Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Mais uma derrota e tudo continua bem?

Foto: Bruno Cantini | Atlético

Por José Roberto

Morreremos abraçados com um “mantra” que a torcida do Galo criou, ou, está na hora de mudar definitivamente?

Prezado, amigo, meu irmão, confesso que cansei de comentar derrotas e resultados ruins, está ficando repetitivo por demais. Estou cansado de ver adversários limitados deitando, rolando e até dançando em nosso meio de campo, como se fosse “El Cachafaz”, lenda mitológica do tango argentino.

Estou cansado da sequência de resultados ruins, sempre com as mesmas desculpas escoradas em muletas que trazem um tom de verdade absoluta, que na real contém a mais deslavada mentira e a mais pura incompetência. Meu irmão, cansei de verdade!

Mesmo em nossos piores momentos, e foram vários, jamais tinha presenciado um time tão sem graça, sem sangue, sem raça, como este idealizado pela nova diretoria para dar início a reestruturação do meu C.A.M!

Se fosse com Mexerica, Catanha, Meio Quilo, Edson seis dedos, até entenderia, confesso! Mas com os jogadores que temos, tirando um ou outro, passar por isso é simplesmente uma pantomima, uma comédia pastelão ou de horrores. Como Atleticanos, somos obrigados a engolir esta letargia que estamos vivenciando, como se tudo fosse a coisa mais natural do Universo. Não é! Chega de tantas derrotas, chega de tanto amadorismo, chega!

Jogando bem ou mal, o que nós queremos mais é vencer, como nosso o nosso Hino já diz. Podem até tentar nos convencer que o time fez um  primeiro tempo razoável, até bom, e daí… ganhou? Podem me dizer que o time fez um segundo tempo intenso a partir dos vinte minutos, eu pergunto: venceu?

Independente da displicência do juiz – que não amarelou o jogador adversário que abusou de fazer faltas -, da bola ter batido na trave – após aquele tapa bem colocado – e do o time ter terminado o jogo com incríveis 79% de posse de bola, quem arrisca dizer que merecia ter vencido? Após uma pixotada naquela cobrança de falta pra lá do meio de campo, que gerou o gol do adversário, ninguém arrisca.

Ali havia três jogadores próximos da bola e nenhum se atreve a, pelo menos, atrapalhar o cobrador. A defesa estava toda aberta e desorganizada. Ora, faça-me o favor! Já passou muito tempo, tempo demais para que o presidente, diretor de futebol, treinador com sua comissão técnica, exercitassem sua empáfia e nada mais!

Com jogadores rodados e com um nível técnico, digamos, um pouco qualificado, a nossa “equipe” ainda não é uma equipe. Os jogadores continuam jogando como um bando em campo, mesmo tendo o “mimo” de semanas livres para se preparar bem e focar de fato no único torneio que nos restou. Vale ressaltar que esse “presente” é fruto da pura falta de ambição e desleixo com a Instituição. Afinal, deixaram escapar pelos dedos duas competições importantes.

Não esquecemos também dos trinta e tantos dias da intertemporada, no qual esperávamos uma evolução da equipe. A triste realidade é que o bando não evolui, não tem nenhuma organização, não tem jogadas ensaiadas, não tem aproximação, não tem controle emocional e não se vê ajuste nenhum em campo.

Foto: Bruno Cantini | Atlético

Pelo contrário, o que se vê é um time limitadíssimo, mal treinado, com uma falta de qualidade gritante, que demonstra principalmente a falta que faz um bom planejamento. Falta tudo ao C.A.M, o que sobra é somente o desarranjo.

As conclusões são: treinamos a semana inteira para nada; o pouco dinheiro disponível parece ser muito mal investido; o retireiro, que encheu um balde com leite que retirou da pedra, agora mete o pé nele sem dó.

A culpa é de quem? Deixo a resposta para quem sentou em cima de um projeto baseado na política do bom e barato, colocando a soberba, o amadorismo e a empáfia na frente do que realmente é mais importante: o Clube Atlético Mineiro. Chega de amadorismo no C.A.M! Se os “junin” não querem e não têm ambição, fica a dica: nós do Clube Atlético Mineiro, queremos e muito o BR18! #VERGONHANACARA e GaloSempre    

Em tempo: estamos esperando um zagueiro que cause impacto e tome conta de vez desta zaga.

101 thoughts to “Mais uma derrota e tudo continua bem?”

  1. Concordo, mas acho um absurdo nossos comentaristas atleticanos simplesmente omitirem o fato que o ´´GUERREIRO“ da massa, quer seja o nosso ´´craque“ Luan estava na hora da falta batida trocando massagens com o jogador do inter que fez o gol. Porque? Ora, se quisermos arrumar o time vamos falar a verdade sobre todos, não poupando um ou outro que não está merecendo estar no nosso GALO.

  2. A sorte do Galo esse ano é que o campeonato tem tanto time ruim que ele vai conseguir se safar da segundona com esse time safado que temos visto em campo (e fora das 4 linhas). Isso se não continuar entregando de bandeja tanta paçoca.

  3. Olá amigos

    Estamos na hora de olhar pra baixo na tabela. Esqueçam título e vaga na Liberta. Esse time e esse técnico tem totais condições de serem rebaixados. Quem espera algo desse time pra mim está fora da realidade. Elias? Juninho? Essa zaga? Pra mim não vai longe não, se não pararem, refletirem e entenderem que o time é fraco, e time fraco se defende e joga por uma bola.

    Temos que protestar, ir na sede e o mais importante: não vão ao estádio. 1 jogo sem ninguém lá e eles entenderão.

    FORA TL
    FORA 7C
    FORA ALEXANDRE TADEU

  4. o atletico podia buscar o betão que ta no avai,ja foi do corinthians…mas ainda é um bom zaqueiro,melhor que esses que tão aí

  5. Boa tarde amigos, estão afastando o Alerrandro dos profissionais, parece que ele vai continuar no sub20. No momento que mais precisamos de um jogador com as características do Alerrandro ele é afastado do time? Quem perde com isto? Deixem o garoto jogar, ele quer é jogar!!!

    1. Pois é, Ricardo Divinópolis. Também estou sem entender mais essa atitude da diretoria e também da comissão técnica. Há muita nebulosidade na cidade do Galo.

      1. Calma, meus caros. Obviamente se ele foi afastado, eh porque fez presepada. Criticar sempre, mas com fundamentação. Quem sabe dessa vez (dessa vez!) a direção agiu certo?

  6. O problema do GALO é antigo e o mesmo: o time apanha, apanha, apanha; perde títulos e classificações para agremiações medíocres e tudo fica do mesmo jeito. Tomamos quatro gols por desatenção da defesa: isso é normal? Claro que não… Qual o time que mais ressuscita adversários: o GALO. E assim vai… A Galoucura, pelo amor de Deus continua apoiando toda essa palhaçada, e tudo ficará como hoje está: um desmando generalizado… Deus nos proteja.

  7. OLÁ AMIGOS DA BOLA!

    Me parece que a ficha caiu!
    Começam a enxergar e apontar saída…….

    É isso galera! Somos atleticanos……. Não somos idiotas!

    PROTESTO JÁ!

    FORMA DE PROTESTO QUE RESOLVE………É NÃO MAIS PATROCINAR O NOSSO AMADO GALO, A COMEÇAR PELO ESVAZIAMENTO DO ESTÁDIO! PELO MENOS ATÉ AS COISAS SE TORNAREM MELHORES, GRANDES!….. CHEGA DE TANTA CORRUPÇÃO, DESMANDOS, DE CRUZEIRENSES INFILTRADOS NA DIRETORIA, NO COMANDO, CHEGA DE DERROTAS!

    AFINAL, SOMOS GRANDES!

    É PRECISO ENTENDER QUE SÓ ASSIM OS CARAS VÃO ACORDAR! DO CONTRÁRIO, A TENDÊNCIA É PIORAR!

  8. Uma pergunta: Se o jogador Chará joga pela direita, inclusive foi contratado por ser destacar nessa posição, porque o treinador sempre o escala pela esquerda? Da pra entender? Abs.

  9. Reunião interna entre time, comissão e o diretor hoje.
    Eis a pergunta: CADÊ O PRESIDENTE? No momento que a cobrança precisa ser mais forte o cara não aparece. Se depender de cobrança do Alexandre Tadeu considere que não houve reunião.
    E o Leo Silva vem e diz que foi normalíssima. Que m… é essa? Não pode ser normal o momento, a cobrança, a situação. Tem que haver forte cobrança, murro na mesa, papo sério… Esse ambiente de muitos bonzinhos, escoteiros, amiguinhos, está prejudicando. No campo é esporte. Tem que ser melhor que o adversário. Mudem a postura. Mentalidade vencedora JÁ! Não quero ver meu Galo de volta aos anos 90.

    1. Andrade, Não quero o abel d volta no Galo, como vc defende, mas concordo com tudo q vc escreveu. SAN

  10. Que quiser se iludir, que continue se iludindo. O time, técnico, que pra mim já deveria ter dido dispensado, diretor de futebol e alguns jogadores tem que ser cobrado e questionados. O clube vive uma situação difícil, só tem o brasileiro, tem tempo pra treinar, mas o inexperiente Larghi está perdido,escala, posiciona e substitui mal. Não sabe fazer leitura de jogo. Precisamos de um técnico experiente, ousado e que entenda taticamente de futebol. Precisamos de zagueiros, goleiro reserva também. A massa tem que cobrar essa diretoria incompetente, que consegue ser pior a cada dia, cada vez mais omissa incompetente. Acorda massa, você apoia um time que não lhe meree.

  11. Como defender um técnico que já foi eliminado de 3 torneios, não ganha de time considerado grande, nem jogando em casa, e perde até para times inexpressivos, fora de casa ?
    Teve uma parada de 30 dias e o time voltou pior. E não adianta falar de desfalques porque foi só o Róger Guedes. Este Adílson não é lá estas coisas e o Bremmer nem titular direito era. O Blanco é bonzinho, mas não é isto tudo não. FORA Larghi. Abel Já.

    1. Genival, o Thiago Larghi ta devendo mesmo!!!
      Principalmente na beira do campo, é inadmissível ele ver o Edilson provocando o Otero na cara dele e não foi capaz de conversar com o Otero ou mudar ele de lado.
      No jogo contra o Inter 8 jogadores olhando o Hulk e esqueceram do HULK e o técnico só olhando, pow da um BERRO com os jogadores que eles escutam.
      Se os jogadores estão desatentos é OBRIGAÇÃO do técnico está LIGADO.
      Afinal ele tá na beira do campo para quê????
      O Thiago larghi é um técnico promissor mas tá muito inocente muito verde tem que evoluir mais rápido.
      Se empatar ou perder para o Santos é uma prova que perdeu o controle e deve ser substituído pelo Abel.

  12. Boa tarde.
    Eu ainda acredito, ele já escalou o lateral direito, sacando o Patric. Precisa mudar o esquema tático, Elias no banco, estamos jogando com quatro volantes, incluindo o Luan. Estão falando que vão emprestar o Cleiton ao Bahia. São incompetentes mesmo essa diretoria, o Ricardo Oliveira não tá jogando bem, vai emprestar o Cleiton, não dá para entender.

  13. As coisas também não nos favorecem muito. O inútil Fábio Santos já vai voltar no próximo jogo, enquanto Adílson só no returno e Blanco só o ano que vem.

    Fora Fábio Santos!
    Fora Patric!
    Fora Elias!

  14. E já está na hora de R. Oliveira sentir o gosto do banco. Diego Souza, outro mico que pagamos, virou camisa 9 no SP. Não temos outro centro-avante?

  15. Não José Roberto.
    Acredito como seguidor da coluna que devemos fuzilar todos e recomeçar. Pelamor de Deus viu!!!!!

  16. Bom dia,
    Pra inicio de conversa vou ser rapido e rasteiro.
    Na segunda feira durante o jogo do galo, até minha mulher que entende pouco de futebol e não torce para time nenhum, mim disse : esse Galo não vai ganhar de jeito nenhum, pois quando consegue sair pro ataque vai só até a área do adversário e começa a voltar a bola pra traz.
    Posse de bola não ganha jogo.
    Porque marquinhos não joga, porque bruno roberto não joga, e o alerrandro, todos times lançam jogadores da base só o galo não.
    Fora ricardo oliveira, fora patrick, fora elias, fora gabriel, fora victor.
    Quero meu Galo de volta.
    Fora ,Elias, ricardo oliveira

  17. Bom dia aos Atleticanos,

    Excelente abordagem do blogueiro.
    Ontem ao ver várias vezes aquele gol que tomamos, me veio lembranças muito saudosas de quando meu filho jogava bola nas categorias iniciantes, aqui em São Paulo seriam “Mamadeira e Fraldinha”, 5, 6 e 7 anos de idade.
    Era muito comigo ver quando um coleguinha ou um rival se machucavam e todos iam ficar em volta olhando, nós os pais dizíamos, “Lá vão os doutores vestir seus jalecos para tratar do doente” era cômico.
    Da mesma forma que foi o lance do jogo, que por ser sido trágico também acho que o melhor termo seria bizarro. Essa foi a melhor definição que pude encontrar.
    Dr Leo Silva e Dr Maidana e outros membros da nossa defesa, estão assim sempre cuidando dos esquecidos e melhorando a vida dos envelhecidos (André, Diego Souza, W. Paulista, e etc) e até mesmo ressuscitando defuntos.
    Realmente temos que tentar dar um basta nesta situação.
    Quando o treinador escalou três volantes contra o Palmeiras, depois daquele vareio contra o Grêmio ele fez o certo e vejo que em jogos fora de casa esta seja a melhor formação, mas, a equipe não pode jogar desta forma dentro de casa.
    Vejo falta de recurso total em matéria de variação de jogo, perde toda a semana treinando aquilo que vimos, minha impressão é que ele quebra a cabeça em arrumar um esquema que caiba o Elias, por isto estamos nesta areia movediça.
    Gosto de terminar minhas postagem com palavras de animo, porém neste momento elas me fogem, então, só posso me despedir dos amigos atleticanos desejando dias melhores para todos.

    1. Uma palavra de ânimo, bem provável de não termos o Elias na segunda-feira. Para ajudar, só faltaria o Adílson voltar. O time pode jogar bem e ficar difícil o retorno do Elias.

  18. Por que será que todo técnico, durante a entrevista, tem que dar explicações bobocas? Para o Galo sair do estado atual, eu só vejo uma saída: contratar mais uns 6 Elias e mais uns 12 Pastores. Pode não resolver, mas o time vai dormir mais em campo e todos vão ficar mais religiosos.

  19. Pois é José Roberto, seu texto fala tudo e mais um pouco… e vamos aqui acreditando em dias melhores, até porque, pior não pode ficar!!!!!!!!!

    No seu último parágrafo você pergunta, A CULPA É DE QUEM???

    Bom, digo com certeza uma coisa… da torcida que não é pois esta nunca faltou com apoio, mesmo que de longe já que nem todos podem estar no estádio!!!!!!!!

  20. querer ganhar o brasileirão 2018 é acreditar em papai noel, se com aquele time de 2013 que agente tinha e nao ganhamos, imagina com este time lixo que está ai. a sorte nossa é que o santos entrará em campo com o time reserva pq dará prioridade a copa do brasil.

    1. Sandro! Nós Atleticanos queremos eles_ incluo a tds q estão à frente do nosso CAM_ não…simples assim! Saudações

  21. Pois é, quem diz que lida com os números deveria saber que ele foi durante os dois últimos anos o melhor volante do brasileirão, é só estes diretores jogarem o Cartola que verão o que estou falando, mas, não queriam o bichado do Rithely.

  22. Pelo menos uma notícia boa hoje.
    Estamos livres por pelo menos um ano, da pior contratação do Galo dos últimos anos.
    Clayton foi emprestado ao Bahia.

    1. Espero que o Clayton arrebente no Bahia e seja bem vendido para Arábia ou para China recuperando o investimento, no Galo não deu certo.
      Achei uma boa esse empréstimo ao Bahia, uma decisão acertada da diretoria ficando livre de mais um salário a pagar.

  23. Oi Eduardo, José Roberto e Amigos, bom dia!
    Falou tudo. Eu também já desisti desse Galo de 2018.
    Você vai ver domingo, o Galo ressuscitando a carniça do Peixe. Como adora ressuscitar defuntos, é impressionante.
    Saudações Alvinegras,

  24. AmiGalos
    Não dá pra entender+ todo dia vemos zagueiros chegando em outros times da série A.Hoje foi o Paulo Ricardo no Fluminense.No Galo,que mais precisa não chega ninguém.Miopia ou incompetência.Só podem contratar por meio de empresários”ligados” ao clube?Tem alguma coisa que não cheira bem.Ja cansou este assunto.Continuamos esperando,mas não sabemos o que.Um abraço a todos

  25. Parabéns pelo texto, José Roberto.
    Agora, com este técnico, com esta zaga, com Elias e com Ricardo Oliveira, podem esquecer de vaga na libertadores.
    É livrar-se logo do rebaixamento e trazer um técnico de verdade para montar o time de 2019.

  26. Como eu disse a evolução do Thiago Larghi é URGENTE pois ele tá atrapalhando o time.
    O jogador com mais desarme contra o Inter foi o Luan e o que mais errou passes também foi o Luan, mas o que isso significa????
    Significa que o ELIAS é um zero a esquerda não marca ninguém e nem consegue armar daí o Luan tenta armar o time e não é a dele.
    Para o jogo contra o Santos o Elias tem que sair do time, e começar com Zé Welison, Galdezani, Luan, Chará, Nathan, Ricardo Oliveira.
    Não dá para abrir mão de um camisa 10 para esse zero a esquerda do Elias continuar jogando.

  27. 7C repete Nepomuceno. É o fundo do poço … Agora adota o silêncio como blindagem , como fez o anterior. Está gestão me decepcionou , esperava outra postura . Não vir a público para dar uma satisfação a torcida é conduta lamentável …. Explique Gallo, explique A não demissão do técnico , explique a falta de zagueiro , explique refugos … Hoje quero demonstrar que este papo de bom e barato é um desastre e destruiu o sonho faz Massa de ganhar o BR. Abel Braga já !

  28. PRA COMEÇAR ABEL..ABEL…ABEL…
    O RESTO É COM ELE. MAS ELE SABE DE MUITA COISA POBRE LA DENTRO E NAO É LOUCO DE VIR. PORISSO FICA ESSA TORCIDA IMBECIL SEM SABER DE NADA…COMO O BRASIL MESMO!!!

  29. Bom dia, pensando em 2019, fica a incógnita, com tantos jogadores emprestados o que esperar para 2019? Um novo remonte apenas isso…
    Não vejo nosso CAM prospectando muita coisa…teremos novamente um grupo desunido e desmontado.

  30. Em tempo:ainda dá para ganhar o BR18 se mudarmos de técnico.e acompanho o José Roberto neste belo texto:esta ficando cansativo reclamar os mesmos erros praticados pelos mesmos personagens.e a esperança vai se esvaindo aos poucos.só o amor incondicional pelo Galo é que fica.Eterno.

  31. Prezados, na minha opinião tudo isso tem um único culpado: ALEXANDRE KALIL!!!!!!
    Parece paradoxal e é. Foi o presidente maior ganhador de títulos do GALO e por isso se acha no direito de ficar indicando “presidentes” para nosso GALO. Primeiro veio com Daniel Nepomusono e agora com esse 7C……….. e temos que engolir. Alô Alô conselho deliberativo, deixem de ser pau mandado e analisem os nomes em quem votam. Agindo assim é que colocaram o GALO nessa lerdeza total, desmando total.

    1. Caro,
      Falou tudo, só q o (des) Conselho tb reza na cartilha do Bocarra…atualmente ñ existe oposição séria no Galo e ainda tem uns JABAZEIROS na imprensa e nos blogs prá evitar qq tentativa de surgir uma. Kalil e RG comandam isso aí, só os tolos acreditam q ñ e ali é só VAIDADE (serei prá sempre o maior presidente da história).
      GALO SEMPRE!

  32. Bom Dia,Amigos!na minha opinião-que defendo desde o campeonato mineiro-precisamos primeiro de um técnico de verdade.o atual é simplesmente a cópia do anterior do qual era auxiliar.o problema de jogadores ruins esbarra na falta de um esquema tático,coisa que nunca tivemos este ano.a maioria dos times que estão acima e outros nem tanto, estão jogando bem pelo simples fato de terem esquema tático.qual o time que tem um centroavante de 37 anos?qual joga com apenas um volante á frente da zaga?quem nunca lançou garotos da base(lançar para jogar e não jogar na fogueira)?tomamos gols de volantes contra o Gremio,Bahia e Inter.como temos duas peças nulas-Elias e RO- e apenas um volante,os adversários adiantam seus marcadores e dá nisto que deu.eu nunca acreditei neste técnico.contratamos uma penca de jogadores e qual deles foi lançado de verdade?foi só dar chance ao Maidana que ele se mostrou melhor que os outros.o Denilson joga mais que o pastor e nunca entra jogando.e vou bater na mesma tecla:porque o Tomás Andrade foi sacado do time quando estava jogando bem e o time vinha de tres vitórias?e o estranho é que os medalhões jogam mal e nunca saem,nem durante os jogos.tem sujeira no ar de Vespasiano.

  33. Bom dia!
    Porque não colocar Éder Aleixo e Reinaldo no comando do time?
    No mínimo seria passado como é jogar no Galo, requisitos básicos.

  34. A -B-E-L .
    Simples assim, traz um treinador, faz os 48 pontos e usa a base para ver quem pode ser aproveitado para o ano que vem.
    Despachando assim ELIAS, Patricks e Gabrieis do time…
    Voltar o estilo abafa em casa e para com este tic taka que não chuta bola a gol.
    Pastor é o cone mais barato!!!

  35. Bom dia José Roberto, Atleticanos e Atleticanas!
    A conjuntura atual do Galo é uma dura, curel e chata realidade: o time serve para disputar “no máximo” a 2ª divisão do BR, não mais do que isso!
    A gente sempre sonha, vibra e torce por novas vitórias e conquistas, mesmo sabendo das limitações da equipe.
    Mas, como bem disse José Roberto aqui, não dá mais para ficar nos enganando com uma Diretoria recém formada, diretor amador, técnico imaturo e com vários jogadores “sem brio e talento”.
    Como disse Eduardo no último artigo dele, o jogo de segunda seria divisor de águas:
    – Ou time provaria estar brigando seriamente pelo título esperado a 46 anos, ou seria “mais do mesmo”.
    O retrato fiel da situação atual pode ser explicado assim: “consertar o veículo em movimento requer talento, improviso e inteligência acima da média”.
    E o Galo, sejamos sinceros, tem poucos com estas virtudes!
    Mesmo assim, continuemos torcendo ‘Contra o Vento’! – abcs

  36. Diretoria incompetente resultou neste time ridículo. Abrimos mão da sul-americana e da Copa do Brasil. Perdemos um campeonato Mineiro que estava no papo. Hoje tem oitavas de final da Libertadores. Éramos para estar lá mas não tivemos competência para terminar em OITAVO no ano passado. Fazer o que né, acompanhar a partida do outro time de Minas do sofá e me conformar que na libertadores, só time grande mesmo. A Stella já está gelando. Tomara que os cabulosos azuis representem bem o nosso estado contra o time da CBF porque depender do Galo tá difícil!!!

    1. Fala sério Pedro… no blog do GALO e você vêm com essa de cabuloso azul representar bem o nosso estado contra o time da CBF???

      Você não é Atleticano cara, sai fora… eu quero mais é que caia uma bomba no Maracanã hoje as 22:00… pega sua Stella gelada e se foda com ela lá na PQP!!!!!!!!!!!!

    2. Maria detected… Engana ninguém… A smurfete azul que tem o sonho de gritar Galo vem aqui todos os dias, cheia de vaidade, TREMENDOOOOO…. CAI FORA!!!

  37. Bom dia a todos.
    O que mais me chateia e que os cara perde em erros grotesco pra não falar juvenil e amador e no outro dia estão todos felizes como se nada tivesse acontecido. Isso que da indignação. Jogador que se identifica com o clube erros como este perde o sorriso deixa de sair na rua por vergonha de tantos erros, mais não esse plantel é diferente. Estranho também o comportamento das organizadas que por muito menos invadiram o CD para cobrar dos jogadores. Estão muito passivos em relação do que está acontecendo. Claro que não falo em agressão ou opressão para jogadores jogarem por medo, isso não. mais pelo menos demonstrar para eles a nossa insatisfação, mostrar que não estão tendo motivos para sorrir e sim de trabalhar, trabalhar muito para representar nossa nação. Eles precisam reconhecer que ta tudo errado, que jogo só termina quando juiz apita e que tem que ficar ligado. Não dá mais para tolerar sofrer gols por falta de atenção e que a torcida não está feliz com a situação. Só assim, vão mudar…

  38. Bom dia José Roberto, Xará e Amigalos!!!!!!!!!
    O raciocínio é simples: A Diretoria apostou no bom e barato e se deu mal. O time é fraco, incluindo esse Ricardo Oliveira que só joga no Santos Futebol Clube. Leo Silva e Luan não se aguentam mais em pé!!!! O resto é refugo de jogadores dispensados de seus times. Somado a isso tudo, um pseudotreinador que precisa fazer estágio na série B para comandar time da série A. A permanência na elite do futebol brasileiro já vai estar de bom tamanho pra nós esse ano. Volto a repetir: foram 53 gols tomados em 2016, 49 gols em 2017 e já tomamos 25 até agora. QUANDO É QUE ALGUM DIRETOR DO GALO VAI ACORDAR PRA ISSO??????????????????????????????????????????????????????

  39. Bom dia a todos!

    O elenco é limitado sim, más se tivesse um treinador de verdade estaria em outras condições…
    esperaram o Cuca ser contratado pelo Santos, agora vão esperar o Abel ser contratado por outro time, e quando não houver treinador competente no mercado,ai sim eles vão demitir o auxiliar que esta como treinador do nosso Galo… ai será tarde demais!!!

    O problema é que quem deveria enxergar isso é cego e incompetente, que é o nosso diretor de futebol Alexandre, que de gallo só tem o nome…

    E para piorar quem deveria enxergar que não temos diretor de futebol e nem treinador, é outro cego, que é o nosso presidente…

    Triste resumo da história, não temos Presidente, Diretor de Futebol e nem treinador!!!!

    Hora da torcida de manifestar, ou vai continuar tudo na mesmice!!!!!!!!!!!

  40. Com o excelente time que tivemos entre 2012 e 2015 não conseguimos o brasileirão, não vai ser agora com essa água de batata.
    A diretoria é a mais lerda de todos os tempos, com discursos frios e desmotivadores.
    Sem comando forte essa história de figurante em campeonatos brasileiros contituará por mais 100 anos.
    Fora 7 câmara e gallo!!!

  41. Caros,
    Leio os coments. A ação definitiva nossa é ñ desistir do Galo, JAMAIS. É isso q querem ao montar times medíocres e confinar a torcida ‘eu acredito’ diminuída no pequenino Horto. Vamos com NOSSO GALO até o fim. Tema nunca debatido assim e q tem a ver com nosso momento é a entrega de mão beijada do Mineirão prás marias. Pq q temos de sacrificar nosso patrimônio prá ter algo q já existe, um estádio (2, se considerarmos o minúsculo). A Famiglia KVaidade&7Entendido tá nisso em prol de quem? Será q o banco RicardoMaria tá cobrando os juros? Vcs conseguem perceber o anacronismo desse projeto e o sacrifício de anos e anos de times competitivos? Pq essa vai ser a desculpa, ou vcs acham q ñ? “Ah, qnd o estádio estiver pronto, tudo vai acontecer”. E sobre estádio, sou terminantemente contra estádio vazio e a favor das manifestações mais contundentes durante os jgs e ñ somente depois. É elementar, os caras tem q sentir q SPA e vida boa sem responsabilidades é só lá no CT, dentro de campo o q queremos é futebol bem jogado, raça e VITÓRIAS, q é o q interessa. E se ñ nos respeitam, pq temos q respeitar? O “Verdadeiro” vai dizer: “se for prá vaiar, fique em casa”. O Verdadeiro é uma falácia, um SEM VERGONHA!
    Obs.: QUEREMOS O Br18 é uma mentalidade a ser formada, cultivada na Torcida, é fortalecer a ideia: TEMOS Q VOLTAR A VENCER O BRASILEIRO…e neutralizar esse papo FAJUTO de ano q vem. Nosso Galo, independente de ganhar ou ñ, entra nas competições prá LUTAR e VENCER e ñ apenas prá participar, abrindo as pernas, entregando a paçoca de antemão.
    Obs.: abaixo o OTIMISMO derrotista dos VERDADEIROs, uns pilantras acomodados e JABAZEIROS.
    Prá cima do peixe e QUEREMOS O BR18.
    GALO SEMPRE!

    1. Viana eu desconfio que os chamados atleticanos verdadeiros são na verdade mercenários a serviço dos interesses dos dirigentes em ter uma torcida passiva que aceita tudo em nome da doutrina da paixão..

  42. Aqui prá nós, não houve jogo de FUTEBOL na segunda-feira. Assistimos a uma verdadeira “pelada”. Aliás, pior que “pelada”, porque nesta, muitas vezes, nas “peladas” da periferia surgem craques de futuro…
    Continuo com o mesmo modesto ponto de vista: sem direção, time e técnico, não chegaremos a lugar algum. INFELIZMENTE. Anotem aí: não vamos ser rebaixados, porque tem coisa muito pior. Mas no G4 não chegaremos mesmo!

  43. Bom dia, José Roberto, Eduardo e Massa atleticana!
    Hoje, com a cabeça menos quente, quero fazer as seguintes ponderações:
    1) No início do trabalho de Thiago Larghi, a maioria de nós enaltecia a mudança de postura do time em campo, como as saídas de bola sem os chutões da era Cuca. Afinal, já não temos mais o Jô.
    2) Não podemos nos esquecer que perdemos pra tal fatalidade, os nossos melhores meio campistas, Adílson e Blanco. Cá pra nós não é fácil conseguir substitutos à altura desses jogadores.
    3) TL, conseguiu perder a torcida ao bancar irritantemente jogadores como Elias, Patric e Gabriel, por tanto tempo. Sem contar que na hora que nos vimos livres do inútil Fábio Santos, ele deu uma de professor pardal improvisando o péssimo Juninho.
    4) Perdemos nada menos que o melhor jogador do brasileirão 18, Roger Guedes. É muito azar somado à incompetência da diretoria no formato do contrato.
    5) Com os jogadores que temos à disposição atualmente, não adianta posse de bola, com toques do bola para os lados, para trás, sem objetividade. O time tem que aprender novamente a jogar no abafa, muita pressão no adversário. Pra isso vamos precisar de atacantes mais rápidos, que saibam segurar a bola e partir pra cima. Ou seja, não dá pra contar com Elias e Ricardo Oliveira.

  44. Bom dia José Roberto, xará e demais amiGalos. Muito se tem falado da atual do no amado GALO não vou repetitivo pois concordo com a maioria dos comentários e análises de nossos blogueiros. Muito bem precisamos de reforços dentro e fora de campo (todos sabem onde). Assisti outro dia o jogo entre Flu e Bahia e fiquei impressionado com a entrega e o futebol de três jogadores do Bahia, Zé Rafael (que tentamos e não conseguimos contratar), Vinicius (que jogou no Flu) e Elton (este estava na ponte) jogadores que não são caros e jogam mais que os nossos do meio campo. Trouxeram T. Andrade/ David Terans/Leandrinho/Edinho/Juninho/Emerson/Denilson, (jogadores meia boca) e sei lá mais quantos, devem ter gasto algum dinheiro (de graça é que não foi) e parece que não vão resolver os nossos problemas, não seria o caso de contratar dois ou três bons jogadores, estamos contratando baciada e dispensando baciada, assim fica difícil. Será que pelo menos estamos pagando alguma dívida?? Diretoria omissa, passiva vendo a vaca indo pro brejo e não se posiciona, vem a público e nos esclareça essa e mais algumas dúvidas. A quantas andam os cofres do Galo?? Qual o valor real de nossa dívida?? Eu como mortal comum não sei as respostas, alguém sabe??? Saudações atleticanas.

    1. Ia me esquecendo, o Patrick do Inter que foi considerado o melhor jogador em campo estava no Sport, outro jogador que não devia ser caro. Cadê os nossos olheiros?? será que temos??

  45. Qual o último zagueiro de qualidade que o Galo contratou?! Desde a época de Kalil….acho que o ultimo foi o rever… Desde então, só atacantes…é atacante jogando no meio, atacante jogando de volante, atacante jogando de lateral…..

    Precisa tomar mais quantos gols para mudar a mentalidade?! Não é só de atacante que vive um time.

    Jogar a culpa em Largui?!
    Olha o top 3 do brasileiro: Barbieri, Aguirre (!!), Odair Hellmann…..Ano passado quem ganhou foi o Carille…

    Abre o olho torcida

    1. Gustavo eu concordo que o Larghi é um técnico muito promissor, porém ele precisa evoluir rápido e ser mais pró ativo na beira do campo.
      Treinador não é para ficar de enfeite na beirada do campo, ele tem que ficar ATENTO e comandar e CORRIGIR o time.
      Ex: Na final do Mineiro tava na cara que o Edilson a pedido do Mano Menezes tava provocando o Otero, isso na frente do Thiago Larghi e o que ele fez?? nada e o Otero foi expulso.
      No jogo contra o Inter aquele bolo de jogador em cima no Hulk e ninguém para impedir a cobrança rápida que o técnico adversário já havia cantado e o Larghi o que fez? nada só olhou e não foi capaz de da um BERRO com os jogadores para ficar Atentos.
      Sem contar com escalações e substituições ERRADAS, a maioria das suas substituições ele PIORA o time.
      Chega uma hora o jogador passa a não obedecer o técnico o Larghi na entrevista disse que treinou e mostrou videos para alertar da bola parada e o que os jogadores fizeram?? não deram atenção e tomamos mais um gol.
      Por isso se empatar ou perder para o Santos FICA CLARO QUE O LARGHI FICOU SEM COMANDO e nesse caso precisa mudar.
      A melhor opção é o Abel Braga, e a melhor SITUAÇÃO é uma dobradinha ABEL COM O LARGHI.
      Eu sei é que a diretoria tem que ficar bem ATENTA e já pensar em 2019, formar um bom time agora e não esperar para depois.
      Pois o depois pode ser tarde demais!!
      Saudações!!

  46. Bom dia Zé Roberto e amiGalos!!
    Sem dúvidas é um ano decepcionante, eu ainda dou um crédito a gestão Sette camara por ser o primeiro ano e por causa da herança maldita deixada pelo Nepomuceno, lembrando que no primeiro ano do Kalil também não ganhamos nada.
    A decepção do segundo semestre vai para o promissor técnico Thiago Larghi, foi só ser efetivado que desandou tudo.
    Muito se fala em desmanche mas não vejo assim foram 2 vendas onde o Bremer nem titular absoluto ele era e o Guedes que era inevitável.
    Lamentável mesmo foram as contusões de Adilson e Blanco ao meu ver os pilares do time.
    Chegaram 7 reforços que precisam de uma sequência e tempo para se adaptar e é aí que nosso técnico mais erra, pois ou ele escala mal ou ele mexe mal e isso vem atrapalhando demais o time.
    Na minha opinião o jogo contra o Santos é a última chance para nosso treineiro se empatar ou perder tem que ser substituído e a melhor opção é o Abel Braga, mesmo que ele não assuma agora já deixa engatilhado para 2019 e quem sabe uma dobradinha Abel e Thiago Larghi juntos.
    Como venho falando em meus comentários 2019 já começou, é igual uma equipe de formula 1 que já foca no próximo ano.
    E a meta para chegar bem em 2019 é reforçar a defesa, definir o comando técnico se vai ser o Abel ou o Thiago Larghi para 2019, definir um time titular e dar sequência a esse time.
    Meu time titular é:
    Victor, Emerson, zagueirão top, Maidana, trazer o Douglas Santos de volta, Adilson, Zé Welison, Chará, Nathan, Leandrinho, Denilson ou Ricardo Oliveira.
    Cada jogador na sua posição sem inventar e fazer o feijão com arroz.
    Continuo otimista para um futuro breve 2019/2020 é nosso podem anotar aí!!
    Saudações!!

    1. Pois é, o erro dele é insistir no Elias. Teve que sair antes da Copa para engrenar o time e está atrapalhando o esquema agora. Se o Adilson voltar e ele ainda estiver suspenso, o TL pode acertar o time sem querer. O problema é que ele fica tentando encaixar o Luan no meio, quando deve jogar na ponta direita e o Elias.

  47. Vocês se lembram do GALLO como treinador do Atlético em 2008? Trouxe uma barca de jogadores de Santa Catarina e Paraná, ficou 2 meses no cargo e deixou a bomba pro Marcelo Oliveira. Por sorte não caimos naquele ano. Em 2008, o Ziza contratou muito mal e o Gallo acabou de piorar a situação. Esses caras que “querem inventar a roda”, só pioram as coisas. O Gallo deveria deixar a torcida do Atlético com boas lembranças do tempo em que ele foi capitão em 1999 e 2000. Que saudade do Maluf!

  48. Bom dia, caro José Roberto. Também eu gostaria muitíssimo de ver o GALO campeão do BR-2018. Entretanto, não é com esse bando de peladeiros de final de semana uma diretoria e comissão técnica amadoras que chegaremos lá. Estou desesperançado de ver isso acontecer. A última vez que o vi, tinha 25 anos e, hoje, estou caminhando para os meus 72 bem vividos, graças a Deus. Enfim, a esperança é última que morre. Avante, G-A-L-O!

  49. Meu caro, também cansei! Se a permanência desse técnico(?) e dessa comissão técnica(?) está garantida com os resultados (Mineiro, Sulamericana e Copa do Brasil, todos eliminados por times medianos), o que esperar no final domano?
    Já passou da hora de “Larghar” esse suposto funcionário no cargo de treinador.

  50. Bom dia!

    José Roberto, falou muito bem e perguntou melhor ainda: ” a culpa é de quem?”

    Acho que a culpa é de todos atleticanos, com peso maior para o Nepomuceno, 7C, Tadeu, TL e jogadores, nessa ordem.

    Quando disse todos, inclui a torcida e a mim próprio (somos muito chatos, emocionais e tripolares).

    Quanto ao TL, que todos querem a cabeça numa bandeja, muita calma nessa hora.

    Ele tem errado em demasia, principalmente nas escalações, substituições e justificativas, além das invencionices.

    Porém, quando ele estava com time arrumado (Roger Guedes, Bremer, Adilson e Blanco) ele fez um bom trabalho.

    Pedir a cabeça dele agora pode cair naquela esparrela de Nepomuceno, o fritador de técnicos, que nenhum bom resultado produziu.

    TL pediu paciência (coisa que a torcida não tem) mas acho que é chegada a hora da gente segurar a onda.

    Eu vou sair de cima do muro e ficar entre aqueles, se é que tem alguém, que vá defender a permanência dele no cargo.

    Alguém aqui no blog escreveu que o Abelão falou que só volta a trabalhar no próximo ano.

    Trazer outro técnico agora que não seja Abel é trocar seis por meia dúzia.

    Se é assim, fico o Larghi, por enquanto.

    1. Estou com você. Se fosse trocar, só pelo Abel. Com este perfil de jogadores que temos, que apesar de muitas mudanças, ainda continua alguns, só um técnico rodado para gerenciá-lo. Talvez, se tivéssemos ou outro diretor de futebol a história poderia ser diferente. Credito 80% da culpa na diretoria. Principalmente no seu diretor de futebol. Todo mundo que acompanha futebol está cansado de saber que um time precisa de tempo para maturar. Os que estão nas primeiras posições estão jogando ,mais de uma ano juntos. Tiveram tempo para fazer os acertos no início da temporada e nesta parada pequenos ajustes. No Galo, TL pegou o carro andando, trocou o pneu em movimento e quando estávamos prontos para fazer os pequenos ajustes, desmontaram o time. Em parte pela falta de sorte das contusões de Blanco e Adílson e a saída do Roger Guedes e e pela falta de competência de ter vendido um zagueiro (um dos melhores) e não ter trazido uma contratação para a defesa a altura. Preferiu contratar na frente. Agora, quando todos os times da frente estão engrenados, estamos começando tudo de novo. Trocando o pneu do carro em movimento. Adaptação de novos jogadores, esquema, entrosamento, etc. Olha o tempo que gastamos para engrenar no início da temporada? A culpa que eu coloco no Larghi está em ele manter o Elias. Antes da parada o time só melhorou depois que o Elias saiu (depois de muito custo) para a entrada do Blanco. Roger Guedes foi embora, mas temos um Chará que se mostra promissor. Blanco saiu e surgiu o Ze Welison. Estilo bem diferente do Blanco, mas que poderá dar consistência no sistema defensivo jogando ao lado do Adilson. Só falta agora alterarmos o esquema e arrumar um substituto do Elias. Isto que o TL terá que fazer. Mudar o esquema se for necessário para jogarmos com dois volantes marcadores e um armador de criação. O lugar do Luan é na direita. Para esta posição podemos jogar com o Natan, Cazares, Terans, Tomás Andrade, Galdezani. O problema é que eu acho que o Elias que é “capitão” do Larghi no campo. Por isso a dificuldade em tirá-lo. Se continuar abraçado com ele vai acabar saindo.
      Sobre o título, muito difícil. Não acho que nosso time seja pior dos que estão na frente. Hoje com um bom entrosamento, triangulações e os jogadores se apresentando para receber ajudam a nivelar muitos times. O problema é que enquanto os demais times da frente estão fazendo pequenos ajustes, nós estamos tendo que trocar novamente o pneu em movimento. Acha paciência e calma para fazer isto, porque não é fácil. Ideias que já estavam formada com jogadores de um perfil terão que ser revistas. Não tem como, um time vencedor não se faz de um dia para o outro. Precisa de tempo para maturação.

  51. A meta é simples, porém não será nada fácil: mais 20 pontos e pronto. É isso. Qualquer outra alusão não passa de falácia para afanar e iludir a apaixonada, incondicionalmente, torcida. É lutar para não cair. É o planejamento, aliás, é o que se pode esperar pela falta de planejamento. Ou pela incompetência do planejamento. Por aí. Podem escolher o que melhor expressar.

    Presidente que, assumidamente, reiteradas vezes, nada intende de futebol. Contratou para o cargo de Diretor quem nunca havia trabalhado nessa função, embora tenha ocupado outras nos bastidores do futebol, e sem qualquer sucesso. Dessa junção, nasce o show de horrores 2018: manutenção de um treinador com o qual nenhum dos dois tinha empatia e confiança. Aproveitaram de uma imbecilidade desse para dispensá-lo, embora os resultados alcançados até aquele momento já referendavam seu desligamento. Em seu lugar, colocaram, interinamente, quem jamais, é preciso frisar em caixa alta, JAMAIS, esteve à beira do gramado como treinador. Nunca havia treinado time de base, time alternativo. Sequer havia assumido a responsabilidade “no túnel”, após uma expulsão de algum treinador com os quais trabalhou como “auxiliar analista de números”. E o efetivaram! E tudo que aprendeu até aqui, teve como cobaia um dos maiores clubes do Brasil. E como erra o jovem! E é natural que erre, pois anormal foi a sua efetivação. Por isso, é crível que a meta seja não rebaixar esse ano!

    Dentro das reformulações do grupo de trabalho, mais provas da incapacidade de gerenciamento da gestão atual. Contrataram vários ex-atletas do clube, sem que os mesmos apresentem qualificações para os cargos que ocupariam. É e mais pura verdade: só foram contratados por serem ex-atletas (ressalto aqui a excessão ao Marques e ao Valdir Benedito, que se capacitaram em cursos nas federações Brasileira e Argentina). Se tornaram olheiros, cooptadores. E, sem qualquer mérito, pois resultados não apresentaram, foram “promovidos” a auxiliares técnicos do… Auxiliar promovido à técnico! É muita bizarrice! Colocaram quem não possui experiência para auxiliar quem experiência não tem. E tome escalações equivocadas, insistências inúteis, mexidas incompetentes.

    E, comunhão de erros, enaltecem vice-campeonato quando a vantagem era inédita, ridicularizam participação em campeonato sulamericano, preterem disputa rentável e focam, ou melhor, se iludem com o foco, em conquistar um campeonato que premia a competência e regularidade. Como meio de alcançar, desmontam um time, e remontam com peças quase juvenis. Pronto, parei por aqui. Pois encontrei a frase que resume todas as ditas anteriores: Diretoria, Comissão e Jogadores são extremamente juvenis!

    47 pontos. É isso. É só.

  52. Bom dia aos atleticanos e atleticanos . Muito bom o texto. Penso que uma mudança no comando técnico é fundamental e dos técnicos livres a minha sugestão é Levir Culpi pois o Thiago Larghi é refém dos veteranos. E o diretor de futebol também precisa ser demitido. Seu legado é terrível: um monte de muchibas com contrato de cinco anos e uma renovação com o Luan por quatro anos e salário de 400 mil. PASMEM quatrocentos mil mensais. Fora Thiago Larghi é Gora Alexandre

  53. Hoje, você foi muito bondoso. Precisamos de um Diretor de Futebol que contrate os jogadores com os perfis do Atlético. E não jogadores que esse atual diretor, montou na seleção de base na CBF. Precisamos de um Técnico com experiência para orientar os nossos jogadores jovens e dá conjunto. Dois bons zagueiros e para sincero um meio de campo. Vamos vão cair no Atlético X Cruzeiro. Onde o Kalil acordou para fazer História.

  54. Nosso elenco está repleto de NILSONS SERGIPANOS e nosso pseudo treinador é um LORI SANDRI da vida. Isso é fato!

  55. Alguém aqui ainda acredita em título? O planejamento pra ganhar o Brasileiro foi realmente feito ou ficou apenas no discurso vazio?
    Não podemos nos iludir, amigos.
    Só este ano o time foi montado e desmontado duas vezes! Trocamos treinador, vários atletas saíram, vários outros chegaram. O interino não sabia se ia virar efetivo até poucos dias atrás. Não há milagre que resista a essa bagunça.

    Além disso, o dinheiro sumiu.
    Não sei de quem é a culpa do desastre financeiro que o CAM se encontra. Talvez foi porque Kalil não pagou as contas como deveria. Ou talvez a culpa seja do Nepomuceno e suas homéricas cagadas. Enfim… Não sei quando começaram os problemas, mas o fato concreto é que o atual presidente pegou um grande abacaxi. E, ao que parece, não sabe como descascá-lo.

    É sabido também que o Galo nunca foi administrado com excelência. A história está aí para provar. Sempre usaram e continuam usando o Clube para outros fins que não apenas o futebol. Os empresários se esbaldam por aqui. Sempre tiveram livre acesso. Ao contrário de nós, simples torcedores, que nunca soubemos sequer 10% do que acontece na sede de Lourdes.
    E assim os erros se repetem, ano após ano, pois falta PROFISSIONALISMO, TRANSPARÊNCIA, ÉTICA E FOME POR TÍTULOS.
    Nosso Galo é sistematicamente maltratado pelos engravatados. E só resiste a tudo isso por causa da imensa torcida apaixonada e fiel.

    Querem saber a realidade?
    Enquanto não instituírem medidas modernas e assertivas na condução do Atlético vamos ficar a ver navios no campeonato Brasileiro. Não adianta sonhar com o título se não trabalhamos com afinco enquanto estamos acordados.
    Minha esperança é ver um dia o alto rendimento esportivo e administrativo tomando conta do Clube Atlético Mineiro. Aí sim seremos imbatíveis. Até lá, vamos torcendo contra o vento e esperando milagres acontecerem.

  56. Bom dia, MASSA! JR, tem qtos anos que esperamos por esse zagueiro? E vc ainda acredita q vai chegar esse ano? Sabe o que é pior, ninguém fala nada, não vemos cobrança, só a torcida que fala. Cadê os comandantes, que não dão satisfação nenhuma? Se bem que isso, aparentemente, virou tradição. Eu apoiei o TL, agora tá na hora dele seguir em frente, mas por bandas. Infelizmente o cargo de treinador fez muito mal a ele e nós.

  57. Bom dia massa e Guru. Caro Caldeira, a verdade nua e crua é que o time só não está no fundo do poço e brigando contra a degola, porque tem a torcida que tem. Aliás ,são anos e anos na mesma situação, o clube se escorando em nossa fé e nosso apoio, mesmo com a mediocridade reinante dentro de campo. Por isto somos invejados, e lembro-me de uma frase dita pelo mago R10. “Quando vim pra cá, pensei… poxa os caras não ganham a tanto tempo, mas não deixam de apoiar”.
    Mas o pior de tudo é a insistência em manter jogadores que nitidamente não tem perfil e nem futebol para jogar em nosso clube, e são odiados e execrados pela torcida, dentre estes e como unanimidade: Elias.

    1. Não só o Elias, mas o Ricardo Oliveira também. É um péssimo centroavante, não se posiciona bem, não tem domínio de bola e chega sempre atrasado nos cruzamentos das laterais. Insistir com um jogador só porque ele é caro é muita burrice ou covardia do técnico.

      1. Caro amigo Haroldo, sem querer defender o RO, mas fica difícil para qualquer centroavante fazer gols no esquema que TL vem praticando. Não há companheiro de ataque e as bolas cruzadas na área são ridículas parecendo que os caras começaram a jogar bola ontem. Precisamos ter um articulador de jogadas no meio e precisamos ter gente jogando com ele no ataque para fazer tabelas. Sem isso pode colocar qualquer centroavante lá que vai ser queimado.

        1. Concordo plenamente do JHGalo.
          Com este esquema adotado pelo treinador o Ricardo Oliveira passa todo o jogo esperando por apenas uma bola, quando estava recebendo assistências marcou em seis jogos seguidos, e mesmo assim continuavam a criticar, acho isto muito injusto, se colocar um armador e dois meias abertos vocês verão que as coisas mudaram.

      2. HAROLDO ALVES você disse tudo. Com Elias e Ricardo Oliveira a vaca já está no brejo.
        São apadrinhados não saem do time de jeito nenhum. O Ricardo Oliveira está mais
        para cantor de tango com aquele cabelinho lambido, futebol nada.

    2. JBHGALO, perfeito, só gostaria de acrescentar uma fala do Kalil. _ ” Time para ganhar titulo tem que ter referencia (s)”, explicando a importância do Ronaldinho Gaucho. O sucesso do Bernard, tanto técnico como financeiro se deve em muito a presença de Ronaldinho Gaucho. Prova que investimento traz retorno…
      SAN
      William.

  58. Bom dia José Roberto e amigos do Galo. Sinceramente eu gostaria que questões simples do NOSSO GALO fossem tratadas com a mesma urgencia que foi tratada a negociação do Shoping / estádio. Porque é tão dificil contratar um Diretor de Futebol? Porque é tão complicado trazer um ZAGUEIRO? Porque o NOSSO GALO está se distanciando cada vez mais da sua torcida? Porque nosso diretor de futebol e nosso treinador não apredem com seus erros? Porque NOSSO GALO não joga no Mineirão?

    1. Pois é, eu já venho defendendo há muito tempo jogar no Mineirão.
      Também já venho defendendo há muito tempo que não precisamos de Estádio, e sim jogadores à altura, capacidade de vestir nosso manto. Vamos mandar nossos jogos no nosso salão de festa, o Mineirão.
      Há muito tempo venho defendendo a saída deste forasteiro diretor de futebol chamado Alexandre Gallo. Só fez e vem fazendo m**** no nosso clube de coração.
      Há muito tempo venho dizendo que o CAM tem excelente centro de treinamento mas não tem equipe técnica para formar um grande time; não tem uma equipe de preparadores físicos capazes/competentes para dar condicionamento aos atletas.
      Há muito tempo que só tem diretoria política. E como todos nós sabemos no Brasil o que é que eles fazem?: limpar os cofres onde passam.
      Precisamos que a torcida acorde. Vamos defender o nosso Clube Atlético Mineiro. Queremos títulos e mais títulos. É o que nos fortalece.
      Aqui é Galooooo P****

  59. Prezado Eduardo, José Roberto e Atleticanos, realmente esta ficando repetitivo a tônica de nossos comentários. Mas como mudá-los se a diretoria e o time não permitem. Apenas para reforçar o que bem disseram ontem o Eduardo e hoje o José Roberto não temos time organizado que demonstre treinamento. O que estamos vendo é um time bagunçado, sempre com os mesmo defeitos, sem jogadas e atuando na base do bumba meu boi, ou seja lá o que der e vier. Assim “Confiança” virou virtude impossível de se obter; daí os jogos na covardia e as reiteradas lambanças que tem nos empurrado para derrotas e campanha pífia – se o campeonato tivesse começado após a copa, o Atlético estaria no Z4. O duro é o perder para times de medianos para ruins e assim constatar que estamos ainda piores que eles.
    Com um time recheado de volantes para compor o meio campo e um sistema defensivo moribundo, não dá para esperar nada de melhor. E digo mais: se não houver uma mudança drástica em todos os setores, o destino do time neste campeonato é seguir ladeira abaixo. Por isso, temos que continuar batendo na tecla para incomodar a atual diretoria e assim eles possam tomar alguma atitude para sair da passividade em ver a carroça indo para o precipício e nada se faz para evitar. Saudações Atleticanas

  60. Isto mesmo amigo: Se o jogadores não querem o título, nós torcedores queremos muito.
    Rumo a uma melhoria geral.
    Ainda dá tempo.
    Pra cima dos Santos e com vareio de gols.
    Galooooo.

  61. Bom dia José Roberto
    Bom dia nação alvinegra.
    Realmente está repetitivo . Esta passando a hora da torcida Atleticana cobrar efetivamente da direção ( Se é que o Galo tem uma ), uma atitude de amor ao Clube.
    Não concordo com cobranças fora dos padrões racionais , se bem que dá vontade de quebrar o pau.
    A DIRETORIA do Galo precisa tomar um tranco pra ver se acorda , pois o Galo não é este monte de lixo que estes incompetentes e incessíveis estão pensando.
    A torcida deveria sumir do Independência , talvez assim , estes dirigentes comecem realmente apensar em um time que honre a camisa do Glorioso.
    Chega de desculpas. Chega de sofrimento. Chega de submissão.
    O Galo precisa de três coisas pra voltar a ser o time que era .
    – UMA DIRETORIA CAPAZ e COMPROMETIDA COM O CLUBE.
    – UM TÉCNICO que seja realmente um Técnico de Futebol
    E finalmente,
    – UM TIME DE FUTEBOL.
    Um bom dia a todos.

  62. Bom dia Eduardo e massa. Grande texto José Roberto. O principal culpado por este time de amontoados de jogadores e 7 câmera. Foi ele que contratou GALLO para ser diretor de futebol. O 7 câmera tem coragem de contratar um diretor de futebol que nunca foi diretor em algum clube,Que eu saiba o péssimo GALLO não foi diretor de futebol. Foram dispensados vários medalhões e refugos. Mas também chegou vários refugos de outras equipes. Isto chama falta de competência ,estamos na mão de amadores e aprendiz e jogadores sem raça e vergonha na cara,o Thiago não tem coragem de tirar o cone 2.do time. O Thiago não tem coragem de tirar o Elias do time,simplesmente o Thiago é um pau mandado por medalhões e empresários. Etc.cansei de passar vergonha com estes peladeiros que andam em campo. No blog anterior tinha comentários pedindo Luxa,adilson,joel Santana estão querendo afundar o galo mais que já está afundado,engraçado para está diretoria amadora está tudo bem. Empata com Bahia e perde em casa é não vem dar explicações a torcida. Reage galo. Vai galooooooo.

  63. Bom dia a todos os atleticanos e atleticanas de todos os matizes!
    O elenco é limitado tecnicamente.
    A diretoria apostou no bom é barato. Segundo escrito nesse blog o CAM foi o time que mais e melhor contratou na intertemporada! Contratou quem? Chegaram ILUSTRES desconhecidos, apenas isso.
    Querer o BR 18 é no mínimo delírio!
    O que nos faz imaginar que o próximo jogo (santos) será diferente? O que mudará nesse curto espaço de tempo?
    Já passou da hora da torcida protestar, e protesto de torcedor é não comparecer aos jogos. Argumentos piegas do tipo “temos de apoiar incondicionalmente” leva a isso. A torcida aceita tudo! Afinal de contas: “eu acredito”.
    Acredito que temos um elenco ruim, uma diretoria RIDÍCULA, e que continuaremos esperando o BR para o próximo ano.
    TORCER SEMPRE sem NUNCA perder a CAPACIDADE de julgar!

    1. Esse ano é lutar por uma vaga na Libertadores, mas o foco total tem que ser para 2019.
      Infelizmente esse ano não dá mais mas se a diretoria já começar a planejar o ano de 2019 vamos com certeza ter um time campeão.
      Definir o comando técnico, reforços para defesa, definir o time titular e dar padrão de jogo são ações imediatas já visando 2019.
      NÃO DA PARA MONTAR A EQUIPE NO MEIO DO ANO, EM JANEIRO TEMOS QUE TER UMA EQUIPE COM QUALIDADE E ESPIRITO CAMPEÃO!!!
      Se começar o planejamento AGORA temos tempo de sobra, mas se DEIXAR PARA O FINAL DO ANO infelizmente vai ser mais um ano na fila.
      2019 JÁ COMEÇOU!!!! ACORDA DIRETORIA!!
      Saudações!!

      1. Oi Pablo, bom dia!
        Concordo mais uma vez contigo no que se refere ao planejamento para 2019.
        Mas, iniciar este trabalho com os estagiários que comandam o futebol atual, será mais um ano perdido.
        A começar pelo TL (pau mandado da diretoria), não tem voz de comando. Cadê o zagueiro PRONTO? Ele levou um puxão de orelha da diretoria e mudou o seu discurso.
        E o elenco? Desqualificado e desequilibrado.
        Futebol sem dinheiro não se monta um time campeão.
        Abraços,

        1. Jandir infelizmente falta experiência a essa gestão:
          Sette Camara aprendendo a ser presidente.
          Gallo apreendendo a ser diretor.
          Thiago Larghi aprendendo a ser técnico.
          Tenho esperança que esse ano tenha sido de aprendizado e que 2019/2020 seja de vitórias.
          Estou otimista para um futuro breve do Galo, 2019 já começou!!!

      2. Isso aí Pablo.
        Esse é significado do verbo torcer. Ficar de minimi e agourando a diretoria não é torcer.

    2. Olá amigos da bola!

      Faço minhas, as palavras do amigalo Alberto MTC2!…. A forma de protesto que temos, dentre outras, é principalmente deixar de ir ao estádio …… Resolve!… Porém, os alienados continuarão apoiando incondicionalmente a incompetência que está impregnada em nosso Galo!……………… Desta forma, a tendência é piorar!

      Estou cansado……..

    3. Boa tarde Alberto!
      Discordo de você quanto ao elenco. Não é uma Brastemp, mas também não é ruim de tudo. Por acaso alguns times que pontuaram mais que o Atlético após Copa, tem elencos melhores que o nosso? O erro da diretoria foi não contratar zagueiros experientes e efetivar esse TL, que até hoje não disse a que veio, sendo eliminado de todas as competições até aqui, deixando de ganhar o rural qdo o jogo estava 3 X 0 e teve tudo para ampliar o placar e sangrar-se campeão antecipado, recuando o time é colocando um volante que não jogava há um mês. O time tá mal treinado, não tem jogada ensaiada, o espaço entre o meio e o ataque é um buraco só e a maioria dos times que aqui vem domina e manda no meio. Temos um elenco razoável e com um técnico de ponta e experiente colocaria este time eixo. Agora dizer que tudo não presta é demasiadamente querer defender este técnico incompetente que nao sabe escalar, substituir e dar padrão de jogo ao time. Infelizmente nessa altura trocar o treinador é começar tudo de novo do zero e o tempo é escasso. Temos que torcer para este pseudo técnico possa fazer uma mágica e tentar dar o.minimo de um padrão de jogo, qdo ele estiver todos os jogadores disponíveis para jogar, principalmente o Adilson. Que dias melhores possam vir e o nosso Galo reagir neste brasileirão, conseguindo pelo menos uma vaga na libertadores. Saudações atleticanas a todos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.