Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Em busca de avançar na Libertadores

Queiram ou não aqueles que insistem em contestar a realidade, a “chave” tem de ser virada para a partida de hoje no Equador. São várias competições, sendo que nas duas copas o sistema é de mata-mata, o que sugere jogar de acordo com o regulamento. Gostemos ou não do treinador, é com ele que vamos enquanto quem decide – no caso a diretoria – entender que o comando da equipe deve ser do Mohamed.

Mantenho com ele, treinador, uma relação de amor e ódio, nada diferente daquilo que vivi em 1971, com Telê; 2014, com Levir; 2012/2013/2021, no caso com o Cuca. Afinal, sou Atleticano e não tenho o compromisso da racionalidade exigida por alguns críticos de blog. Entre os quais, existe um ou outro, que na verdade tem rejeição à pessoa que está assinando na condição de blogueiro e não com a sugestão de debate, aberta ao contraditório. Dai atacam o eventual titular deste espaço.

Dito isso, vamos ao que interessa, que é o jogo de hoje. Não me iludo com essas informações dando conta que o adversário não vem atuando e outras tentando desvalorizar a força do Emelec do Equador. É uma equipe tradicional do futebol daquele país e presença constante na Libertadores. Ficou em segundo lugar no seu grupo, onde a liderança – com seis vitórias – coube ao Palmeiras. Seu desempenho apresentou duas vitórias, dois empates e também duas derrotas (ambas para o time brasileiro). Em sua última partida nessa fase, goleou o Independiente da Bolívia por sete a zero.

O Torcedor do Galo, em sua maioria e ontem ficou visível isso aqui no nosso cantinho Atleticano, não faz opção – questão de priorizar – por nenhuma das competições. Quero(emos) todas! Um bom resultado hoje, em território adversário, será fundamental para o encaminhamento da classificação em uma semana. Além disso, seguramente, motivará a colocar dezenas de milhares de Atleticanos no Mineirão na terça-feira (5 de julho).

Pela relação dos jogadores que viajaram, diferente do que foi noticiado, o Galo irá com o que tem de melhor para a partida. As ausências de Mariano, luto pela perda da mãe; Jair, Keno e Zaracho, todos no DM e Neto, com sintomas de gripe não podem sugerir esmorecimento da equipe frente ao difícil concorrente pela vaga nas quartas de finais da Libertadores. Ao contrário, ao que penso, motivação para seus substitutos. Afinal, envolvidos que estamos em três competições, precisamos de elenco para buscar as conquistas.

Acredito que El Turco não deverá promover alguma surpresa, embora já tenha demonstrado sua afeição por esse tipo de atitude, mandando a campo: Éverson; Guga, Nathan Silva, Alonso e Arana; Allan, Otávio e Nacho; Ademir, Hulk e Vargas. Mesmo defendendo e acreditando que Rubens pede passagem, mas onde lançar o jovem valor da base?

O que passou, ficou para trás, não volta mais. O pífio desempenho, do primeiro tempo com o Fortaleza, só pode ser considerado como reflexão ao elenco e comissão técnica. Não podemos admitir aquele futebolzinho apresentado, felizmente corrigido à partir das mudanças efetuadas e salvo pelo gol no último lance da partida. No Brasileiro, após o fechamento da rodada, avaliamos que os resultados foram favoráveis ao Galo. Que assim continue nas Copas Libertadores e do Brasil. O Atleticano tem sede e fome de títulos!

*fotos: Pedro Souza/Atlético

30 thoughts to “Em busca de avançar na Libertadores”

  1. O primeiro tempo contra o fortaleza , galatico time cearense , que junto com seu rival Ceara , subiram de patamar quando rogerio ceni abandonou aquelas plagas , nada mais foi do que o medo, pavor, horror de uma derrota , uma derrota que seria o fim da era turco. Dava pena ver a tensao de mohamed , com a exdruxula escolha por tres zagueiros. Medo, pressao, nada mais. Ficou indignado e revoltado com aquele fuleiro futebolzinho daqueles reservas que nao aproveitam a chance na vida e depois ficam chorando que nunca sao aproveitados. Mexeu, se virou e deu sorte. Hoje a conversa e diferente , libertadores, mata mata , nao pode ter vacilo

  2. boa tarde Eduardo e massa. hoje vencer e vencer,mais ok mais me preocupa é que vamos jogar com 2 amenos. nacho preguiça e Guga peladeiro estamos fritos. aliás a diretoria esqueceu de contratar 2 laterais esquerdo reserva para o arana porque Dodô ja aposentou no DM e lateral direito porque depender do pessimo Guga estamos fritos. jogo muito difícil o galo que abre o olho. vai galooo.

  3. Prezados Amigalos!
    Apenas com o intuito de desopilar o fígado:
    Quando jovem, embora ainda o seja apesar dos meus quase 82 anos, morava na Praça Hugo Warneck e comentava, quando queria discordar, que certa vez um “hospede” do Raul Soares, hospital para loucos, estava no muro do aludido hospital quando um carro parou por ter a roda traseira saído do lugar em decorrência da perda dos 4 parafusos. Desorientado, o motorista sentou no meio-fio e ficou sem saber como solucionar o problema. O “hospede” então, vendo a aflição do motorista, disse-lhe: ” A solução é fácil”! basta tirar um parafuso de cada roda e colocar na roda cujos parafusos tinham sido perdidos. Agradecido, o motorista virou para o “hospede” e perguntou-lhe: “Você tem certeza de que é louco?”. O “hospede” então respondeu: “Tenho sim, sou louco mas não sou burro”.
    Assim é o atleticano! É doido varrido pelo galo, mas não é burro para morrer abraçado com o “El Turco”, que até agora não demonstrou competência para ser treinador do galo.

  4. Rapaz, eu não me reconheço nesta galera que destila rancor neste espaço. Pouco reflexão, estudo e muita opinião.

    1. … e muito opinião, SEMPRE DO CONTRA (complemento meu), fato que desestimulou-me a frequentar esse espaço como cornetarista (hoje, ao ver a sua participação simples e direta, não resisti). Agora, rebaixado à condição de mero leitor (faço isso diariamente e entro no blog diversas vezes), fico embasbacado com determinados amiGalos que não se cansam de repetir a mesma cantilena, o mesmo catecismo em todos os comentários, como uníssonos perniciosos que só fazem mal a eles mesmos. De fato, querem apenas ter razão, não se importando que o veneno destilado por eles possa, de alguma forma, prejudicar o Atlético. Por fim, faço um pedido à Diretoria e ao Treinador: Mantenham o planejamento e a crença de que tudo vai dar certo e NÃO SE IMPORTEM COM AS MULAS! CONTINUEM ENCHENDO A CARROÇA!

  5. Bom dia! Não esperemos um jogo fácil hoje a noite. Na Libertadores não se ganha de véspera! Apesar da imensa disparidade de elencos, a gana e a vontade de vencer, muitas vezes, nivelam os adversários. Não duvidemos que os Equatoriamos vão correr muito e marcar com empenho (e até com certa dose de violência.) para tentar anular as principais jogadas do Galo e, se possível,conseguir a vitória, porque jogam em casa empurrados por sua torcida. Nesse cenário, cabe ao Time Atleticano demonstrar organização tática e inteligência, mantendo a frieza e o foco, nos momentos de provocações (elas vão existir!). Além disso, necessário a competência para efetuar uma boa marcação em todos os setores e a eficiência na conclusão das chances de gol criadas. Acredito, que as individualidades do Atlético, novamente, farão a diferença e não há nada de ruim nisso. O Galo é um time “cascudo”, experiente, não vai se abalar com a gritaria da torcida adversária. Então, esperamos uma boa e convincente apresentação, porém, se isso não acontecer, que venha a vitória de qualquer maneira.

  6. Olá amigos da bola!

    Parabéns ÂNGELOML você disse tudo!

    “Incompetência do sistema tático!….
    Obediência burra ao sistema de jogo implantado”.

    Sistema covarde, medroso, defensivo.

    Foi isso que esse Mohamed fez no primeiro tempo de jogo contra o Fortaleza, os atletas seguiram as determinações burras e se ferraram no primeiro tempo.

    Para mim, Mohamed estava era testando o esquema de jogo para enfrentar o Emelec fora de casa hoje!

    Graças a Deus, para o bem do Galo, deu tudo errado!

    Cabe aos jogadores desobedecerem as ordens covardes, inúteis, burras, incompetentes desse péssimo treineiro!

    Primeiro tempo contra o Fortaleza, time atuou daquela maneira horrível, covarde, por ordens desse senhor pardal! Como disse, penso que ele testava o esquema de jogo, que pretendia usar hoje! Sai pra lá retranqueiro!

    Com Mohamed, Zaracho até o momento, jogou nada!

    Óbvio, nem vai jogar! Tem que cumprir função que não é a dele, tem que jogar onde não rende!

    Mohamed é tão fraco, que sacou nosso melhor 10 armador da função, para colocar esse péssimo Nacho.

    Ocorre o mesmo com Castilho. É bom jogador sim! Só que no Juventude, atuava com a 10, livre para atacar. No Galo, com esse pardal de treinador, joga somente na marcação, atrás. O mesmo ocorre com outros jogadores.

    Os atletas às vezes se queimam por abandonarem suas características,
    para cumprir ordens táticas desses péssimos treineiros.

    Acorda Galo! FORA MOHAMED!…..

    1. Concordo muito em ambos os casos citados, naXOOO e Castilho; este segundo pra não descumprir a via de regra da nossa torcida já está sendo “fritado” pela massa, isto é inconcebivel! Perdoam o inútil argentino e detonam, desmoralizam um jovem,….

  7. Bom dia.
    E o muro de lamentação continuam kkkkkkkkk. Bola da vez El Turco e Nacho. Engraçado que as vezes acho que vejo outro jogo. Nacho foi eleito em algumas partidas o melhor e ajudou muito o Galo. Contra o Flamerda ele acionou o Hulk para fazer aquela jogada e mesmo assim e crucificado. O Turco errou muito e vai errar, mais enquanto os jogadores correr por ele como vem fazendo não acho que vai ser demitido. Estamos vivo em todas competições e tem reforço para chegar. Então é só alegria, se colocar de titular o massagista terá meu apoio. Galoooo

    1. Tudo bem amiGALO Márcio Silva? Democraticamente todos temos o direito de opinar e principalmente respeitar a versão alheia. Eu estou me esforçando desde maio do ano passado pra ver “bola” neste argentino, esforço em vão. Se me permite questionar, você viu mérito dele ao entregar a bola pro Hulk, sinal de sua exuberante falta de recursos? Você daria qual nota pra ele no último jogo contra o Flamengo? A minha é no máximo DOIS. Se formos buscar os indicadores dele, aí fica constrangedor. Tomara que hoje ele dê o ar da graça durante todo o jogo e não apenas em algum lampejo!

  8. Jogar contra o Emelec na casa deles é pra lá de complicado, campo apertado, torcida colada no gramado e muita pressão… dito isso, a torcida Atleticana espera que o nosso CAM entre muito concentrado e faça um jogo de inteligência pois ainda teremos o jogo de volta daqui uns dias.

    O nosso Treinador que já está aqui na Cidade do GALO a mêses, sabe muito bem com quais jogadores ele pode contar de verdade para partidas como essa, portanto, nada de invenções e o time escalado pelo Eduardo na crônica de hoje, é o melhor que temos. Pena que o Rubens é canhoto senão eu iria com ele de lateral direito.

    OBS.: opiniões contrárias não precisam ser aceitas mas devem ser respeitadas em nome da boa educação, portanto, aqui vai meu total apoio ao nosso blogueiro, que mesmo em momentos difíceis e delicados, aqui está todos os dias defendendo e elevando o nome do nosso amado e glorioso CAM… força Eduardo, estamos juntos!!!!!

  9. Na minha visão o Galo precisa de um treinador que volte com a solidez defensiva do time. Esse foi justamente o mérito do Cuca, que pegou um time que claramente tinha muita qualidade no setor ofensivo, mas que vinha de uma temporada em que perdemos o título pelo péssimo desempenho defensivo.
    Por isso o Cuca foi tão importante, aprimorou o trabalho do lunático Sampaoli, aquele que deixava Tardelli no banco e entrava com Savinho com 17 anos. Aquele que deixou o Mariano no banco pro guga o campeonato inteiro. Na verdade aquele careca de quem não sinto a menor saudade, e o qual tal qual o turco não entende p… nenhuma de bola, perdeu um campeonato que estava na bandeja para nós.

    O erro da diretoria na minha visão, foi trazer um treinador sem características e histórico de arrumar times defensivamente. Aí aquele time do ano passado, que resolvia na frente pela qualidade dos jogadores, e que depois que fazia o gol era extremamente sólido defensivamente e praticamente não levava gols, foi perdendo a pegada, a compactação.

    Reitero que para mim os melhores nomes para aquele momento, já que os preferidos Jorge Jesus e Carvalhal não aceitaram a proposta, seriam Odair Helmman ou Abel Braga, ou até mesmo o Bauza, treinador argentino que esteve no Brasil. Treinadores que certamente buscariam manter o trabalho do Cuca. Têm como característica a consistência defensiva e compactação dos times que treinam. E fizeram trabalhos sólidos com equipes que tinham essas características defensivas.

    Também acho que por agora o Turco não sai, mesmo estando claro pra todos que ele está num lugar muito acima de sua capacidade. Ele é muito fraco. Essa última escalação bizarra contra o fortaleza só foi mais uma prova.

    Mas se é com ele que vamos, tem o meu apoio e minha torcida para que tudo dê certo, e que a qualidade dos jogadores sobressaia sobre a ruindade do treinador.

    Mas fica a minha consideração sobre o que deveria ter sido feito no início do ano, e o que deverá ser feito na eventual decisão de troca desse treinador.

    Hoje é 2×1 Galo.

  10. Bom dia!!!

    O Time do Emelec:

    Pelo grupo A, na fase classificatória da Liberta, o Emelec (Empresa Eléctrica del Ecuador) ficou em 2º lugar e o Palmeiras em 1º, numa campanha mediana com apenas 44% de aproveitamento.

    Venceu duas partidas: Independiente Petrolero (7 a 0 – c) e Deportivo Táchira (4 a 1 – f). Empatou duas: Petrolero (1 a 1 – f) e Táchira (1 a 1 – c). E perdeu duas para o Palmeiras: (3 a 1 – c) e (1 a 0 – f).

    No campeonato Equatoriano o Emelec é o 6º colocado com 23 pontos (6V, 5E e 4d). As competições esportivas estavam paradas devido ao período já encerrado de férias e adiamentos de partidas devido a protestos no país. Com isso o time não faz uma partida desde 28 de maio.

    Na partida pela Liberta que fez em casa contra o Palmeiras, quando foi derrotado por 3 a 1, o Emelec foi totalmente dominado pelo Mistão do Porco no 1ºT, porém conseguiu dar uma pressão e abafa no Alviverde no final do 2ºT e só isso.

    Em suma, o Emelec não deve ser páreo para o Atlético no contexto das duas partidas. O Galo é favorito e deve passar para as quartas de final neste confronto.

  11. Bom dia!
    Sem titubear, eu entraria com Rubens no lugar do eternamente cansado, Nacho.

  12. SAUDAÇÕES ALVINEGRAS.
    Hoje é um dia feliz.
    Meu Pai de 78 anos, já me ligou hoje cedo e disse que hoje terá um tira gosto leve na casa dele, Pé de Porco, como ele mesmo diz, bem lithg, pois durante a feitura do mesmo ele escorreu muitas vezes a gordura, kkkkkkkk, então é para eu providenciar a geladinha que hoje tem Galão.
    Dia de ter aquele momento especial com meu velho, darmos risadas, e claro discutirmos durante o jogo, pois meu pai é como alguns aqui, no primeiro vacilo, já tem que mandar todo mundo embora, os jogadores a 5 minutos idolatrados, viram pé de rato no mesmo instante, mas da mesma forma quando reverte a situação todos são dignos de selecão, ele representa o Atleticano ao extremo em sua bipolaridade, e somos assim.
    O Galo sempre foi muito mais que um time que tem que brigar por título, o Galo é amor e esse amor em si move a massa alvinegra a muitos anos.
    Claro que todos estamos felizes com essa nova fase de bom planejamento e títulos e com um futuro promissor.
    Mas nunca devemos nos esquecer tudo que passamos para chegar até aqui.
    Nunca nos movemos por títulos, nunca nossa torcida continuou crescendo por títulos, caso contrário, nesses 40 anos de ausência de grandes conquistas a Massa do Galo estaria igual a do mequinha.
    Tal como disse R!0 “esses caras não ganham um grande títulos a tantos anos e estão ai cada vez mais fortes e fanáticos, vou com eles até o fim”.
    Não quero ser o dono da verdade nem tampouco lembrar a cada um dos atleticanos aqui o que nos move a vida inteira, mas claro que todos queremos muitos títulos, mas se não vierem, estaremos aqui, chateados, putos e rasgando camisas e apetrechos, mas no outro dia juntando os cacos e já nos programando p irmos ao próximo jogo.
    Não esqueçamos a nossa essência meus Amigalos.
    ” O Atleticano vive pelo Galo, e isso basta, o resto é lucro”.
    Obrigado por existir meu Galão querido
    VIVA O GALO MAIS LINDO DO MUNDO
    “Aqui é GAlo, forjado na dor na injustiça e no amor.
    Bica Bicudo.

  13. Bom dia xará e amigalos!
    É hoje!!! GALO tem que saber marcar com eficiência nas laterais e no meio campo. Infelizmente não teremos Keno, Jair, Zaracho e o lateral Mariano que vem se destacando a cada jogo. Mesmo assim vejo um elenco forte para vencermos fora de casa o Emelec. GALO tem que jogar com sabedoria. Não tomar gol na casa do adversário é essencial mas isso é diferente de se acovardar. Espero uma equipe determinada e atenta os 90 minutos. Não dá pra vacilar em Libertadores. Em valores individuais nem dá pra comparar um time com o outro. GALO sobra. Espero mais uma bela atuação de Ademir,Hulk e Vargas. VAMOS GALO, GANHAR A LIBERTADORES!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  14. Bom dia! Nobre blogueiro, onde e no lugar de quem escalar o Rubens? Óbvio, muito óbvio; no lugar do fraquíssimo e improdutivo naXOOOO Fernandez, claro! Jogo de hoje requer intensidade física e agressividade na marcação, o argentino tem se mostrado um inútil nestes quesitos, e nos demais também, o cara não consegue bater na bola como um profissional deve fazê-lo obrigatoriamente!

  15. Bom dia massa e Guru

    A desconfiança com o trabalho de EL Turco continua, mas sinceramente não vou gastar mais energia pedindo sua saída, até porque o clube perdeu o time para isto e por entender que tb não há no mercado opções de momento. Só espero que ele tenha aprendido, com os erros que vem cometendo.
    Então é fé no treinador e nos seus comandados!

  16. Sinceramente este fraco time do Equador não me preocupa , devemos preocupar com a próxima fase onde deve passar o Palmeiras e não será admissível nova eliminação para este time e se ocorrer com certeza depois da porta arrombada irão demitir este cara que dirige o time…

  17. Jogo difícil espero que o time entre ligado e ganhe o jogo.
    O empate também não é um mal resultado, vamos decidir em casa e aqui é GALO!!
    Espero que o Turco não complique e que os jogadores joguem com muita raça.
    Temos que passar pelo Emelec e depois pelo Flamengo não pode dar bobeira.

  18. Bom dia. Ainda querendo ver o Nacho de protagonista num jogo. Mas o calendário desse ano em especial, não privilegia seu baixo condicionamento físico. Zaracho precisa voltar logo e bem. Com a chegada do Pavon, o jurídico do Galo poderá atuar junto à Conmebol pra tentar dar condições de jogo a este jogador.

  19. Bom dia amigos do Galo. Sou cético em relação ao trabalho do técnico Mohamed a frente do elenco do NOSSO GALO, afinal das contas, já se passaram seis meses e parece que ele não consegue fazer o time jogar um futebol correspondente a qualidade do elenco que tem em mãos. Apesar disto, vamos torcer para que os jogadores se entendam em campo e nos tragam um bom resultado. Aqui é galo a 64 anos.

  20. Prezados Ávila, atleticanas e atleticanos!
    Dizem que precisa-se de motivação para se jogar futebol! Mas qual é a motivação maior que não seja vestir o manto sagrado do glorioso galo? Quem não entra em campo motivado para defender o atlético, não presta para fazer parte da equipe. Seja treinador, seja jogador, seja dirigente têm que estar sempre motivado na busca do melhor para o Galo. Tenho notado que muitos creditam à falta de motivação pelo péssimo desempenho de alguns jogadores. Não posso acreditar! Pode-se contestar o sistema de jogo empregado e a obediência ás vezes burra dos jogadores. Se no campo de jogo as coisas não estiverem fluindo como deveria, cabe aos jogadores alterarem tais situações. Desobedeçam ordens que não estão dando resultados, assim como o Hulk fez no ano passado. Continuo achando que o galo não tem apresentado um bom futebol, muito mais pela incompetência do sistema tático. Hoje, nada de buscar o empate. Vá pra cima do Emelec e faça deste um omelete quebrando-se tradições de ainda não ter vencido na casa do advesário. É hora sim de virar a chave e focar nas libertadores. Isto não quer dizer que deve-se priorizar as libertadores. Todas as competições são importantes e quanto mais conquistas, mais eleva o espírito do atleticano.
    Vamos buscar a vitória a qualquer preço! Nada de justificativa de ausências de alguns jogadores, temos plena condições de vencer com o que temos.
    Hoje e sempre, galo!!!

  21. Bom dia Avila: o primeiro tempo contra o Fortaleza, o segundo tempo contra o Curitiba, a goleada contra o Fluminense, a derrota contra o América e contra o Tolima, o gol de cabeça do Apodi, sao lições que espero que o time tenha aproveitado e repita a concentração e vontade dos jogos contra o Flamengo e Palmeiras. O Everson disse no jogo contra o Fortaleza, que faltou vergonha na cara. Esperamos que hoje não falte vergonha na cara, concentração, força mental, raça, pois temos time pra vencer, independente de tecnico. Já vimos o Urubu ser campeão Brasileiro, com Andrade de técnico. Humberto Ramos quase faturou um brasileiro ” treinando o Galo” e segundo o Barata, o Galo faturou a Libertadores de 2013, ” sob o comando de Gilberto Silva” e no ano passado o ” Hulck” é que dava as cartas no time. Então, chegou a hora do Hulck, entrar em ação. Que venha o ” Manso 2″, mas tem de ganhar, pois com técnico ou sem técnico, a bagaça se resolve no campo de jogo. Vai pra cima deles Galo!!!

  22. Bom dia, prezados Atleticanos

    Quando a gente acha que o Galo vai se estabilizar, ser mais confiável, acontece aquele 1º tempo de horrores contra o Fortaleza.

    Hoje não terá a Massa pra carregar, levantar e livrar o time do vexame. A esperança está nas escalações do decisivo Hulk, nosso super – herói e do cerebral Nacho.

    Que nosso sistema defensivo esteja mais ligado e menos lerdo e frouxo.

    O Equador é o único país onde o Galo nunca venceu. Tabus não são prá sempre, né?. Tai a oportunidade. Vencer fora, Gaaloôôô!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.