Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Final de semana com festa

Na véspera de uma decisão de campeonato mineiro, o Atleticano utilizou o tempo para acompanhar e visitar a reinauguração da Loja do Galo, situada na rua Bernardo Guimarães, ao lado da sede do clube. Durante todo o sábado (7 de maio), filas se formaram para conhecer o local e os novos produtos da linha 2016.

O Torcedor preto e branco de Belo Horizonte realmente é diferente e se distingue de outras facções futebolísticas, exatamente por movimentos dessa natureza. Recentemente, milhares de Atleticanos se concentraram na avenida Olegário Maciel para comemorar os 108 anos do clube. Tudo é motivo para festa e comemoração entre a massa.

É histórico e todo belo-horizontino, independentemente de qual seja o seu time, reconhece que a qualquer ruído (seja copo caindo, batida, freada de carro ou o que for) o grito de Galo sempre é ouvido. Não poderia ser diferente.

image
Fotos: torcedora Luma Pereira

A Loja do Galo foi reaberta depois de três meses em reforma. Nas proximidades, tem loja similar, de outro time, que já fez aniversário de fechamento e não reabriu. Bem… Deixa pra lá. O importante é que, ontem, o Torcedor do Galo pôde finalmente retornar à sua rotina de consumidor de produtos do time do coração.

O trânsito na região ficou confuso, especialmente durante a permanência do ídolo Luan – o Menino Maluquinho –, que foi lá prestigiar a reabertura. Os Torcedores, com orgulho (nada de vaidade), saíam da loja ostentando o novo manto sagrado.

Nas longas filas, as conversas em torno da classificação para as quartas de final e a decisão do título mineiro predominavam. Alguns querendo que o treinador poupe todos os titulares para quarta-feira, outros defendendo o time completo para pegar o Coelho. Enfim, em que pese nossas contundentes críticas ao treinador, não há unanimidade para a definição dos onze titulares. Este blogueiro e muitos Torcedores com os quais conversou entendem que seria interessante preservar quatro ou cinco jogadores.

galo 080516
Foto: Atlético/Bruno Cantini

Particularmente, deixaria de fora, para serem poupados, como já disse aqui, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Rafael Carioca e Robinho. Mas essa missão não é minha. O treinador é quem tem a responsabilidade de assegurar o título e é ele quem acompanha o dia a dia de cada atleta do clube.

Seja qual for a escalação, a certeza que o Torcedor tem é única: vamos vencer e levantar o quarto título mineiro dos últimos cinco anos. E a festa continua!

5 thoughts to “Final de semana com festa”

  1. Vejo colunas e entrevistas…concordo que temos um bom time nada mais que isso …bons jogadores …mas muito mal treinado …muito fraco … esse time mesmo nas quartas de final não passa confiança nenhuma … enfim …perdeu o título para o mequinha ..acontece … os caras levaram a sério mereceram … ai está a questão : Time bom atropela qualquer um e com todo o respeito ao América o Galo deveria ter passado o rodo … e teve muitas dificuldades …gostaria de acreditar que podemos ir longe na libertadores mas o fato é que o time já rendeu o que tinha de render … hora de repensar o comando desse time …. abraços ao blogueiro …muito legal o espaço…

  2. Acabada a peleja, volto a dizer que o Aguirre não é técnico para a grandeza do Clube Atlético Mineiro. Essa mania de querer inventar e fazer experiências na hora de escalar o time, dá nisso. O Galo tem elenco para ganhar do América de goleada, porém não temos técnico a altura. E ainda tem gente que acha que ele é gênio. Se não sabe montar o time, para ganhar do América, vai querer ganhar libertadores? Espero que eu esteja errado, mas temos que começar a pensar em outro técnico. Saudações Atléticanas. Aqui é Galo Porra!!!!!!

  3. Edu, poupar alguns titulares quando só a vitória interessa? Essa experiência não deu certo na primeira partida e hoje o Galo entra em campo obrigado a vencer. Que façam quatro a zero no primeiro tempo e aí sim, voltaria do intervalo com substituição da metade do time. Mas como cada torcedor é um técnico, cada um com sua estratégia. De um jeito ou de outro, o Galo será Bicampeão.

    1. Concordo plenamente Roger. O Robinho pediu para ser poupado, portanto, é melhor que jogue o fino da bola, na quarta feira. Pois até agora, tem deixado a desejar. No mais, é ir pra cima dom garra e sangue nos olhos. Bica eles bicudo. Aqui é Galo Porra!!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.