaleza, cuja a escalação foi uma aberração, não bastasse a ausência de jogadores convocados, ele teve que inventar Fabio Santos de zagueiro e deu no que deu. Um grande abraço!

  17. Bom dia a todos. Grande texto de incentivo, acho que precisamos mesmo dar um voto de confiança e apoio. Estou prestes a fazer o meu GNV.
    Com relação ao time, todos os outros estão estudando o galo. Isso é claro. Até comentaristas de futebol já desenvolveram teorias sobre a forma de jogar, esquema etc. O Sampa, precisa criar, inovar sempre em jogadas ensaiadas. Essas recuadas de bola dos laterias, já nos custou 6 pontos e uma expulsão. Qualquer peladeiro, me incluo nessa, faz leitura de jogo durante a partida. O guga telegrafou a jogada. Tem que treinar mais, ficar mais atento. O jogo era nosso e perdemos uma oportunidade de ficar sem esse peso de derrota nas costas.

  18. Excelente iniciativa, Eduardo. Para melhorar, se possível, divulgue também as formas de aquisição do “Galo na Veia”, contatos, etc.. Como vários de nós, até pela idade e aversão às modernidades, ainda “têm medo do computador”, tais informações talvez ajudem. Abraços!

      1. A expressão “vários de nós” permitiu-me ficar escondido na multidão, se é que você me entende! kkkkkkkkk!!!

      2. Prezados Ávila, atleticanas e atleticanos!
        Está a hora de abraçamos todas iniciativas que visem o bem do Atlético Mineiro. Oportuno texto! Não basta apenas ser atleticanos! Temos que participar!
        Hoje e sempre, galo!!!

  19. bom dia Eduardo e massa. grande texto Eduardo. somos galo na derrota e na Vitória,mas não podemos deixar de criticar sampaoli e jogadores. quando erra tem que ser criticado e quando acerta tem que ser elogiado queira ou não os fiscais do blog. aquele time que vê jogar na 2 parte com o Bahia nem na sulamericana vamos simplismente um time morto em campo. não sou treinador mas qualquer treinador de várzea ja sabe como o galo de sampaoli joga é so jogar retrancado e colocar jogadores rápido que chega no gol do galo. exemplo. Fortaleza. Santos. foguinho. Bahia. o sampaoli ganha seu milhões é para enxergar isto. espero eu que esta derrota não seja por causa do salário atrasado. ainda da tempo de sermos campeão mas para isso o sampaoli tem que tirar seus afilhados do jogo Everson chama gol e sascha e por o Nathan no banco de reservas porque não esta jogando nada. então sampaoli põe na cabeça dos jogadores quem entra com salto alto nos jogos são as Marias. obrigado sampaoli por mais uma vez livrar de mais um ex jogador Fábio Santos .a galo nos deixa sonhar. vai galooo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.