Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Enquanto o nosso Galo não vem!

Seguindo neste martírio sem jogo do Galo, Belo Horizonte recebe hoje aquele que já foi o maior clássico das Américas. Assim como aqui em Minas Gerais – onde o nosso time já rivalizou com o Vila Nova e América – também na América do Sul os grandes confrontos vão mudando de roteiro. O Chile venceu as duas últimas competições (2015 e 2016 – esta última numa edição especial em comemoração aos 100 anos da Conmebol), ambas nas penalidades em cima da Argentina.

Enquanto isso, nós Atleticanos – ávidos por ver o nosso time do coração – vamos aquecendo nossa alma com o futebol feminino do Galo, algumas poucas contratações e notícias de bastidores. No domingo, as meninas que envergam nosso manto sagrado, lotaram a modesta Arena Pitangui. O Galo sagrou- se campeão da Copa BH 2019. A massa presente fez a festa e agitou a região da Lagoinha desde as primeiras horas do dia. O Torcedor estava carente e necessitado do grito de Galo e de gol. As meninas corresponderam.

Paralelo a isso e a disputa da Copa América, os jogadores voltaram aos treinamentos, mas poucos sabem o que pensa o agora efetivado treinador Rodrigo Santana. Com apenas dois reforços e a volta de um jogador que esteve emprestado, ele vem montando a equipe para a sequência da temporada. Lucas Hernández e Martínez, pouco conhecidos, podem assumir as vagas de lateral e volante, ou então fazer com que jogadores acomodados comecem a mostrar futebol.

A outra novidade é o velho conhecido Otero. Quando foi emprestado, deixou muito Torcedor angustiado. Exímio cobrador de faltas, fez muita falta durante este período de ausência. Os três, somados a Chará e Cazares, completam o quinteto de estrangeiros no time Atleticano. Insisto que ainda esperava mais duas ou três contratações que até o momento não aconteceram. Com ou sem novas caras, seguimos Atleticanos e com fé em conquistas ainda neste 2019.

Acompanhamos, com muito interesse, outros assuntos de grande relevância em torno dos bastidores da vida do Galo. Em que pese o lançamento prematuro do interesse do presidente Sette Câmara em se reeleger daqui ainda um ano e meio, seu vice – Lásaro Candido – motivou o Atleticano numa interessante entrevista ao Superesportes ao lado do diretor Rui Costa.

Coube a Lásaro, que só tratou de assuntos administrativos e financeiros, incendiar o Atleticano. Inicialmente explicando, com muita clareza, a situação do ex-jogador Fred e aquela multa devida ao Galo. Para quem assistiu e/ou leu ficou evidente que o antigo jogador deve e irá pagar o que assinou e concordou quando de sua liberação. Quem deve é o Fred, que se tem devedor solidário, caberá a ele então receber de quem assumiu essa responsabilidade. Os dez milhões corrigidos, mais cedo ou mais tarde, entrarão na conta do Galo. Seja quitando, como assinou, ou dando bens à penhora. Terras ou gado, como disse Cândido.

Outro assunto interessante, que a mim se tornou confuso, é a questão da construção do Estádio do Galo. Quando da venda de metade do Diamond, ainda na gestão anterior, tive muita dificuldade em entender o assunto. Acabei me convencendo que seria interessante aos interesses do Galo. Depois de tantos adiamentos, eu e muitos que apoiaram a alienação, passamos a viver momentos de incerteza.

Lásaro Cândido assegurou que o complexo dessa Arena multiuso é garantia de receita e renda para o Atlético. Comentou sobre a estrutura para shows, de pequeno e grande porte, sem prejuízo da utilização para jogos. Sobre o entorno do estádio e suas diferentes atividades econômicas, todas elas gerando recursos para os cofres do Galo. Sugiro que o leitor entre na página do Superesportes e se inteire de tudo que foi conversado com o vice-presidente. Prefiro acreditar!

*fotos: Bruno Cantini/Atlético

19 comentários em “Enquanto o nosso Galo não vem!

  1. O Atlético está em processo de transformação e eu acredito muito num futuro próximo de glórias.
    Gostaria de aproveitar e pedir a você , Eduardo, que encaminhe à Diretoria uma reivindicação de vários torcedores quanto a unificação de Títulos do Atlético e também de outros clubes brasileiros que conquistaram competições oficiais da CBF e da antiga CBD.
    Competições como a Taça dos Campeões em 1978, Copa dos Campeões em 1937, que vencemos, além da Copa dos Campeões que foi disputada nos anos de 2000 (Palmeiras), 2001 (Flamengo) e 2002 (Payssandu) e a Supercopa do Brasil, vencida pelo Grêmio em 1990 e Corinthians em 1991.
    Assim como foram unificados os títulos da Taça Brasil e Roberto Gomes Pedrosa, tenho a plena convicção de Justiça em pedir a unificação desses títulos, que correspondem a pelo menos uma Copa do Brasil ou Supercopa do Brasil, pois na época em que foram disputados tinham imenso valor, assim como aqueles que foram unificados.
    Peço que analise com carinho e me dê um retorno, pois venho cobrando isso há muito tempo da diretoria do Galo, através das redes sociais e ninguém me deu sequer uma resposta.
    Forte abraço!

  2. LUCY ,
    como fui crítico a respeito das operações concernentes
    ao estádio estou aqui para responder-lhe sobre suas
    indagações a respeito da evolução do assunto em tela ,
    até porque matéria de direito, que cabe interpretações
    da Lei suscita , quase sempre , o contraditório .
    Quanto à ação do MP é dever e obrigação do órgão, se
    provocado, abrir a discussão , baseado tão somente na
    letra disposta na legislação .
    No tocante ao INDEFERIMENTO , ação que mereceu de
    sua parte a caixa alta sinalizando a sua satisfação pela
    decisão , MONOCRÁTICA , de um Juiz do TJ , faz parte
    do devido processo legal , merecendo aplausos de uns
    e questionamentos de outros – aqui me posiciono .
    Se tivéssemos tido , pelo menos , este indeferimento
    a partir de uma decisão COLEGIADA , menos mal .
    Até porque decisões monocráticas nem sempre nos
    trazem a certeza de que foram plenamente satisfeitas
    as condições expressas no mérito , haja vista as tantas
    proferidas por certos Ministros da Suprema Corte , se
    me faço entender .
    Mas, dizia Ulisses , o Guimarães : decisão judicial é pra
    ser cumprida , não é mesmo ?
    Então …
    p.s.
    Espera-se , dos órgãos ambientais , a mesma conduta
    cândida manifestada neste episódio quando acionada
    pelo comum cidadão que precisa fazer a supressão de
    uma árvore , por motivos imperiosos .
    Ontem mesmo uma árvore na rua do Ouro mereceu a
    proteção ambiental , até cair de podre e provocar um
    desastre no local
    Dois pesos e “várias medidas” , não é mesmo ?

    1. Barata,
      Fiquei satisfeitíssima com a decisão monocrática, mais ainda com o convencimento do MP que decidiu não recorrer da mesma. Aqui não cabe a mim discutir se houve lisura, se juiz e promotor foram parciais. Entendo que não. Quem pensar diferente que tome as medidas cabíveis.
      Nenhuma verdade é irrefutável.
      Não considerar pertinente a construção da Arena MRV e manifestar-se sobre, é um direito seu. Todavia, não compare apenas a um corte de árvore, é oportuno que avalie as particularidades do caso em questão.
      A Arena MRV contou com deliberação favorável da SMMA, do COMAM e do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas e do Instituto Mineiro de Gestão das Águas; que concluíram que o empreendimento está de acordo com o Código Florestal, com a Lei de Proteção do Bioma da Mata Atlântica e com as normas municipais aplicáveis.⠀
      Cabe ainda ressaltar que às licenças prévias foram condicionadas ao cumprimento de 50 condicionantes que vêm sido devidamente CUMPRIDAS.
      “Temos o terreno, temos o dinheiro, temos equipe. A Arena vai sair”. Rubens Menin, em entrevista à Equipe Fala Galo: https://youtu.be/U8raxFA9vlU

  3. Boa Noite,

    Juntando o texto do Eduardo e da Lucy não resta muito o que dizer. Agradeço a ambos pela rica leitura que nós proporciona.
    Não vejo os reforços com cancha para chegarem e serem titulares, pior ainda, não vejo o treinador com vontade de mexer neste time que classificou na Copa do Brasil, seja nas laterais ou na volância,
    Espero que pelo menos mantenha o Alerrandro como titular.
    Mais um saiu, Matheus Mancini, agora tem vaga para um zagueiro, e que venha para brigar pela titularidade, porque o Leo Silva está no balão de oxigênio e nos aparelhos e teimam em não desligá-los.
    Espero também que esqueçam esse Nathan, pega a grana e vai atrás de um armador para fazer sombra ao Cazares. Minha opinião seria o Guerra.
    Mês de julho que vai começar atrasado, será o melhor do ano, maiores emoções a vista.
    Que venha o nosso futebol, que venha quarta feira dia 10. que venha nosso galo vingador.

  4. Éh isso aí meu amigo temporão! Enquanto o GALO não vem, é chegado o mês que irá dizer ao q veio e onde poderá chegar. A pulga atrás da orelha é o GALO não tomar p/ si a sobrecarga negativa pela qual as mariposas felpudas estão a passar e não se descuidar como vem acontecendo nos últimos encontros. Diria kafuciú,” o filósofo das biroscas e copos sujos”, é nos corredores escuros dos bastidores q todo gato mia e ninguém vê. A fragilidade e a inocência demonstradas nos últimos jogos frente ao povo da enseada das garças não podem se repetir,a postura e o clima tem de ser outro e o espírito p/ estes dois importantes confrontos tem de ser o de guerra,ou, nosso ano já era. Muito trabalho,foco e raça ,sem oba-oba, é o q há p/ o momento. Não serão apenas dois jogos, é o ano q estará em jogo. Olho vivo, faro fino e principalmente, atenção máxima ao miado do gato,aí se esconde o real perigo! Finalizando, q time da ise tome outra enquadrada e se p**a diconforça,minha seleção veste branco e preto e se chama CAM. SAN

    1. Bem lembrado.
      Alô José Roberto, é aquilo que falamos aqui, semana passada, acho…
      Kalil, que já encheu o Clube de seus apadrinhados, e também encheu a prefeitura. Tinha que alocar esse INCOMPETENTE em algum lugar, sobrou a Arena MRV.
      Quanto será o salário do Nepolino?! Esse um estava, também, trabalhando com o Ministro do Turismo, aquele do escândalo das candidaturas laranjas aqui em MG. Que Deus nos proteja!
      Se na PBH que – além da Lei de Responsabilidade Fiscal – tem portal da transparência, há uma farra das contratações de Atleticanos da “panelinha” do conselho, imaginem no CAM que não tem transparência alguma? Basta acessar que verá que a Adriana Branco, por exemplo, recebe quase 30mil reais/mês. Nada contra a competentíssima Adriana, adoraria que voltasse ao Galo, mas em uma prefeitura “quebrada”, com professores ganhando ninharia, isso é um absurdo!
      Aí contrata o Fubá com salário de 1.500. Aqui sem ironia alguma, pois tenho muito respeito à esse grande animador da torcida azul, um ícone dos clássicos no Mineirão. Guardada às devidas proporções, Fubá está para o Tibet azul, tal qual Macalé está para a Galoucura.
      De bobo, Kalil não tem nada.

  5. Bom dia !

    Não vi nada ainda de positivo feito pelo Diretor de Futebol do Atlético. Contratações inexpressivas !
    Até agora não me disse o que veio, amis do mesmo.

  6. Bom dia massa e Guru

    Nunca vou torcer conta a seleção brasileira, mas confesso que não tô nem ai pra este bando da CBF, Aqui é Galo p#@$!!!! A entrevista do Lásaro, as declarações de RC e as ações do novo coordenador das categorias de base, nos levam a crer que finalmente a casa está sendo arrumada. Reforços? O 7 fala em reeleição? Deixa falar, mas ele somente conseguirá se fizer um bom mandato, e se isto acontecer, com certeza os resultados virão. Sim precisamos e todos sabem as posições carentes, mas não podemos mais se dar ao luxo de trazer tranqueiras dando a eles contratos de 5 anos. Outra sinalização da mudança de tempo é a barca que finalmente está levando um bando de jogadores medianos a medíocres do clube, se bem que alguns teimam em ficar.
    Não importa, nosso estado de espírito é outro, e quando há sinergia time torcida, a perspectiva sempre é a melhor. Vamos Galo, chega de seleção brasileira!

  7. Meu querido Eduardo, é sempre enriquecedor ler os seus textos. Se o MH Caixa é “a voz da Massa”, o senhor é o Coração e a Alma da Massa!
    Que bom que gosta de futebol feminino, eu não gosto. Pouco futebol pra muito mimimi, ainda mais agora com a “politização” da selecinha feminina. Uma chatice!
    Estou doente de saudade do Galo e – quase – nada me conforta.
    Ainda não vi reforço algum. Otero é, sim, exímio cobrador de faltas, e só. No mais é um peladeiro, ainda tem o egoísmo de cobrar corner sempre tentando fazer gol olímpico. Sem contar que o moço é “esquentadinho”. Seu temperamento explosivo nos tirou o Mineiro ano passado, não sei se seria uma boa ele jogar as partidas da CB.
    De fato, Lásaro demorou mas fez algo útil ao conceder essa entrevista explicando didaticamente aos incautos os termos do distrato com o cone caloteiro. Se tem algo que eu SEMPRE defendi é a competência de nosso corpo jurídico. Especialmente do DOUTOR Lásaro. A multa será paga, ainda que não fosse, só por ter nos livrado desse chupim, Sette, Lásaro e Gropen já mereciam *aplausos*.
    E a Arena MRV,hein?
    Pois é. Quando o MP pediu veto à construção da Arena MRV, eu li aqui vários comentários ao estilo “eu te disse, eu te disse”. No entanto, não me lembro de ter lido sobre o INDEFERIMENTO do pedido. Muito menos sobre as declarações do promotor de Justiça Marco Antônio Borges, entre outras coisas disse ele:”Correu por aí que eu sou cruzeirense, um perfil fake ou de um homônimo. Não é meu. Não sou cruzeirense, nunca fui cruzeirense. O promotor de Justiça não tem time. Somos imparciais. Gostaria de acalmar o coração da massa atleticana. Estamos trabalhando em prol da legalidade e de uma segurança jurídica para que não haja um prejuízo futuro do investimento vultuoso”. Atenção para o “massa atleticana” e “segurança jurídica”.

    Gostaria de ler o parecer dos comentaristas do Blog, especialistas em Direito Ambiental e outros, sobre o indeferimento do pedido e as declarações posteriores do promotor.

    Ah, e é sempre bom lembrar que quem mais critica a Arena, o Time, o Clube e a Torcida, são aqueles que não vão aos jogos e nunca elogiam nada. Freud explica?

    P.S.: Para as mariposas que infestam o Blog: além de expulsas da loca 3 por falta de pagamento, expulsas também da loca 2? Hahahahahhahahahaa
    Obrigada meu Deus, por ter nascido ATLETICANA!

    1. É exatamente isso, prezada Lucy. Também acho Otero um jogadorzinho meia boca, peladeiro, egoísta (bate mal 99% dos escanteios, porque tenta gol olímpico), enfim, não é nem nunca foi reforço. Também estou sofrendo de abstinência pela ausência do GALO. Que hoje a Argentina atropele o time da cbf, pra eu ter pelo menos um alento. Sigamos! SAN

    2. Lucy, boa tarde , não estou comentando porque são sempre os mesmos, Diretoria Lerda, Precisamos disso e daquilo, desse jeito não vai. Mas suas considerações são excepcionais, pergunto, algum desses que só sabem criticar a Diretoria viram as explicações e explanações do Lásaro Cândido? creio que não só sabem criticar. E quanto a Arena quantos foram os contra, talvez por motivações Politicas ou Clubisticas que vinham aqui criticar e colocar em xeque a integridade das pessoas envolvidas. A Arena vai sair para engrandecer o GALO mais ainda e mudar de patamar.

      1. lugalo. você não gosta que critica a diretoria. o 7 câmera está 1 ano e meio e se quer nem o rural ganhamos. uma diretoria que renovava com o cone 2 com quase 40 anos. Léo Silva ídolo mais passou a hora de aposentar com mais 6 meses de contrato. e qualquer hora renova com o péssimo Elias e contrata 3 peladeiros com 5 anos de contrato. são eles. edinho que ja foi para o Fortaleza. Denilson que está de férias no SPA do galo. therans que continua de férias no SPA do galo. e falta ainda fazer uma varredura no elenco com vários ex jogadores que andam a mamar no galo.

    3. Barros,
      Único reforço que vejo hoje é nosso 10 se entrar no modo Pelezares, aí desequilibra, as chances são 50%.Oremos.

      Roberto,
      Meu grande Amigo, sempre gentil. Abraços.

      LuGalo,
      Estou insatisfeita com uma série de coisas no Clube e Time, mas até o momento satisfeita com a maneira com que nossos dirigentes vem tratando a questão da Arena MRV. Com destaque, sempre, para o Rafael Menin.
      Criticar e apoiar faz parte, mas nem todos entendem e/ou aceitam que seja assim. Paciência.

      Wellington,
      Grata.

  8. Bom dia!
    Torcida pela seleção quando os craques do Galo (Reinaldo, Marcelo, Paulo Isidoro, Cerezo, Éder) envergavam sua camisa. Agora, principalmente quando ficamos orfanatos dos jogos do Galo por motivos dessa seleção, então eu quero é que ela se exploda, continue dando vexames. Ah…eu sou brasileiro sim, com muito orgulho das nossas cores que sempre serão verde e amarelo. Mas essa seleção me faz lembrar da copa que foi trazida irresponsavelmente pelos (des)governantes da época para o Brasil, onde os corruptos malditos nadaram de braçada, assaltando os cofres públicos. 1×7 foi pouco. Eu quero é mais.
    Sou Galo e não sou seleção brasileira!!!

  9. bom dia Eduardo e massa. grande texto Eduardo. que acaba logo está copa América ja estou com saudades dos jogos do nosso galo.sobre reforços as 2 contratações e a volta do Otero foi poucas,precisamos mais de reforços um camisa 10.zagueiro. um camisa 9 e um atacante de lados. mas não acredito em mas em reforços o galo não tem dinheiro e esta a diretoria é mais lenta que uma tartaruga. nos treinos do time titulares me preocupa os peladeiros estão treinando de titulares. Fábio Santos. patrick. Elias. devia ser os reforços serem titulares e Guga também,mas o Rodrigo Santana adora peladeiros na equipe. sobre a reeleição do 7 câmera espero que não acontece nem o campeonato Mineiro na sua gestão ganhamos. estou a espera das dispensas das barca. acorda diretoria. vai galooopoo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*