Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Atleticanos pelo mundo – 20

Crédito: Cariogalo

Serei curtíssimo na apresentação deste post dos Consulados. Explico a razão. Ele ficou bem mais longo que todos os anteriores, mas vale a pena sua leitura. A Cariogalo é o embrião de todos os demais Consulados. Com ele, damos uma trégua provisória na apresentação destes núcleos Atleticanos pelo mundo. Voltaremos em breve, assim que o calendário permitir. Afinal, estamos com jogos duas vezes por semana, o que sugere priorizar nossa resenha sobre as competições.

Crédito: Cariogalo

A incrível história do Consulado Cariogalo!

Custódio Pereira Neto & André de Oliveira (Tijuca)

 

Como surgiu a ideia de reunir Atleticanos no Rio de Janeiro?

Em 14 de abril de 2006, foi criada uma comunidade no extinto Orkut com o nome “Atleticanos no Rio de Janeiro”, e a primeira reunião foi por meio dessa comunidade. Galo x Ceará, Série B, novembro de 2006. Compareceram três pessoas. Mas vários outros encontros ocorreram depois, ainda na Série B e em 2007, com o nome Atleticanos no Rio de Janeiro.

 

Como foram os primeiros passos?

Ao longo de 2007, a ideia de reunir mais gente e definir um bar foi avançando, já como Cariogalo, para facilitar a divulgação.

Em outubro de 2008, fizemos algumas camisas e fomos juntos aos jogos no Rio. Mas foi em 2009, no Campeonato Mineiro, que as reuniões ficaram mais regulares, alternando na casa de amigos.

Com a boa campanha no Campeonato Brasileiro, passaram a ocorrer encontros em Copacabana, mas os bares priorizavam times do Rio, mesmo que Atleticanos fossem maioria. Por vezes, nos deixavam na mão e a saída era ir para a casa de um amigo mais próximo.

Em 2010, em Copacabana, houve a primeira reunião expressiva, com mais de 40 pessoas, no segundo jogo entre Galo e Santos pela Copa do Brasil. Também em 2010, foi criado um Yahoo Groups para facilitar a comunicação. Passamos a nos reunir no bairro de Botafogo, para o Campeonato Brasileiro e Copa Sulamericana. Porém, várias vezes o bar fechava sem avisar ou não passava o jogo pois tinha roda de samba.

No final de 2010, foi inaugurado no Rio um sport bar, que tinha 14 TVs e passava os jogos de todos os times. Com a criação de um perfil Cariogalo no Twitter, o grupo foi crescendo e no clássico vencido por 4 a 3, reunimos novamente mais de 40 pessoas.

Crédito: Cariogalo

Em 2011, foi criada a página, o perfil e o grupo Cariogalo no Facebook, aumentando a divulgação. Assistimos à final do Mineiro em Copacabana, com 50 Atleticanos querendo fazer festa, mas Magno Alves não colaborou!

Já o Campeonato Brasileiro, assistimos em Botafogo. Pela campanha ruim, a frequência diminuiu muito. Mesmo assim, naquela decepção contra o Cruzeiro, umas 50 pessoas estavam presentes, fora as que não entraram porque estava muito cheio.

Em 2012, para manter a união do grupo, houve um acordo com um bar em Botafogo. O sócio topou dar exclusividade e nós pagamos o PFC durante o ano inteiro. Naquele ano, fomos em 20 pessoas para Juiz de Fora, nas finais do Mineiro, e custeamos algumas camisas, cujo modelo até hoje pouco mudou e fizeram um sucesso entre os interessados.

 

A chegada de Ronaldinho mudou alguma coisa?

Quando Ronaldinho chegou, o Galo embalou, o grupo cresceu. Em 27 junho, a Revista Veja Rio fez uma reportagem sobre a difícil vida de torcedores de fora do Rio de Janeiro para assistirem aos jogos dos seus times de coração. A entrevista ganhou repercussão, as redes sociais davam um apoio enorme, e o grupo foi crescendo.

Em agosto, eram tantos Atleticanos, mais de 100 por jogo, que precisávamos usar a área externa do bar, mas faltava uma televisão, comprada por nós. Com mais espaço, a frequência mudou para 200 pessoas.

Ainda em 2012, após a transferência do Jornalista Chico Pinheiro para o Rio, enviamos uma carta a ele, que retribuiu com simplicidade e carinho. Quando compareceu no bar, reunimos mais de 300 pessoas. Ainda em 2012, “Rei Rei Rei, Reinaldo Lima” esteve conosco em um evento muito especial, com mais de 60 pessoas, em uma tarde marcante.

Em 2013, dezenas de pessoas presenciaram os títulos do Mineiro e da Libertadores, e os jogos do Brasileiro. Enfim, foi um ano de sucesso, com o grupo sempre aumentando e com participação em vários canais de imprensa e cobertura ao vivo da Fox Sports e da ESPN Brasil.

Nas finais da Libertadores, reunimos 1.200 pessoas no primeiro jogo, e 800 no jogo final. Naquele ano, pela primeira vez na história, um produto oficial do Clube Atlético Mineiro foi lançado no Rio de Janeiro. Era o livro “A América é do Galo”. Além disso, 150 Atleticanos do Rio foram para o Marrocos. E mais de mil pessoas viram o primeiro jogo do Mundial.

Em 2014, o local de encontro passou a ser na Lapa, em local mais amplo, que permitia administrar a quantidade de pessoas, o barulho, a segurança dos participantes e a qualidade do espetáculo. Nas finais da Copa do Brasil, 800 Atleticanos lotaram quatro bares e toda a região central da Lapa. Uma festa que nada deveu à Praça Sete.

Já em 2015, foi organizado um final de semana para os Atleticanos, com a locação do cinema mais tradicional do Rio para a exibição dos filmes “Quando se Sonha tão Grande, a realidade aprende” e “O Dia do Galo”. Lotamos o Cine Roxy, seguido de uma resenha que durou até a meia noite, por onde passaram mais de 1.000 pessoas.

 

Qual o papel do Cariogalo nos Consulados do Galo?

Também em 2015, o Cariogalo teve papel relevante na criação do Projeto “Consulados do Galo”, identificando, localizando e reunindo dezenas de grupos de Atleticanos pelo mundo. As premissas de ambiente familiar e de amizade aplicadas no Rio e em vários outros locais, foram base dos Consulados.

Crédito: Cariogalo

 

Os encontros continuam? Qual o tamanho do grupo?

As reuniões aconteceram em 2016, são realizadas em 2017, continuarão em 2018… São vários eventos especiais, por meio da mobilização natural de tantos amigos reunidos. O Rio de Janeiro hoje veste preto e branco. Não há Atleticano que procure o Cariogalo e fique desamparado.

São centenas de famílias, que nasceram, que se mudaram, que estão a turismo ou a trabalho e que hoje são parte de uma vasta rede alvinegra na capital mais charmosa do País.

 

Mas qual o segredo para reunir tanta gente, há tantos anos?

Desde o início, nossa preocupação foi proporcionar a melhor experiência para as pessoas. Elas são o nosso foco e nada mais! Nos preocupamos com mínimos detalhes. Assim, mesmo com tantas limitações, como tudo é feito com muito amor, o Cariogalo se tornou o Consulado de um Clube Brasileiro que mais reúne gente no País.

Cuidamos das pessoas, fazemos relacionamento e somos desorganizados de propósito. Não temos membros, nem associados, nem cadastro, nem diretoria. Ninguém paga contribuição mensal e a consumação é livre no bar, do qual nada recebemos de participação.

Hoje, reunimos mineiros, cariocas, paulistas, gaúchos, brasileiros, estrangeiros e até torcedores de outros times. Ser “Cariogalo” virou um “estado de espírito”. E nós torcemos para o CLUBE ATLÉTICO MINEIRO. Portanto, se perguntarem por aí, pode confiar:

AQUI É GALO NO RIO DE JANEIRO!!!

 

Sigam nossas redes sociais:

Twitter:

https://twitter.com/Cariogalo

Facebook página.:

http://www.facebook.com/pages/Cariogalo/175121292529807

Facebook perfil.:

http://www.facebook.com/cariogalo.atleticanosnoriodejaneiro

Instagram:

http://instagram.com/cariogalo

38 thoughts to “Atleticanos pelo mundo – 20”

  1. Boa noite! Essas iniciativas dos consulados são sensacionais: fomentam o intercâmbio de atleticanos, divulgam o Clube e mantem a nossa alma insana. Eduardo, como você já bem disse, a Diretoria deveria apoiar de forma sistemática esse projeto que só traz benefícios ao Clube. Trata-se de uma iniciativa espontânea, que nenhuma outra torcida, pelo que sei, desenvolveu. Não explorar devidamente essa iniciativa soa como má vontade. Quanto ao time, espero que o “descanso” e as cobranças que se avolumam despertem os medalhões do sono profundo em que se encontram. Além disso, o Roger Machado teve a oportunidade de refletir sobre os erros até então cometidos e, assim montar um time mais equilibrado, conciliando jogadores experientes com jogadores jovens e com maior força física. Por isso, penso que Robinho deveria ficar fora do time, dando ao Luan ou ao Valdívia a oportunidade de iniciar as partidas. Com esse raciocínio o correto ao meu ver seria iniciar a partida com: Vitor, Emanuel, Leo Silva, Bremer e Fábio Santos; Carioca, Yago (Adilson ou Ralph), Elias e Cazares; Luan e Fred. Com essa formação Luan e Cazares poderiam se alternar no ataque. Penso que o Bremer, pela firmeza, força física, seriedade e velocidade que mostrou com a Chape, seria ideal para jogar ao lado do Leo Silva. Além disso, não teria receio de lançar o Emanuel. Acho melhor que improvisar o Yago. Abraço!

  2. Maravilha! 🙂
    Que a Galo Salvador aprenda com a Cario Galo!
    Agregar é atleticanizar, dividir é fascismo de alguns tolos! 🙁

    Cabrito

  3. Acabei de ouvir na Itatiaia que o meio campo do Galo está escalado com Rafael Carioca, Elias, Luan e Cazares. Tem base? Acreditar na imprensa é temerário. Não dá para aceitar tudo, mas, se o Luan tiver que jogar o tempo todo vai estourar de novo. Será que não tem mais ninguém para o meio?

  4. boa Eduardo e massa,parabens ao cariogalo,saudações,so digo amanha temos um pedra no sapato que já nos eliminou varias vezes,que os marmanjos que ficou so nos treinos,se ficou,que entrem com sangue nos olhos,vai galooooooooooooo.

  5. Pelos recentes investimentos que a Diretoria vem fazendo no futebol da Base, tendo a iniciativa de montar um Time B para o Campeonato Mineiro. Acabou de contratar mais um zagueiro (Ygor ex-Boa). Renovou o contrato de jóias (Henrique e Jesiel). Contratou umTécnico de Seleção para o Sub-17.
    Acaba de colher frutos com o título da Copa do Brasil…
    Sinto cheiro no ar que o ciclo de Time de Medalhões está com os dias contados no Galo.
    Vejo para 2018 um Time formado por Jovens Operários.
    Até o perfil de nosso Treinador atual, tem tudo a ver.
    Isso dá um bom debate: Time com Medalhões já rodados ou Jovens Operários querendo mostrar serviço?
    É viver para ver!

    formado por mmOperários.
    Aliás, o nosso Técnico tem esse perfil.
    Isso dá um bom debate: Medalhões já rodados ou Jovens querendo mostrar serviço?

  6. Boa tarde a todos.Nosso GALO tem que jogar para ganhar e de muito. Até agora não assistimos um jogo com muitos gols. Chega de fazer um gol e recuar. Aqui é GALO.

  7. Que coisa sensacional estas histórias Eduardo, continue sempre abrindo espaço, coisa muito boas esses Consulados, parabéns ao Rio de Janeiro, Cariogalo, que tanto de gente, viva o Galooo!!!

  8. Boa tarde a todos.
    Que bom que essa vitória deu uma acalmada nos ânimos.
    Apesar do merecimento, ainda acho um pouco exagerado por tudo que foi dito no blog e as vezes escutando na rua.
    Nesse Brasileiro ninguém esta tendo vida fácil. Estamos a 3 pontos de Santos, Palmeiras e do Palmeiras. Classificado em primeiro na libertadores e na copa do Brasil. Pedem tanto o Levir que perdeu o jogo para adversário que empatou com a gente aqui. Então as vezes a gente critica muito o time, mais esquece que do outro lado tem pessoas trabalhando também e querendo mostrar serviços. Roger em quanto teve os jogadores disponíveis fez um bom trabalho sim, merece critica talvez pelo planejamento que fizeram, mais pelo que vejo somente Corinthians está um pouco acima da média. Mais tem perdido pouco jogador que mantém a base da equipe, acredito que na próxima janela a coisa pode desandar. Então ta na hora do apoio, deixe RC e FS trabalhar, se estão ruim com eles pior sem principalmente para Copa do Brasil. Estamos a anos no topo e mais uma vez encaminhando quem sabe para um grande titulo. Já erramos no passado querendo a cabeça de treinador e arrependemos. Espero não cometermos o mesmo erro. Palavras negativas e cobranças exageradas quando chega no CT mais atrapalha do que ajuda.
    Acredito em uma grande vitoria amanha para buscarmos a classificação mais tranquilo no Rio.
    Galooooooooooo

  9. Boa tarde atleticanos de plantão! Vamos jogar na quinta-feira lembrando do regulamento da CB. Sem essa de não entrar ligado. Força máxima pra passar pelo Botafogo. Espero que joguemos pelo menos uma das duas partidas de preto e branco. Parabéns CarioGalo! Reage Galo!

  10. Bom tarde Eduardo e galera atleticana. Divertir muito com comentário do nosso amigo Paulo SILVA principalmente com os seus dois ditados, o qual desconhecia. Suas analises são ótimas expressam com clareza o pensamento da maioria. Seus comentários tem um linguajar adequado de fácil compreensão. Neponusono pare de perder tempo com o RM ele não tem atitude nem coragem para barrar os intocáveis do nosso time.

    1. Obrigado José Carlos. Divertimos juntos. Comentar aqui é sempre um grande prazer. Apareça mais. Um forte abraço preto e branco para você.

  11. Bom dia amigos do Galo. O Andrade foi claro em seu comentário, precisamos acabar de vez com esta zica dos confrontos com o Botafogo. Se o Avaí ganhou, temo obrigação de ganhar, deixemos de lado tudo que pode atrapalhar o desempenho do time em campo, como sempre a torcida fará a parte dela. Vamos que vamos Galão, Vencer, vencer, vencer.

  12. Caro Eduardo , bom dia a voce e amigos atleticanos .
    Nota-se em toda nossa torcida a impaciencia e o mau humor com nosso time. Paciencia esgotada, não somente pelo fraquíssimo futebol apresentado até agora , a paciencia se esgotou pelo marasmo , pelo mais do mesmo e ´principalmente porque as coisas não estão caminhando do jeito que esperávamos , a nossa confiança está sendo minada a cada rodada , queríamos estar voando e confiantes neste momento.
    O futebol fascina por ser um esporte imprevisível , inteligente, belo e ingrato.
    O jogo botafogo e avaí, ontem , mostra que a teoria na prática, às vezes é outra , um time certinho contra um franco atirador, azarão e limitado , porém, disposto a vencer. Suportou 29 finalizações, algumas, com real perigo de gol, e finalizou 5 ou 6 vezes, marcou dois gols , mostrou um goleiro disposto a não levar gol, com belas defesas . Se eu fosse torcedor do botafogo eu não vaiaria o time na final , o futebol tem disto, esquecer a puteza pela derrota e enxergar brio e luta , este é o segredo do fair play , tão difícil de ser exercitado.
    Quinta feira , amigos e caro blogueiro , este time virá mordido e tentará um resultado positivo a todo custo. Grande novidade , algum time jogar desmotivado contra nós , eu jamais vi.
    Quinta feira, sem cansaço , sem mimimi de calendário , sem desculpas esfarrapadas , esqueçamos o brasileiráo , esqueçamos esta mania de levantar defunto , focar e buscar um bom resultado , estamos de olho.

  13. Espero sinceramente que o Roger esteja estudando o Botafogo . Jogaram ontem com os titulares, ou seja, estão mais cansados. Não tem desculpa, não tem blá blá blá , não conversinha fiada, é obrigação vencer. É jogo de inteligência , eles jogam melhor no contra-ataque, tenham atenção .

  14. Oi Eduardo e Amigos, bom dia!
    Essa CarioGalo é genial; contamos com ela para calar o Engenhão na partida de volta. Como é gratificante para nós ver a Massa crescendo. Concordo com o AmiGalo Paulo Silva, o resultado de ontem foi péssimo para as pretensões do Galo. A derrota mexeu com a moral dos jogadores e agora a torcida exige reação imediata. Foi o que ouvi de alguns torcedores após o jogo. Bem, isso é problema deles; nós já temos os nossos e não são poucos.
    A minha expectativa continua sendo o que o Time do Galo irá mostrar na quinta-feira, após um período de descanso, reservado para recuperação física, treinamentos, ensaio de jogadas… enfim, tempo necessário para se
    reorganizar e dar uma nova cara ao nosso Time.
    Todavia, continuo pessimista. Ninguém no Galo está jogando bola e tão pouco desequilibrando. Não são cinco, seis dias que os caras vão colocar a pipa no ar e encantar a Torcida jogando um belo futebol. Mágica no futebol não existe. Torço para que esteja totalmente errado e que seja surpreendido com um bom desempenho de todos e uma bela vitória. Em mata-matas, ao meu ver, sempre o primeiro jogo é o mais importante. Se fizer caca, dificilmente reverte o placar no jogo de volta.
    A Equipe também deve estar sendo preparada psicologicamente, para não entrar afoita e se desorganizar, a fim de buscar o resultado a todo custo. Aí, haja “chuveirinhos”. Parar também com essa paranoia de achar que no Horto tem a obrigação de golear. Sem essa também de subestimar o adversário.
    A Torcida continua esperançosa, tanto que já foram vendidos quase 9.000 ingressos, projetando casa cheia. Não faltará o apoio da Massa… como sempre.
    Bica Bicudo… Aqui é Galo!

    1. O Roger tem que mostrar para o time as deficiências do Bota, inclusive na defesa. É fraca e não aguenta pressão. Mas, cuidado com o meio de campo deles. É muito bem treinado e encaixado. Não têm craques, só operários o que torna o jogo mais difícil.

    1. Beleza Leo, foi o que eu disse. eles já estão preocupados. Saíram do jogo com o Avaí falando do Galo. Esta será uma grande oportunidade de calarmos esses marrentos para sempre. Vacilar não vale.

  15. Nesta quinta enfrentaremos mais uma asa negra de nossa história. Este time do Botafogo é chato, e ultimamente tem sido junto com o Grêmio, nossos maiores algozes. Mas não tem essa não, e vamos precisar partir pra cima deles com o que tivermos de melhor. Creio que a vitória do time alternativo frente a Chapecoense, tenha colocado os chinelinhos titulares numa sinuca de bico, e eles precisarão mostrar uma postura diferente dos últimos jogos que participaram. Mais do que a cobrança por uma vitória, o que mais queremos é que o time demonstre raça, vontade de vencer e acima de tudo comprometimento. Se fizerem isto a vitória virá naturalmente. No tempo do Galo doido, como disse Luan, estas cobranças não seriam necessárias, mas agora com o novo estilo de “TIME EQUILIBRADO” que inventaram, precisamos cobrar diariamente dos caras. Assim quaisquer atitudes que não sejam estas; vocês serão cobrados. Queriam descanso? Pois tiveram. Queriam tempo pra treinar? Pois tiveram. Queriam tempo pra recuperação? Pois tiveram. E agora? Abra o olho cambada, porque nossa paciência com vocês acabou.
    Nota: No último jogo o Carioca tomou um cartão amarelo por reclamação, sabendo que iria ficar de fora clássico, e sabendo ainda que hoje temos jogadores do setor que não poderão atuar. Atitude irresponsável, e previsível vindo de quem vêm. Não discuto sua qualidade técnica, mas ele não tem perfil pra jogar no Galo. Pra mim este cara já deveria ter ido pro banco e posteriormente ser negociado, pois não tem comprometimento, é mal humorado, e ainda um desagregador. Para mim, ele está vingando a não ida dele para a china. FORA IMEDIATAMENTE CARIOCA!!!!

  16. Bom dia, Eduardo, atleticanas e atleticanos ansiosos na expectativa da mais importante quinta-feira do ano. E o Bota perdeu. Dizem meus parentes lá da roça que “de onde não se espera é que vem o coice”. Ruim para o Galo. Agora eles virão de alerta ligado e prontos para descontar aqui o vexame dado lá. Se tivessem vencido poderiam vir descontraídos e pensando na histórica superioridade sobre o Galo. Seria ótima chance para levarem outro coice. Mas, bola pra frente. E o Galo? Está treinando e pensando no jogo? Que tipo de treinamento? Estarão treinando em busca de entrosamento ou só brincando em meio campo? Estarão ouvindo o blá, blá, blá do técnico ou estarão num “brainstorm” sobre a importância deste jogo para o Galo e seu orçamento da temporada, da importância para si mesmos, da importância do jogo para o restante do calendário da temporada. Estarão se conscientizando de que uma vitória na quinta-feira será a afirmação do time neste ano e representará um enorme passo para uma nova conquista? Enfim, estarão estudando o adversário e vendo que a sua defesa é fraca? Não tão fraca quanto a do Galo, mas, facilmente batível. Estarão cientes de que é só apertar que aquela defesa confessa? Quem vai se encarregar do aperto? Quem vai se encarregar de anular o Camilo, o Pimpão e o Lindoso e com isso reduzir a força do Bota pela metade? O treinamento inclui vídeos de jogos do adversário? Incluiu assistir o jogo de ontem? Temos muito mais perguntas que respostas. Mas, não importa. O que importa mesmo é a resposta que será dada dentro do campo. E que seja uma resposta assertiva. Assertiva quer dizer uma vitória com boa diferença de gols e sem gol do adversário. Será que o Galo está treinando pensando nisto?

    1. Olá Eduardo. Mais um motivo para você papear com o pessoal técnico do site. O primeiro comentário acima caiu naquele limbo que não diexa publicar e quando tentamos reenviar aparece aquela mensagem de comentário já enviado. Escrevei o outro e enviei. Aí apareceram os dois. Pior é que são quase iguais, né? Esse pessoal técnico do site tá parecendo o DM do Galo.

      1. Rindo demais daqui. A comparação com o DM do Galo foi precisa e hilária. Vou lá amanhã. Ufa!!!

        1. Beleza, Eduardo. Você captou o espírito da coisa. Temos que rir dessas coisas mesmo. Estive matutando com a minha ignorância cibernética e tenho uma sugestão. O primeiro comentário ficou retido em algum trecho no caminho entre o meu IP e o provedor do site. Quando enviei o outro ele “empurrou” o primeiro e saíram juntos. Então, o problema pode estar nesse “caminho” entre as duas máquinas. Não sei se isso é possível, mas, quem sabe? Os técnicos do “DM” do site que digam.

  17. CarioGalo vamos precisar muito de vocês no jogo de volta contra o Botafogo, juntem a galera e preparem o gogó, cantem alto no engenhão e nos ajude a eliminar essa pedra no sapato.
    Saudações!!

  18. Bom dia, Eduardo, atleticanas e atleticanos em compasso de espera pela mais importante quinta-feira do ano. Meus parentes lá da roça têm dois ditados interessantes. 1. De onde não se espera é que vem o coice; 2. Porco magro é que suja a água. E não é que o Botafogo ontem experimentou essas verdades? Quem esperava que o Avaí iria aprontar para cima do Botafogo daquele jeito? Futebol não comporta vacilação. Se bobear dança mesmo. O Galo que o diga. Entraram de corpo mole achando que o jogo estava ganho e quando viram estavam perdendo de dois e não conseguiram evitar a derrota. Pois bem, alguém poderá pensar que isso é bom para o Galo. Não é. Foi o pior resultado para o Galo. Acendeu o alerta no Botafogo e se superar no Independência virou ordem. Se tivesse ganhado o jogo o Bota poderia permanecer na sua bolha de bonança e chegar aqui descontraído e pensando na histórica superioridade sobre o Galo. Agora quem tem que pensar nisso é o Galo. Não só pensar como principalmente se prevenir. Dizem que o time está treinando e se preparando especialmente para este jogo. Estarão estudando o Botafogo e procurando seus pontos fracos para explorar? No jogo contra o Avaí o ponto fraco foi a soberba. Mas, ela com certeza não estará acompanhando o Botafogo aqui. A própria presença do time atleticano e sua apaixonada torcida são suficientes para dissuadir qualquer expectativa de facilidade. Chegarão com todas as armas bem preparadas para não dar chance nenhuma para o time atleticano. Nas entrevistas pós-jogo eles já falavam no jogo de quinta-feira. Estão ligados. E o Galo como estará? Descansado? Bem treinado? Conhecendo o time adversário? Cientes de que uma boa marcação sobre o Camilo e o Pimpão diminuirá em muito a força do Botafogo? O Carioca estará atento e disposto para impedir os avanços do Lindoso? Quem vai se encarregar do Rogério? Estarão nossos jogadores cientes das deficiências da defesa do Botafogo? Porque ela é fraca. Se apertar eles confessam sem dificuldade. E quem vai se encarregar do aperto? Estão treinando, né? O que será que estão fazendo. Só ouvindo o blá, bla, blá do técnico ou reunidos num “brainstorm” sobre o jogo, o próprio time e o time adversário? Estarão avaliando e pesando a importância deste jogo para o clube, para si mesmos, para o orçamento financeiro da temporada e para a torcida ou só estarão treinando em metade do campo com golzinho de meio metro ou metro e meio? E na hora de jogar num campo inteiro darão conta? E acertar um gol de sete metros conseguirão? Será que esse treinamento inclui análise de vídeos de jogos do adversário? Será que estiveram assistindo e analisando o jogo contra o Avaí? Tem muito mais perguntas do que respostas. Mesmo por que a única resposta que interessa é a que tem que ser dada dentro do campo e tudo o que nós queremos é que seja uma resposta assertiva. Assertiva no caso quer dizer vitória com boa diferença de gols sem gols do adversário. Será que o Galo está treinando pensando nisto?

  19. Que maravilha! Camisa lindíssima. Essa Cariogalo é um exagero. Mas é claro estão no Rio de Janeiro onde tudo é exageradamente lindo.

  20. SAUDAÇÕES ALVINEGRAS. Parabéns CarioGalo. O que acho mais emocionante e tenho percebido em vários consulados é que muitos foram forjados no sofrimento e na dor, em razão da nossa passagem pela Série B. Pois como diz o ditado “aquilo que não nos mata nos torna mais fortes”, e foi justamente isso que aconteceu com o Galo, pois muitos torceram para virarmos mais um Ameriquinha, mas aqui não,Aqui é Galo , e ressurgimos da cinzas. Se hoje o time não está tão bem, isso é um momento, estamos em nossa quinta liberta seguida, sendo que ganhamos uma nesse tempo, fomos campeões da copa do brasil e vice no ano seguinte , vice no brasileiro, ou seja, estamos no topo, na prateleira de cima a alguns anos, desde que homens sérios assumiram o Comando do Galo. E estou com um pressentimento que esse time do Galo vai da Liga na C.B e Libertadores. Estou com esse pressentimento. Bica Bicudo..Aqui é só Galo.

  21. Grannnnde cariogalo… sempre muito acolhedora. Lembro no “fala sério” em botafogo direto tinhamos que contar com a assisstencia jur;idica do nosso “adevogado” Custódio para passar um pano na puliça que ia encher os pacuas por conta do barulho… lembro da final da libertadores, ao lado dos maledetos que nos tiraram o sonho em 81…. comemoramos demais, foi a forra.

  22. Suuuuuaaaave na nave! parabéns à CarioGALO -o consulado da bola nas terras do Zé Carioca- vida longa aos Consulados e vivas ao GALO. Vamos pintar o planeta de branco e preto e sobe o hiiiiinnnnnnnooooo…! Bom dia à todos.??? GALO

      1. Zé Carioca a que me refiro é o personagem brasileiro criado pelo Walt Disney .Este aqui óh >>>https://conteudo.imguol.com.br/c/entretenimento/2013/10/31/31out2013—ze-carioca-foi-criado-durante-a-estadia-de-walt-disney-no-copacabana-palace-1383226789590_300x500.jpg <<< Desenho q representa a malandragem – antiga malandragem,aqla em que vendiam lotes na lua,pedaços do Pão de Açucar etc etc … aos mais descuidados , não a de hj em dia – do boêmio carioca . Rafael Carioca estou revendo meus conceitos qto ao futebol dele , aguardemos p/ ver se a cornetagem foi válida , qdo ele estiver atuando em outra equipe . Gostaria de vê-lo jogar de 2º volante igual qdo chegou ao CAM. Minha opinião respeitando a vossa … abraço GALO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.