Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Liderança e momento Atleticano

Somos plurais, ainda bem, em nossas escolhas e reações. Fossemos todos iguais, seguramente, tudo seria muito sem graça. Em qualquer circunstância, seja de ordem política, religiosa e – claro – do nosso time do coração. Então, nada mais natural que até entre nós Atleticanos existam opiniões diferentes. Todas convergem, entretanto, no querer o melhor para o nosso Galo.

Digo isso, pois estamos – novamente – numa transição do comando técnico. Sampaoli, apesar de merecer muitas críticas, teve méritos. Qual, entre nós, imaginava a terceira colocação e a vaga para a Libertadores? Poucos! Digo, antes do início da competição. Perdemos, creio, por teimosia dele em jogos que foram decisivos e nos afastaram do título.

Outra situação que não pode ser esquecida. Ele limpou o elenco. Me lembro de momentos antes de assumir que aqui mesmo neste nosso espaço fizemos listas de dispensas. Todas, sem exceção, tomaram outro destino. É bem verdade, que ao sair, deixou outra relação de jogadores que não agradam ao Torcedor. E, com todo respeito, custaram caro aos cofres do Galo. Que seja dos benfeitores, mas poderia ter sido em mercadoria de melhor qualidade.

Agora, com a chegada do Cuca, vem aí até o momento o Tchê Tchê. Meu primeiro impulso foi contrário, mas depois, recordando o histórico dele no Galo, passei a relativizar. Quem, de sã consciência, queria Pierre e Donizete, trazidos por ele quando chegou ao Galo? Então, com todo respeito aos divergentes, creio que merece respeito e boa expectativa. Se não der certo, pau nele! Antes disso, por amor, caro Cuca, zagueiro sim e atacante não. Temos meio e frente em excesso, mas lá atrás a coisa não tá boa.

Sobre o jogo de hoje, vamos lá. Claro que espero outra vitória do Galo, aproveitando ainda para novas experiências do treinador. Rafael e Talison me agradariam e outros garotos da base, dependendo do andamento da partida. O Pouso Alegre é o terceiro colocado e faz campanha interessante para time estreante na elite mineira. Tem o segundo melhor ataque, com 11 gols contra 19 do Galo, portanto merece atenção do nosso vulnerável setor defensivo.

Existe até um tabu. Nunca vencemos o dragão. Foram seis jogos, sendo três empates e igual número de derrotas. A metade dessas partidas foram jogos amistosos e a outra parte pelo campeonato mineiro. Duas derrotas por um a zero e a outra em dois a um.

Os empates com o Pousão foram em um, dois e três gols. Este último teve uma cena inusitada. Foi pelo mineiro de 1990. Nosso eterno ídolo Éder Aleixo marcou dois e deu assistência ao terceiro gol Atleticano. Irritado com a atuação da defesa, o bomba santo saiu de campo e abandonou a partida. Coisas da memória do futebol.

Pois que, hoje com Éder na comissão técnica, esperamos uma boa e convincente vitória. Mais três pontos vão consolidar tanto a classificação quanto encaminhar a liderança e vantagens para a fase final do campeonato estadual. Lembrando ainda que, daqui duas semanas, começa a Libertadores. O sorteio dos grupos será na próxima sexta-feira. Cuca tem mais três jogos para armar o time e dar ritmo aos atletas para esse novo desafio.

*fotos: Pedro Souza/Atlético

24 thoughts to “Liderança e momento Atleticano”

  1. CARO PAULO SILVA , CONCORDO COM QUASE TUDO QUE VOCÊ DISSE , AGORA É UM ERRO , DIZER QUE ESTAMOS BEM SERVIDOS DE GOLEIRO E QUANDO VIER O ARREPENDIMENTO JÁ SERÁ TARDE.
    ME ARRISCO AQUI A DIZER , QUE SE TIVÉSSEMOS UM ÓTIMO GOLEIRO TERÍAMOS CHANCES DE TER SER CAMPEÃO , APESAR DOS ERROS DE SAMPAOLI.
    SOMA-SE A FALTA DE UM GOLEIRO E AS LAMBANÇAS DE SAMPAOLI , DEU NO QUE DEU.
    QUANTO A HULK E VARGAS , SÃO DOIS FOLGADOS , EM FIM DE CARREIRA , NÃO FORAM BOAS CONTRATAÇÕES .
    A SOLUÇÃO É O BANCO DE RESERVAS.
    TARDELLI , OUTRO APOSENTADO , JÁ DEU O QUE TINHA QUE DAR. PODE DISPENSAR.

  2. Boa tarde, Eduardo e torcida Atleticana.
    Fico pensando, às vezes, como existem pessoas com muita sorte. Como exemplo o Alan. Não sei quanto ele ganha mensalmente, mas, para uma pessoa que deveria ser trabalhador braçal, com todo respeito aos outros, ser titular do Atlético, é demais. Ruim em excesso, nervosinho e ganhador de muitos cartões, coloca nosso sistema de defesa em perigo constante. Será que somente a torcida enxerga que esse jogador não serve??? Rabelo, Gabriel, Bueno, Mariano, poderiam ir para várzea.
    Yohan, é uma piada, nem tem força para chutar. Hulk, por enquanto, apenas decepção, muito pesado, poderia ser centroavante se perdesse uns 30 kilos. Estamos longe, ainda, da qualidade do Flamerda e do Palmeiras. Melhor não se iludir com Brasileirão e Libertadores.

  3. O Galo precisa enxugar o elenco e consequentemente sua FOLHA MENSAL. Sim, é necessário. Objetivamente:
    1 – Sai Mariano, Talisson é um bom reserva para o Guga.
    2 – Sai Bueno. empresta Gabriel e vende o Rabelo. VEM 2 zagueiros e sobe 1 da base.
    3 – Vende Jair (sim, machuca demais), empresta o Dilan Borrero.
    4 – Hiorran e Nathan, é um ou outro. Cabele já está no elenco.
    5 – Tardeli até o fim do ano, MAS COM PRODUTIVIDADE. Adianta nada jogar 2 e ficar um mês fora.
    6 – Sasha poderia ser envolvido em alguma negociação, para chegar um 9 de ofício. Tem muita gente pra fazer a mesma função.
    7 – Negociar o Alan Franco na minha opinião é um erro no momento. O jogador tem potencial e pode ajudar muito ainda, mas precisa estar 100% fisicamente.

    1. caro amigalo Andrade

      Onde assino? Só vou acrescentar à sua lista o Vargas e acrescento mais. Ontem O Santos com jogadores da base foi à Argentina e enfiou três no famoso San Lorenzo, coisas de DNA, já que por lá todo dia surge alguém da base se destacando.
      Já por aqui, ao invés de investir na base, vamos a cada dia contratando jogadores formados, rodados e rejeitados pelos clubes de origem. Faço ideia a brochada do Neto ao saber da contratação do Tchê Tchê.

    2. Cuca: o Mariano a gente já sabe que não presta. Você coloca o Talissom e no intervalo ja o saca do time para voltar o Mariano. Assim, você sepulta o Talissom. Me lembro quando o Leão lançou o DeDê na lateral esquerdo. Ele disse a ele que iria dar-lhe uma sequência de jogos e assim o fez. Agora Colocar o Talissom e sacar com 45 minutos de jogo? E para colocar o inútil Mariano?

  4. Bom dia xará e amigalos!
    A LIBERTADORES COMEÇA DAQUI A DUAS SEMANAS! CADÊ OS REFORÇOS PARA A DEFESA???????? GALO VAI PREFERIR ARRISCAR E CONTRATAR ALGUÉM QUANDO A VACA JÁ ESTIVER ENTRANDO NO BREJO??????????
    Concordo com o Guru. Quando é que Talison terá oportunidade???? O que Cuca e Sampaoli viram de bom no futebol do Mariano MEU DEUS DO CÉU!!!!
    Ontem o Santos venceu o San Lorenzo com gol de um garoto de 16 anos!!!!!

    1. Olá amigos da bola!

      Vi o jogo do Santos contra o San Lorenzo lá na Argentina e fiquei impressionado como o tal Ariel é excelente treinador!

      Dizem que é um Sampaoli melhorado

      O peixe jogou pra cima do time argentino, não deu descanso! Que inveja!

      Nosso elenco é melhor que o do peixe, mas tenho certeza que quando formos para a Argentina enfrentar alguém, será um Deus nos acuda. Time recuado e na base do Chutao.

      Como eu gostaria de ver esse Ariel no Galo! Por que os caras do comando atleticano não “sabem” trabalhar?

      Vejo o Santos candidato a tudo que vai disputar esse ano, muito por causa do treinador Ariel.

      E como esse peixe revela craques!….

      Sabe por que? Porque lá, não deve existir apadrinhamento, e os olheiros, são bons em detectar a tal habilidade!

      Coisa que por aqui não existe mais.

      Que pena!

      Repito: esse Ariel é excelente treinador, fosse do Galo, provavelmente seríamos campeões do brasileiro e da Libertadores!

      Outra coisa, o time do Cuca raramente marca alto, é difícil viu!

      Os chutoes já começaram.

      Vamos torcer!

  5. De goleiros o Galo está bem servido. Everson, Rafael e Mateus Mendes são bons goleiros e com uma zaga e volância regualares eles renderão muito mais. Na lateral esquerda estamos bem com Arana e Dodô e na direita estamos a pé. Na zaga temos o Júnior Alonso o melhor zagueiro do time, mas quando vemos os outros não tem nem jeito dele ser outra coisa. É mediano e está sobrecarregado porque sente que tem de ser o Xerife da zaga e isso é demais para ele. Precisa ter um bom zagueiro ao seu lado assumindo a regência da zaga para que ele possa se preocupar só com a sua parte. Aí sim, ele crescerá. Interessante é observar que o Igor Rabelo está evoluindo com essa sequência de jogos no mineiro. Pena que o mineiro é pouco para se fazer uma avaliação mais criteriosa e mesmo assim, para que ele seja um zagueiro mediano ainda precisa melhorar muito. De volantes é mais ou menos como a lateral direita. Não temos nenhum efetivamente marcador e protetor da zaga. Com a chegada do Tchê Tchê isso pode melhorar, mas ele sozinho é pouco. Zaracho quebra o galho, mas não é volante de ofício, Allan é fator de risco e dispensável. Restam os garotos da base que ainda não foram testados adequadamente e nem acho que serão. A base do Galo não rende comissões, propinas e rachadinhas. De meias estamos bem servidos desde que Nathan, Hyoran e Borrero não joguem.
    E lá na frente Keno e Savarino precisam ser treinados para aprenderem o que fazer com a bola depois que se livram dos marcadores. Ainda não sabem fazer cruzamentos, dar passes ou finalizar. Bola com eles e bola perdida é a mesma coisa. Hulk e Vargas já fizeram tudo o que poderiam fazer na vida e agora é só deixar o tempo passar para aposentar. Pena que farão isso às custas dos cofres do CAM. #não vão dar certo. Marrony é bom desde que jogue e seja respeitado pelo treinador para adquirir confiança. Sasha será bom coadjuvante, se jogar como o Beto, Spencer, Marcelo Oliveira, Humberto Ramos, Marques e tantos outros meias atacantes que o Galo já teve ao lado de um ótimo centro avante. É claro que ele não tem a qualidade de nenhum deles, mas servirá. Joga bem como segundo atacante abrindo espaços para o goleador que não temos. Esse elenco desequilibrado que o Galo tem pode oferecer um ótimo time nas mãos de um bom treinador. Nacho dispensa comentários.

  6. Canto do Galo, bom dia!!!

    Caro Eduardo, permita-me um contraponto a uma sua observação no excelente texto de hoje:

    “(…) Antes disso, por amor, caro Cuca, zagueiro sim e atacante não. Temos meio e frente em excesso, mas lá atrás a coisa não tá boa…”.

    Eis o contraponto, com todo o respeito:

    No ataque atleticano falta um “nove” finalizador, tipo aqueles, mesmo que caneludos, tal qual era Dario, mas oportunistas e fazedores de gol…

    Os atacantes atuais do Galo, principalmente os que jogam mais centralizados, são todos pés murchos…

    Tá osso!!!

    Concordo, Eduardo, que o ataque do Atlético está recheado de bons jogadores…

    Mas…

    Entendo que há falta no Elenco de um definidor, tal qual foi Jô naquele quarteto fantástico que tinha o Bruxo como armador ofensivo e Tardelli e Bernard como atacantes de beirada…

    Imagina aquele ataque com o Sascha ou Vargas e sem o Jô:

    Teria o Galo ganhado aquela Libertadores?

    Estimo que não…

    Se o Atlético trouxer o zagueiro que falta, mas não trouxer o centroavante que necessita tanto vai chegar aquela hora decisiva, contra os times mais encardidos, que baixará no Cuca o espírito do CucaBol e ele, Cuca, mandará de novo ao ataque, no desespero, o Igor Rabello, o Rever ou um “altão” qualquer do Elenco para tentar achar um gol que não virá…

    Aí terá chegado de novo, na Temporada 21, o nosso choro e ranger de dentes que nos acompanha há 50 anos…

    Sem um definidor o Galo corre sério risco de nadar, nadar e nadar e sair na mesma praia de sempre, de novo, vestido daquele velho conhecido, o Caballo p@#@Gu@i@…

    Atenção senhores Cuca, Sérgio Coelho, Rodrigo Caetano e papai Menin, muita atenção:

    Centroavante já!!!

  7. BOM DIA EDUARDO E MASSA ATLETICANA .
    CUCA É O NOME CERTO , NO LUGAR CERTO E NA HORA CERTA.
    POSSO VIR A CRITICÁ-LO , MAS , CUCA É O MELHOR TÉCNICO NO BRASIL NA ATUALIDADE.
    COM UM BOM ZAGUEIRO E UM INSISPENSÁVEL BOM GOLEIRO , ESTAMOS PRONTOS RUMO ÀS VITÓRIAS E AOS TÍTULOS.
    QUANTO AO HULK E VARGAS , OS DOIS , PRECISAM SER COBRADOS E APRESENTAREM BOM FUTEBOL , COM GOLS , E ATÉ O MOMENTO NENHUM DOS DOIS PRODUZIRAM ABSOLUTAMENTE NADA.
    SE CONTINUAR ASSIM , BANCO NELES.
    SÓ DEVE JOGAR QUEM APRESENTAR BOM RENDIMENTO EM CAMPO , NADA DE PROTEGER , NEM PASSAR A MÃO NA CABEÇA DE NINGUÉM.
    HULK ESTÁ MUITO VELHO E TENHO SÉRIAS DESCONFIANÇAS EM RELAÇÃO AO SEU FUTEBOL , PRECISA PROVAR QUE PODE SER TITULAR.
    QUANTO A NACHO FERNANDES , ESSE SIM , É O CRAQUE DO TIME.

  8. bom dia Eduardo e massa. hoje vencer e vencer. ja que o tchê tchê veio que seja bem vindo ao maior de Minas. mas tenho pena dos jogadores da base que poderia ter chances no time e render milhões para o galo no futuro mas os donos do clube gostam de jogadores prontos e a base esquecida.lembro bem quando o 7 câmera disse vamos olhar para base que nada encheu a equipe de refugos e peladeiros. agora vem o coelho com mesma ladainha a vamos olhar para base que nada foi mesma piada.mais uma vez diretoria e donos do clube se não vier zagueiros e lateral direito esquece títulos importantes em 2021 fica a dica. a galo não aprende com erros do passado. vai galooo.

  9. Bom dia!
    Sem concordar com o retorno de Cuca, sem concordar com a contratação do contestadíssimo Tchê Tchê e sem concordar com a aparente ignorância de Cuca em relação à defesa, bem como ao clamor da torcida, sigo hoje sem torcer contra. Afinal, se queremos um Galo melhor e um Brasil melhor, seria muita burrice torcer contra.

  10. Se comparar o que o Tchê Tchê jogou no último jogo contra o Galo e a palhaçada do Allan no mesmo, acho que merece uma chance, principalmente por ser uma contratação digamos “barata” e que se não der certo não vai virar um passivo enorme.
    Diferencial do Cuca é que monta um time/esquema e mantém, o que pode gerar uma integração maior. Vamos ver a evolução hoje e domingo. Revi os melhores momentos do jogo citado acima e concluí: com Igor Rabelo não dá.

  11. Vendo uma notícia de que o Corinthians está dispensando o Otero e Casares, me vem na lembrança que o ano passado quando o Sampaoli não usou o Casares muita gente aqui no blog cobrava o jogador no time juntamente com Otero. Esse Casares é um enganador que ficamos livres desse encosto

  12. Se for por menos de três volta todo mundo
    pra concentração , como fazia Yustrich , ao
    não gostar do jogo .

    Respeito ao adversário é bola na rede dele
    sem piedade .

    Aquecimento para domingo .

  13. Bom dia Eduardo, atleticanas e atleticanos que estão vendo o Galo voando no Mineiro e esperam ter um pouso bem alegre logo mais. Tudo bem que voo de Galo não é lá essas coisas e geralmente eles pousam com o bico no chão. Mas hoje será diferente, teremos um pouso tranquilo e cheio de alegria pela classificação antecipada e a certeza de que o time estará melhor ainda para o domingo. O time de Pouso Alegre, como lembrou o Guru em seu artigo sempre dificultou para o Galo. Está invicto contra nós, mas hoje com certeza vamos quebrar essa castanha e colocar as coisa no seu devido lugar.

    Tchê Tchê no pedaço e se o BID deixar talvez ele até jogue no domingo. Só estou chateado por ver que ele “rouba” vaga que seria de um dos nossos garotos, mas o Galo é assim mesmo ou melhor, virou isso mesmo, desde que passou a ficar nas mãos de agentes e empresários de jogadores e de dirigentes ávidos para pagar comissões e pegar um troco. Quem deveria pagar comissões são os jogadores, pois, eles são os que levam mais vantagem nessas transações. Mas, as propinas e rachadinhas inverteram a ordem das coisas.

    Enquanto não estiver saindo dinheiro do meu bolso eu não tenho nada com isso, além de ficar triste de ver o meu CAM ser espoliado por quem deveria cuidar dele.

    A compensação por mais essa desnecessária despesa com o bom Tchê Tchê é a possibilidade dele assumir a vaga do Allan e nos livrar desse incômodo. Agora só falta zagueiros para afastar de vez o Gabriel, lateral para o lugar do Guga, chá de banco até o Hyoran ficar com a bunda quadrada e o sumiço do Hulk e do Vargas. Aí o Galo começa a ficar perfeito.

    Uma bela quarta-feira para todos nós que poderemos ver o Galão da massa logo mais e festejar mais uma vitória.

    O GALO ESTÁ VIVO E ATIVO ESPERANDO O CUCA ACORDAR E PERCEBER QUE SÓ FALTAM TREZE DIAS PARA A LIBERTADORES COMEÇAR E ELE FICA PERDENDO TEMPO COM JOGADORES QUE NÃO VÃO DAR CERTO.

    1. Prezado Paulo
      É um assunto polêmico. Também acho que aí está o grande golpe dos dirigentes pilantras. Não vejo motivo para pagar comissão à agentes de jogadores. Se não quiser vir, venda para outro. Na hora da venda de um atleta do elenco é acertar que não pagamos nada a empresários ou agentes. Porquê?
      Um abraço

      1. Caro ROBERTO, saudações.
        Realmente é um assunto polêmico e é até temerário tocar nisso. Mas, como disse o promotor do power point, não precisa prova, convicção basta. O fato é que não tenho prova e nem convicção. Só acho. Você também não acha que pode? Doutra forma como explicar essas contratações do tipo do Bolt? Como explicar quase cinquenta milhões em dívidas de comissões só para um empresário? Difícil é saber quem paga e quem recebe o troco. Um abraço.

  14. Bom dia Ávila. Bom dia a todos. A pluralidade de opiniões é saudável pois as percepções individuais decorrem de diversos fatores. Hoje no site da Globo o Wagner Mancini está dizendo que o Cazares está gordo e acima do peso ele não rende. Na mesma matéria o Corinthians afirma que pode não renovar com Jemersom, Cazares e Otero liberando este trio no meio do ano. Muitos aqui neste espaço defendiam a permanência do Cazares no time. Todavia ele repete no Corinthians a mesma conduta indolente que teve por quatro anos no Galo. Respeitando a opinião de todos: um dos legados do Sampaoli foi nos livrar desse Cazares e indicar a contratação do Nascho ( este um profissional na acepção da palavra). A contratação do Jemersom também, na minha opinião, deve ser avaliada: por que o Mônaco não teve interesse na renovação de um jogador de 28 anos? Por que o Corinthians está pensando em liberar? Seria só aspecto financeiro. Agora o tchê , na minha opinião tem o perfil do Galo e vai se encaixar muito bem aqui, sendo importante observar que pode jogar na lateral direita também, onde eu acho que será o titular, caso o Guga seja vendido. Ter como alternativas para as laterais o Tchê tchê e o Dodô eu penso que houve um fortalecimento muito bom do time em 2021. Se houver a contratação de um zagueiro top aí a coisa fica muito legal. Jemersom pra mim não é a solução. Acho até que o Gil pode sim ser uma boa. Mas, o Rodrigo Caetano precisa tirar do elenco alguns jogadores, tais como Mariano, Bueno, Dilam, Nathan , Jair e TARDELLI ( excesso de lesões ) pois, essa turma aí recebe muito e entrega pouco.

    1. Bom dia. Eu só vou assinar embaixo porque voce ja disse tudo, apenas acrescentaria o Alan Franco na Lista pois pelo excesso de estrangeiros, pelo que ele custou e o que entrega também é prejuízo para o clube.

    2. Bom dia,

      Palavras do Menin quando questionado sobre a folha salarial do Galo:
      A folha salarial do Atlético não aumentou de 2019 para 2020, simplesmente dispensamos jogadores caros e que não entregavam nada e compramos jogadores que entregam em campo tudo o que ganham. Os citados acima são exatamente estes que ele mencionou e ainda tinha o Bolt, Ricardo Oliveira e Fábio Santos e outros aposentados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.