Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Vamos com calma amiGalos

Ontem, dia seguinte aos dois bons resultados de terça-feira, pude perceber algo que – além do estresse mais que desnecessário da venda de ingressos – me incomodou. ia trazer esse tema para nosso debate hoje pela manhã, mas aquele assunto absurdo virou prioridade. Pois bem, jogamos com o Palmeiras em São Paulo – tudo bem que o adversário utilizou time alternativo – saindo com um ponto a somar na tabela de classificação e encontrei Torcedores insatisfeitos com o roteiro rumo ao título. Ora, estamos com oito preciosos pontos à frente do único concorrente ao título, faltando apenas quatro partidas (12 pontos possíveis) e ainda tem Atleticano procurando defeito no time comandado por Cuca.

Convenhamos, isso parece reação de torcedor de time pequeno e emergente – que não é o caso do Galo e de nossa bonita história de glórias – que flutua entre conquistas e rebaixamentos – que neste caso vira situação permanente em história manchada por confessadas maracutaias ao longo dos tempos. O Atleticano, diferente, como sabemos foi forjado e vive em resignação neste mundo injusto. Roubado – várias vezes – nunca nos entregamos e seguimos na luta. Agora, a dois passos do paraíso, seguimos altaneiros e – até mesmo – contendo nosso grito precipitado de “campeão” exatamente por sermos “galos escaldados” com a cbf/tv

Ainda assim, confiantes na conquista do título, aguardamos o momento exato da confirmação matemática para mostrar ao Brasil e ao mundo a força da nossa Torcida. Tenho certeza que a Cidade do Galo, conhecida também como Belo Horizonte, será outra depois da configuração dessa conquista. Mas, somente depois que os números indicarem 100%. Como disse dias atrás, no título de uma de nossas resenhas. “Sigamos confiantes e contidos”. Afinal, quem conhece o que essa gente, cbf/tv, é capaz de fazer, entende o que estou afirmando.

Nem por isso, numa temporada que fomos brindados com um time forte, comissão técnica da melhor qualidade e uma gestão invejável, essa gente inescrupulosa tem conseguido nos deter. Em 34 partidas, até o momento, nosso time soma 23 vitórias, seis empates e apenas cinco derrotas. Aproveitamento de 74%. Nosso ataque balançou as redes adversárias por 55 vezes e tomamos 24 gols, saldo de 31. E note-se que, nada menos que nove penalidades claras, não foram assinaladas pelas péssimas arbitragens. Algumas delas, como anteontem, foram determinantes e seguraram vitórias da nossa equipe.

Lideramos com folga o Brasileirão, o time já está na casa de sete dezenas de partidas na temporada, faltando ainda seis jogos para fechar o ano. Algo exaustivo e que não vejo nenhum atleta ou quem quer que seja reclamar. Ao contrário, via de regra, nas entrevistas percebo uma disposição maravilhosa em busca do triunfo. Ah! Mas o treinador escalou mal, tinha de colocar Mariano e Keno, desprezando a informação oficial de que ambos estão no limite de sua resistência física.

Tem quem chegou ao limite de colocar em dúvida essa informação. Escalou o Guga, podia ter outra opção! Peraí, ao que sei temos dois laterais do lado direito. Mariano e Guga, na falta de um deles, evidente que a vaga será do outro. Se Mariano tem se mostrado em melhores condições, sabe muito bem a comissão técnica sobre suas condições atléticas. O mesmo se aplica a Keno e ao Nacho que o substituiu.

Fico a imaginar, daqui do meu modesto cantinho de onde escrevo todo dia, se o Galo tivesse oito pontos a menos, como estariam nossos companheiros de arquibancada que tanto reclamam dos reveses frente a adversários – teoricamente – mais frágeis que nosso time? Seguramente que lamentando aqueles pontinhos perdidos para a Chapecoense, Paranaense, Fortaleza, Ceará, FluC e Bragantino, entre outros. Estamos a cinco pontos da confirmação do título. Vale dizer, precisamos de um aproveitamento de 41%. Até o momento, fatiando nosso desempenho, se no geral temos os 74% que já mencionei, vejamos: no turno tivemos os mesmos 74%, no returno – até o momento – também os mesmos 74%. Jogando como mandante o aproveitamento é de 90% e visitante chega a 59%.

Nos quatro jogos que nos restam vamos receber o Fluminense (28/nov) e Bragantino (05/dez), nos próximos dois domingos. Fora de BH vamos enfrentar Bahia (02/dez) e Grêmio (09/dez), ambos em duas quintas seguidas. Bastam-nos duas vitórias ou apenas um triunfo e dois empates. Encontrei hoje cedo gente temendo uma eventual retranca do tricolor carioca. Ora, superamos isso com o Cuiabá, Grêmio, América, Juventude e outros trancadinhos no Mineirão com a força da Massa . Vai gostar de sofrência. Credo! Trocando em miúdos, se tivermos um pífio aproveitamento de 42%, mesmo que o Flamídia vença todos os seus quatro confrontos, o Galo será campeão Brasileiro. E mais, ao que acompanhamos, temos um elenco unido de irmanados no mesmo propósito do Atleticano.

Então, caríssimas e caríssimos que ontem – aqui ou pelas ruas da cidade – incentivaram a transmissão e consequente contaminação do pessimismo, eu vos digo, aqui é Gaaalooo, po##@! E a peteca não vai cair. Seremos campeões. Se não no domingo, quem sabe no sofá de terça-feira, ou na terra de São Salvador na quinta, ou no domingo seguinte aqui mesmo no Mineirão. Acredito que nessa última sugestão, possamos é receber a taça de campeão Brasileiro de Futebol. Daí, sim, seremos o primeiro e o último campeão entre todos os clubes brasileiros.

*fotos: Pedro Souza/Atlético

26 thoughts to “Vamos com calma amiGalos”

  1. Bom dia Eduardo e Atleticanos! A respeito do texto de hoje, tenho a dizer que o problema da queda de rendimento do time tem a ver com o lado psicológico , ansiedade e nervosismo para obter logo a concretização do título brasileiro. Não há outra explicação , pois os jogadores são os mesmo e não desaprendem de jogar futebol. veja as falhas defensivas nos jogos contra o asqueroso , contra o palmeiras e contra o grêmio- tudo fruto de desconcentração aliada com ansiedade. Por isso , o Atlético tem que trabalhar nesse aspecto com o elenco. se o time estiver bem no lado psicológico dará um show sobre o fluminense como teria dado em ciam do asqueroso, do palmeiras e do grêmio.
    Alias não poderia deixar passar a oportunidade de dar os parabéns para o texto postado ontem neste bloq pelo amigalo Claudio Oliveira de autoria do Boechat, Muitas das informações lá constantes não sabia e já rotulo aquele time vermelho e preto do rio de janeiro de asqueroso, agora ainda mais aplicável tal denominação

  2. Telê Santana, ensinou Cafú, um dos maiores laterais direito da nossa história, a ir à linha de fundo e cruzar. Guga não defende, não sabe atacar e definitivamente não sabe cruzar e ainda querem comparar Cuca com Telê. Ah…se o Telê tivesse nas mãos o elenco que Cuca tem. Com certeza o Galo estaria na final do mundial de clubes esse ano.

    1. Parabens. penso exatamente assim. Sou GALO, mas muiiiitooooo mesmo. Porem vejo o time bastante limitado dependendo da sorte a maioria dos jogos. Cuca é limitadíssimo. Tem uma Ferrari, mas ele é apenas um motorista de caminhão..

  3. Boa noite a todos. EU QUERO É RAÇA. EU QUERO É TAÇA. EU QUERO E GANHAR HOJE AMANHA E SEMPRE QUE POSSÍVEL.
    VAMOS GAAAALOOOOO, GANHAR O BRASILEIRO!!!!!!!!!

  4. Boa tarde Eduardo e massa. falta 5 pontos para nos tirar este peso de 50 anos sem ganhar o brasileirão. domingo vamos jogar contra a cbflu esta flor ja nos causou muitos prejuízos então é foco total. sobre escolha do cuca ele errou em por o pessimo Guga avenida e nacho preguiça este argentino não está jogando nada a tempos. mas colocaram eles por problema físicos do mariano e keno. então domingo não pouca ninguém. ainda é muito cedo para falar em reforços mas ano que vem um lateral direito. camisa 10 e zagueiro para ser titulares. a galo falta pouco. vai galooooo.

  5. Prezados Ávila, atleticanas e atleticanos!
    Ainda não é hora de cantarmos de Galo! Vamos continuar quietos no nosso poleiro!
    Na hora certa vamos explodir de emoções mas, por enquanto, precaução é o norte!

  6. Muito bem Eduardo… Vc foi na ferida….
    Precisamos acreditar que seremos campeões… Merecemos porque estamos fazendo por onde….
    Porém, aqueles que já passaram de certa idade e sentiram na carne as decepções do passado, ficam sempre com um pé atrás (me incluo nisso). confesso que tenho medo de outra decepção como aquela de 1977 que me gerou traumas até hoje que não me permitem assistir a um jogo completo do Galo…. Sempre me vem aquele gosto amargo daquela derrota que não estava na expectativa de nenhum… nem mesmo dos bambis… E se o Galo não for Campeão desse BR, nem sei como vai ser…. acho que desisto do futebol e do Galo de vez…
    Mas estou confiante…..desconfiando…..
    Acredito que o grito de liberdade de todos os fantasmas e injustiças virá na 3a. feira, no conforto de nossos sofás…..
    Abraço a todos…..

  7. Caros amigos Atleticanos, acabou meu pessimismo,o Título é nosso, só resta saber quando,vamos vencer o Flu no Domingo, tenho certeza absoluta na vitória do Galo,depois é aguardar o tropeço Do Flamerda na terça , vamos comemorar uma Semana sem parar,descansar um pouco porque a Copa do Brasil também será nossa,vamos com fé irmãos

  8. O Dario não me emprestou a bola de cristal dele, mas não tenho medo de afirmar que:

    “Já somos campeões”.

    Afirmativa valida, não apenas pela vantagem em pontos, mas também pelo discurso de todos os jogadores e comissão técnica, que demonstram estar em sintonia com a massa atleticana.

    Fugindo um pouco do assunto, alguém poderia me informar o que o tal Zeca Pagodinho tem a ver com o CAM, para ser atração de inauguração da Arena MRV?

    ObriGalo.

    “Somente sendo um pra saber”

  9. Boa tarde!
    5 pontos é o que nos separa do tão esperado título, 1 vitória e 2 empates. A ansiedade está me deixando louco…
    No momento, torço muito pra não ocorrer uma derrota no próximo domingo. É inimaginável os estragos que isto traria ao time e a nós torcedores.
    O próximo jogo é o da vida, é o mais importante até aqui.
    Pra cima deles Galo!
    Abraços…

  10. Commebol anuncia fim do gol qualificado. Agora quando um timeco que jogou com o regulamento debaixo do braço como um timinho pequeno se retrancou na propria casa, praticou o antijogo e por nossa incompetencia , nos eliminou. Todo mundo já baniu esta aberração , a mafiosa commmebol sempre a ultima a fazer algo de bom.

  11. Bom dia, Massa e Guru,

    Respeitando as opiniões contrárias, há gente que critica por criticar, sem ter argumentos convincentes. Mas aimpr4essão que passa é eles não querem convencer, querem apenas ser contrários e o resto que se fu. Para mim o que vale são os números, porque são eles que determinaram quem será o campeão no final e contra este argumento qualquer crítica se torna pura falácia.
    Não, não estou aqui para cornetar nenhum corneta, até porque as vezes eu tb sou. Mas estou aqui sim para defender um trabalho que está dando resultados, mesmo com alguns ou algumas objeções.
    Em vez de degladiar e fazer prevalecer minha opinião, gastar minha energia curtindo um momento e uma atmosfera que nem em 2013 e 2014 vivi.

    Como é bom ser líder e a dois passos do paraiso!

  12. ” … ainda tem atleticano procurando defeito
    no time comandado pelo Cuca …”

    UM defeito não , UM MONTE !

    Seremos campeões ?
    Sim , seremos , se ele não atrapalhar mais .

    1. Muito bem. Vejo que ainda temos ATLETICANOS autênticos, que sofrem, torcem, vibram, mas consegue ver as falhas lamentáveis do time, e a limitação e teimosia do técnico.
      Sou ATLETICANO até morrer, mas vejo muitas falhas no time.

  13. Boa tarde Eduardo. Realmente no final de temporada, disputando duas competições mata-mata e o Brasileiro de pontos corridos, a exaustão fisica e mental é uma realidade. Jogadores como Arana, Hulck , zaracho, em algumas partidas, mostram isso. O unico que ainda nao mostrou esses efeitos é o Alan. Mas o que nao falta nesse elenco é empenho. O Guga até falha por ruindade mesmo, mas má vontade nao vejo. Mas Ávila nós da torcida estamos convivendo é com o stress de cinquenta anos. Se para os jogadores tá osso, pra gente tá muito mais..E ainda sacaneiam a torcida com divulgação de ingressos com preços estratrostericos, um trânsito pessimo para o Mineirao. Então eu creio que se nao devemos cobrar de jogadores , diretores e técnicos, precisamos entender o lado da torcida também. Todos estamos desgastados. E não é pouco nao viu…Esse Galo já aprontou conosco viu….inclusive entregando o Brasileiro do ano passado com derrotas para Vasco, Goias e Botafogo…A turma tem motivos de sobra para ter o pé atrás.

  14. Belas palavras ditas (digitadas) por alguém com grande visibilidade e que tem por obrigação (desculpe, eu não encontrei palavra melhor) manter a chama sempre pungente, mas eu ainda prefiro aguardar, à despeito da perfeição do time comandado pelo estuprador dos meus sonhos e do EXCELENTE TRABALHO DA DIRETORIA NOS BASTIDORES (espero que isso algum dia venha à tona, para que todos nós possamos reconhecer os méritos de um trabalho que, no momento de sua execução, tenha como premissa de sucesso o segredo). Por fim, se alguns são “galos escaldados com medo de água fria” eu sou “galo esfolado na água quente que não está nem bebendo água, com medo de queimar a goela”. Vamos lá, Galo, não nos decepcione!!!

  15. Puxa, foi com grande alento que li essa coluna.
    A única coisa que pode tirar o título do Galo é … a torcida do Galo.

    Graças a Deus, o blogueiro que tem grande influência sobre grande parte da massa, achou a turba à realidade: o Galo é campeão DO QUÊ?

    Que eu saiba, do Mineiro/21. Então, qual a razão daquele espetáculo patético de parte da torcida, gritando “é campeão”? Quem os está instigando a isso? Tem dedo da imprensa do eixo aí? Tem dedo de torcida canalha organizada do Galo ai?

    No Allianz, triste espetáculo ver o staff do Atlético preocupado com o placar do jogo do Grêmio. Que importância tinha a porcaria do jogo do Grêmio para o Galo? Nenhuma.

    A quem interessa dar vazão a essa tese do eixo de que o Galo disputa o título com o Varmengo?

    O Galo NAO É CAMPEAO.
    O Galo NÃO É CAMPEÃO.
    O Galo NÃO É CAMPEÃO.

    Para ser campeão, precisa obter 5 pontos dos 12 em disputa.
    E isso é ponto PRA CARAMBA, precisa de concentração e luta PRA CARAMBA.

    A torcida do Galo pode, DE NOVO, por tudo a perder, pilhando o time.
    Que Deus nos ajude.

    1. Peço licença para respeitosamente discordar pois o resultado do Gremio interessava e muito ao nosso Galo. E o empate foi muito importante para manter a diferença de oito pontos. Olha amigalo uma derrota do Gremio aliada a uma vitória do Palmeiras traria todos os nossos fantasmas de volta. Discordo ainda , em relação a torcida. Qual o título que a torcida perdeu por pilhar o time? Eu nao me recordo mesmo. Os títulos que perdemos pode ser de responsabilidade de tudo, menos da torcida!!!

      1. DOMINGOS SÁVIO ,

        a questão , hoje , que se nos apresenta , é que
        a resenha do futebol ACABOU .

        Já não se tem mais espaço pra jogar conversa
        fora , pra falar se você gosta de um jogador ou
        outro , pra dizer que o técnico é bom ou ruim .

        O que importa são os NÚMEROS .
        O torcedor que se ferre com sua agonia .

        Tenho um amigo , CAMPEÃO BRASILEIRO ’71 ,
        o SPENCER , que simplesmente nem dá papo
        para quem venha a falar de futebol com ele e
        não leve em consideração a bola que se joga
        em campo .

        Ainda hoje critica muitas decisões que foram
        tomadas naquela jornada épica .

        Mas , hoje , isso é TABU .
        Não se pode argumentar nada que não seja
        a pontuação conseguida .

        Dizer que , por ERRO BRUTAL do técnico , a
        LA foi pro saco e que morremos de medo
        de alguma m@@@ nos próximos jogos nos
        tirar o título é pecado mortal .

        CRENDEUSPAI !!!

      2. Discordar é do jogo. Mas o Galo tem (e tinha quando começou a rodada conta o Palmeiras) 8 pontos de vantagem, na ponta da tabela. Logo, nenhum resultado deve merecer a atenção do staff ENQUANTO um jogo estiver acontecendo, e requerendo atenção total. É o que penso.

        Quanto à torcida, considerado a do Galo uma das piores, e já disse isso algumas vezes. Uma torcida que torce para si mesma e se põe acima do Clube, e se envaidece com a ridícula tese de que “o CAM não tem uma torcida, é a torcida do CAM que tem um time”. Na MINHA opinião, o CAM É MAIOR que a sua torcida, e EU acho que o fato de a torcida torcer para si mesma é fato que nos tirou muitos títulos, até porque com essa lógica, a torcida não tem nem força de cobrança em relação ao Clube.

        DESSA VEZ a torcida pode atrapalhar por pilhar o time. De outras vezes, por ficar, por exemplo, presa em questões de arbitragem e deixar de cobrar/incentivar o time, outras por ficar tão apaixonada por si mesma, que, quanto mais o Galo perdia, mais a torcida ganhava (torcida heroica).

        EU não acho que é mera coincidencia o fato de o Galo ganhar (se Deus quiser, vai ganhar) 50 anos depois, justamente quanto NÃO HOUVE torcida nos estádios na imensa maioria dos jogos. Acho que esse detalhe nos foi FAVORÁVEL, mas a torcida (ou parte dela) já está louca para atrapalhar….

        1. Boa noite Mauricio. Sugiro ver a opinião do Paulo Autuori, Pedrinho e outros em entrevista ao Rica Perrone, sobre a torcida do Galo. Tem também um Galo x Corinthians, BR de não sei qual ano. Primeiro tempo, 0 x 5, fora o baile. Torcida fez nossos ” craques”, irem pra cima, parar de tomar baile e fazer o de honra. Cê já torceu pra Mexerica, Vanderlei, Conceição?

          1. Achei curiosíssimo. Temos um raríssimo exemplar de não-torcedor.
            Deveria ser estudado.

      3. Parabéns….
        Nossa torcida esteve ao lado do time mesmo quando eles, por “birrinha”, e para derrubar técnico, entregaram jogos fáceis.

        1. Galo da Roça, que definição legal. Acho que cabe para mim, quando estamos nos referindo ao torcedor ORGANIZADO. Acho todos ruins, e os do Galo, acho péssimos.
          Eu sou torcedor COMUM do Galo, nunca fiquei no meio de organizadas (sempre abaixo das cabines de rádio e TV), e nunca vi torcedor COMUM gritar “é campeão” com 5 jogos de antecedência, estando ainda há cinco jogos do título (nesse momento, a dois; naquele, a cinco).
          Eu só torço para o Galo mesmo. Para a torcida, cg e ando.

  16. Boa Tarde,

    Em 2020 na rodada final, tinha o Internacional todas as chances de apenas uma vitória encima do Corinthians em seus domínio, Corinthians equipe fraca e sem pretensões, empatou.
    Flamengo tinha que perder para o SP para assim o Internacional ganhar e ser campeão, perdeu.
    Pois bem, não temos que preocupar, a diferença é grande, podemos ser campeões até mesmo perdendo todos os jogos, o que não acredito e espero que não aconteça.
    O foco tem que ser o próximo jogo e é contra o time mais beneficiado pela arbitragem, para esse jogo como na Copa do Brasil, temos que estar preparados para sair perdendo de um pênalti a zero.
    E como na Copa do Brasil passar por cima do time e da arbitragem.
    Vamos passar por cima GAlo!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.