Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Cuca e suas fortes emoções

Outro mísero e magro um a zero, mas que nos colocou na quarta colocação do Brasileiro. O treinador começou, desde a escalação, a polemizar com o Torcedor ao optar pelo retorno do Allan e manutenção do Tchê Tchê. Se não era unanimidade, arrisco em afirmar que a maioria dos Torcedores esperavam Jair na cabeça de área e Marrony para o início da partida.

No caso do Marrony, claro, com Zaracho cumprindo a função que o treinador delegou ao seu afilhado que – atendendo ainda por Quero Quero e Tchau Tchau pelos Atleticanos – sabidamente não apresentou o mesmo desempenho do argentino. Teve Torcedor irritado com isso e, o resultado, vimos em campo. Outra magérrima e nada convincente vitória do Galo.

Vencer o Cuiabá, ainda que no campo do adversário, time que em sete jogos soma três derrotas e quatro empates, não é resultado para quem almeja o título do Brasileiro. Em que pese nossa ascensão na tabela e a quarta colocação, até deixando de lado os lamentos pelos tropeços frente ao Fortaleza, Chapecoense, Ceará e Santos, não ouvi ontem à noite nenhum Atleticano satisfeito com o desempenho da equipe frente ao Cuiabá. Participei da live do Galante, onde os Torcedores demonstraram claramente sua insatisfação com o rendimento apresentado.

Se na última quarta-feira aquela acachapante vitória sobre o bem treinado Atlético de Goiás motivou a nós todos, esse jogo de ontem colocou ainda mais água fria nesse tempo já bastante gelado da Cidade do Galo. Vamos aguardar a próxima partida e ver o que o confronto direto frente ao Flamengo poderá nos reservar. Depois, ainda pelo Brasileiro, vamos enfrentar o América, antecedendo ao primeiro embate pela Libertadores com o Boca Juniors.

Diria, por mim e por um número significativo de Atleticanos que converso habitualmente, que nenhum de nós aguenta essa roleta russa imposta treinador. Tem alguns que consideram isso uma afronta ao bom humor – conhecido e reconhecido – do Atleticano. Antes do gol, Éverson teve de salvar e assegurar o zero no placar. Cuca precisa deixar de ser teimoso, rever conceitos aprendendo a ouvir a voz da Massa.

Como se não bastasse, suas substituições – via de regra – equivocadas e demoradas, têm provocado um verdadeiro sufoco em todo segundo tempo. Ontem, não fosse a fragilidade do adversário, esses três pontos teriam ficado pelo caminho. Talvez fosse um ou até nenhum ponto, se do outro lado estivesse uma equipe melhor preparada. É nossa quinta vitória na competição, quatro delas por um gol a zero. Será que o Torcedor tem coração para chegar ao fim do campeonato? O time precisa agredir ao adversário. Ontem, ao que vi, o Cuiabá teve 60% de posse de bola e o Galo apenas 40%. Ter a bola, atacar e marcar, só isso que queremos.

Tudo bem que vencemos e conquistamos os três pontos, mas é preciso mostrar futebol para motivar ao Torcedor. Para fechar nossa prosa de hoje, dois pitacos.

Não gostei da arbitragem do Sávio, que é irmão do Wilton, ambos Pereira Sampaio. Sempre tive restrições aos dois, o segundo então parece ter birra do Galo. Hulk, como em outras partidas, caçado em campo e o juiz deixa seguir. Não marcam nada. Frouxos!

E no VAR, nada menos que o Heber, que em dois momentos parou o lance para tentar achar penalidade que não existiu. Enfim, assim caminha a arbitragem nacional, horrível desde os anos 70 com Aragão, Wright, Simon e outros similares a isso.

E outro. Que me perdoem o Savarino, Alonso, Franco e Vargas, mas sequei demais a Venezuela, Paraguai, Equador e Chile para que voltassem logo para os próximos compromissos. Aqui é Galo, po##@!

Em tempo: hoje, às 13h13m, postarei um texto extra sobre assunto que passou a me preocupar no final de semana. Trata da criação da Liga Nacional de Clubes. Tem cheiro de maracutaia no ambiente, com a conivência da CBF e até dos clubes das séries A e B.

*fotos: Pedro Souza/Atlético

49 thoughts to “Cuca e suas fortes emoções”

  1. O ilusionista Cucabracadabra desarranjou o meio-campo compacto e criativo – Jair, Zaracho e Nacho – do largo sucesso (4 a 1) contra o Dragão Goianiense para favorecer o retorno dos seus pupilos – o multinada Tchô Tchô e o malfeitor Allanprado Delivery Zinho.

    Zaracho foi deslocado para uma invisível zona do campo onde sua superior qualidade foi anulada pelo próprio treineiro do Galo. O anfitrião agradeceu a gentileza da piora no meio-campo visitante e sufocou o Galo até o final.

    Sem Nacho, retirado por lesão, o time perdeu a criatividade para ataque e busca do gol de segurança. O elenco não dispõe de sucedâneo.

    Argh, esse medonho esquema masoCuca de resultado! Contra Fortaleza, Chapecoense e Ceará fracassou: apenas um ponto obtido em nove disputados. Para alívio do torcedor, contra o noviço Cuiabá em série A, a tortura ao longo do tempo só valeu pelos três pontos trazidos de Mato Grosso.

    Na entrevista pós-jogo, Cucatrapalhado e suas inconvincentes desculpas para a aglomeração defensiva da equipe seguida ao solitário gol atleticano e as invariáveis e desvantajosas substituições, piorando sempre a qualidade individual e coletiva. Contínua evidência do elenco do Galo ser desnivelado e fraco.

    Quarta-feira, como teste maior no BR-21, enfrentará em casa o arquirival carioca e queridinho-mor das histórias trapaças do conluio CBFlobo.

  2. Boa tarde!

    Diante do futebol apresentado pelo Galo eu só tenho uma coisa fazer: Lamentar que um grupo qualificado como o atual elenco seja aproveitado de maneira tão mediocre. Digo isto pq, sinceramente, acho que se os atuais jogadores não são os melhores também não são os piores que vemos no Brasil.

    Abraço,

  3. Boa tarde amigos do Galo. Porque o Allan voltou ao time titular do NOSSO GALO? Com ele em campo o time joga com dez, é um enganador, finge que marca, não acerta um passe. Até quando vamos ter que aquentar este cara?

  4. Bom dia Massa e Guru

    Postei aqui no comentário de ontem pela manhã: “ Se o cabelo de boneca não atrapalhar ele já estará ajudando”. Não é que o entregador de camisas tentou atrapalhar ao escalar seus protegidos? Como será que está a cabeça de Jair que jogou um bolão na quinta feira e no domingo foi pro banco? Ao escalar Zaracho fora de posição ele também não está queimando mais um jogador? E a falta de coerência nas substituições? Sei não, mas acho que nosso maior adversário ao título é justamente o fogo amigo.

    1. Beleza, conquistou o três pontos e tal. Mas que futebol covarde! Ontem, no 1° tempo, não sei se alguém percebeu: o Nacho chamou a atenção dos jogadores do meio. Xingou mesmo! Fez gesto pedindo para o time avançar. E olha que o argentino parece ser calmo pra caramba Fez um sinal chamando pra subirem, para ajudar no ataque. Pra pararem com a covardia. Reclamou mesmo. Os caras parecem estarem proibidos de passar do meio campo. É por isso que ele está arrebentado, que machucou ontem. Acaba o jogo e ele tá morto. Corre para o Allan, para o Tchê tchê… Aí não dá. E a zaga?! Tá no meio de campo e volta a bola para o goleiro. PQP!!! Com esse elenco dava pra fazer muito mais. O treinador tá devendo demais! É inadmissível o Galo não chutar uma bola pra gol no segundo tempo. Galo, sempre!

  5. bom dia Eduardo e massa. ok importa éa Vitória mas um péssimo jogo do galo. levamos sufuco do poderoso Cuiabá e pode agradecer que não levou empate e derrota. eu disse no comentário de ontem o pardal cuca não ias tirar seus afilhados no time Allan e quero quero nem reservas servem mas temos um treinador burro e pirracento. aff.o pardal cuca colou culpa no campo ruim e temperatura aonde chegamos ouvir tantas desculpe de um pardal. se jogar assim com flamerda vamos ser engolidos e umilhados. a galo não aprende com erros do passado. abre o olho cuca pardal e burro. vai galooo.

  6. Bom Dia! A apreensão foi a marca registrada no jogo de ontem. Aos 2 minutos de jogo aumentou. Com aquela defesa do Everson e, depois com a saída do Nacho O Arana, está parecendo os tempos do Marcos Rocha – levando bolas nas costas. Quanto as substituições, além de tarde, foram como “zero a esquerda.” Também estão forçando a barra com Sávio – outro “zero a esquerda.” Quanto entra, não acrescenta nada.

  7. Meio campo da vitória de 4 a 1: Jair, Zaracho e Nacho.
    Ataque: Savarino, Hulk e Marrony.
    Cuca destroçou este arranjo, colocando os protegidos Allan e Tche Tche, e jogando na retranca, horrivel, contra o Cuiabá. Mais uma vez, fez substituições sem sentido.
    Como atleticano, não tive nenhuma satisfação vendo o jogo de ontem. E considero que ainda é tempo de mandar o Cuca embora.
    Medíocre, retranqueiro, desleal com os jogadores do elenco, vocação de derrotado.

  8. Valeram muito os 3 pontos! Contra o Fortaleza, ganhávamos de 1 x 0, fomos para cima e tomamos a virada, Contra a Chapecoense o empate. Ganhamos e é o que interessa. Eu prefiro 3 pontos mal jogados do que zero ponto dando 50 chutes a gol. Concordo que quero o Jair de primeiro volante e o Zaracho de segundo, onde rendem absurdamente mais. Mas se conseguirmos 3 pontos sempre, jogando mal, seremos campeões, ao contrário de outros anos, onde éramos quem apresentava o melhor futebol e o caneco não veio! Dá-lhes Galo!

  9. são paulo , zona do rebaixamento, atolado , time horroroso que os especialistas , todos eles, apontavam com favoritaço ao titulo , antes de nos enfrentar … gremio , atolado tambem até o pescoço ,sonhando com a lanterna e querendo felipão, acreditem… flamerda com rogerio ceni aquecendo o lugar pro renato gaucho, ocupado com futevolei , o gaucho acariocado, o ex rival local agonizando , submerso na lama até o pescoço , gritando seus titulos e indo pro fundo. Éramos pra estarmos no paraíso , com tanta boa notícia , mas , piada de Deus , temos cuca , allan, hioran, nathan e seu afilhado tche tche , pra nos sinalizar que o inferno tá logo ali

  10. Galo no G4, isso que importa. Não adianta jogar bonito e empatar ou perder. Pontos corridos não premia espetáculo, mas sim quem tem maior pontuação.

    Vamos vencer urubu e coelho nessa semana. Depois enfrentaremos o maior desafio do ano, na maior competição da América. Será de arrepiar o confronto em La Bombonera. Pena que alguns derrotistas aqui já estão com o texto pronto e os dedos coçando pra destilar o ódio no teclado.

    Dá-lhe Galo!!! Vamos em busca da Copa!

    1. o modinha e verdadeiro atleticano se não goste que criticam o pardal cuca e alguns jogadores vai la no ct bater palmas para eles. se não saiba o blog é democrático. era só que faltava.

      1. O passador de pano, quando cuca escala o time certo e o futebol aparece, este passador chapa branca vem aqui criticasr a corneta. ´E graças a este tipo, estamos a 50 anos na fila

  11. Apenas quero registrar a incredulidade do Savarino ao deixar o campo .

    Aquela imagem revela a perplexidade que supera toda e qualquer justificativa que porventura tenhamos que ouvir sobre o NÃO FUTEBOL que esse pseudo-treinador incapaz e loroteiro faz o time praticar .

    No decorrer do jogo um amontoado de zumbis travestidos de jogadores de futebol massacram nossas vistas e pulverizam nossos sonhos , sob a batuta desse Enganador e Presepeiro que atende pela alcunha de Mágico de Oz , o FARSANTE .

    1. Amigo Barata, vou assinar seu comentario. Inacreditável , que treinador é este , tirar savarino pra colocar a joia da base , alguem tem que peitar este idiota não é possivel

    2. Boa tarde a todos!
      Meu caro BARATA,estou tão desanimado com esse “Mágico de OZ” que daqui em diante vou assinar embaixo tudo que você postar a respeito desse engodo.
      Permita-me?
      Abraços!

    3. Prezado,

      Concordo plenamente. Parece que a regra agora é tirar, da partida, todos que estejam apresentando alguma coisa parecida com futebol.

      Vai saber…

    4. Boa tarde!
      Sr. Barata, talvez minhas palavras fossem outras, porem, o teor seria o mesmo.
      Com todo o respeito que a agremiação merece, o Cuiabá tem caixa para 3 ou 4.
      A acrescentar, tática suicida e covarde.
      Saudações alvinegras.

  12. O Galo ganhou, mas……. o Cuiabá colocou o Galo na roda.
    O Galo marca com o cerca lourenço e o Cuiabá, mostrou muito mais sangue nos olhos.
    Não vamos longe. Haja paciência com esses porcarias.

  13. Bom dia,

    Resolvi não publicar nada ontem, porque o sentimento de indignação poderia me descontrolar.
    Fiquei simplesmente mal humorado após aquela pelada, querendo ouvir as explicações para tamanho vexame do nosso time.
    Entrevista adiada e eu na espera, resumindo, perdi a Live ao vivo do Breno Galante, quando acabou a entrevista estava acabando juntamente a outra.
    Se alguns aqui dizem que o Cuca não tem o vestiário dominado, não podemos dizer o mesmo das perguntas da entrevista, cambada de puxa sacos, depois de várias patadas dele nas primeiras entrevistas, hoje o que vemos são perguntas para boi dormir.
    Quanto a instabilidade da equipe, o que vejo é a influência maléfica do treinador nas escalações.
    O objetivo dele é sempre arrumar um cantinho para seu afilhado. Ele como jogador não é ruim, e não merecia tanta babada assim, porque isso não deixa a torcida gostar desse rapaz.
    Ontem nas justificativas entrou de tudo, gramado, número de jogos, calor, grande adversário e toda a babozeira de sempre, mas ninguém pergunta se ele não tem medo de estourar seu afilhado pelo excesso de jogos.
    Só salvou mesmo foi o Everson que fez grande defesa no primeiro tempo, fez umas 5 saídas em cruzamentos e no final do jogo jogou de último homem quando tirou a bola com as mãos do que seria provável gol, já que a mesma tinha passado pelo Arana e encontraria o atacante sozinho.
    No demais o Cuca estragou o futebol de todos, como sempre fora de posição.
    Destaco o péssimo futebol que nossos laterais tem jogado, Arana desde que machucou, sumiu e o Mariano que está se valendo da volta do Igor Rabello, não acertou nem cruzamentos, e ainda fez uma falta exatamente na mesma posição do fatídico gol contra o Ceará em depois dos 40 do segundo tempo, parecia até filme repetido.
    Deixando o jogo para trás, os 9 pontos obtidos já nos iguala ao mesmo número de pontos obtidos fora de casa no primeiro turno do ano passado, o que pode significar bom sinal desde que mantivermos o máximo de pontos possível de agora para frente dentro de casa.
    A volta do Alan nos brindou com a volta do futebol caranguejo, será maldade minha. Aff.
    Ontem esperando a entrevista assisti ao jogo do Grêmio e vi que o Atlético-Go é uma boa equipe, o que me deixá mais esperançoso, é sinal que temos time, só falta mesmo é treinador.
    Boa semana a todos!

  14. O Galo ganhou, mas……. o Cuiabá colocou o Galo na roda.
    O Galo marca com o cerca lourenço e o Cuiabá, mostrou muito mais sangue nos olhos.
    Não vamos longe.

  15. Bom dia xará e amigalos!
    O que esperar do time do GALO contra o protegido CBFLA e contra o Boca Juniors? Ninguém sabe. A equipe vem de um resultado bom e atuação convincente contra o Goianiense e “EM TIME QUE GANHA NÃO SE MEXE??”, NÃO!!! SEM MEXE SIM!!!! Cuca desmontou todo o esquema e voltou com Allan jogando pra trás. Aí o GALO só não tomou empate ou virada porque o Cuiabá é muito mas muito ruim!!!!! Se não fosse o “extra-terrestre” Nacho Fernandez o caldo poderia ter entornado ali na Arena Pantanal. Se o GALO encarar CBFLA e Boca com essa postura covarde vamos ter vexames aí pela frente….ACORDA CUCA!!!!!!!

  16. Sim, em dois momentos tentaram achar um penalte que não existiu, isto por si só demonstra o que vem pela frente, quando subirmos na tabela , isto não é teoria da conspiração não, amigalos, acordem. Este burro treinador que está afrontando a torcida com escalação de allan e tche tche , morrerá abraçado com eles. Burro, não se mexe em time que dá liga, nacho, hulk não conseguirão carregar o time mal escalado e pior substituido por ele , é questão de tempo. O segundo tempo de ontem , cuca, é a sua cara , péssimo

  17. Bom dia!

    Resultado importantíssimo ontem, mas futebol muito abaixo do que gostaríamos. Graças, ao meu ver, à covardia do Cuca. Medroso, mudou totalmente o time após uma boa apresentação na quinta, jogou por uma bola contra o poderoso Cuiabá. O Allan, apesar de não julgar se foi bom ou ruim ontem, não serve para esse tipo de jogo. Se for para entrar, que seja durante um jogo em que realmente seja necessária uma marcação maior, a despeito de seu temperamento. O jogo de ontem era para o time se impor.

    Tento ser positivo no sentido de que o time pode ter cozinhado o segundo tempo para poupar energia para a sequência de jogos que estão por vir. Até porque o time não passou nenhum susto na defesa. De toda forma, o placar de 1 a 0 é muito pouco para um time com o investimento do Galo jogando contra um time da 18ª posição, que ainda não sabe o que é vitória no campeonato.

    Sobre os jogadores, achei que a volta do Rabelo, quem diria, melhorou a zaga. Voltamos a ficar mais um jogo sem tomar gol e sem sustos. O Hulk é craque e dispensa comentários. No lance do gol, poderia ter cavado a falta e possivelmente a expulsão do zagueiro, mas preferiu o caminho do gol. Aliás, do passe para o gol, onde demonstrou mais uma vez que o objetivo dele é ser campeão e não conseguir mais objetivos pessoais. Quanto ao Nacho, vamos torcer para ser somente um desconforto, porque ele muda totalmente o time quando está em campo.

    Mas o Galo costuma crescer jogando grandes jogos e é isso que espero pra quarta agora e especialmente para a próxima terça. Tem sido assim nos últimos anos, com a vantagem de que, mesmo com a péssima partida de ontem, conseguiu os três pontos contra um time da zona de rebaixamento.

  18. Este time treina? Não é possível. Não consegue troca 3 passes. Segundo tempo sem nenhuma finalização. Horrível. Treinador esqueceu tudo. Na 1a passagem pelo galo, ele treinava o time melhor.
    Pior de tudo que vai ficar assim. Todos são intocáveis. Duvido se Presidente, 4R’s, Diretor de futebol, vão encostá-lo na parede e cobrar um melhor desempenho. Dá dó o futebol apresentado ontem. Pelo que ganham deveriam ser todos multados. Ou quase todos, pois a linha de defensores teve que segurar o rojão, pois meio de campo e ataque não seguram a bola. Com este futebol, não passa pelo Boca e Bahia.
    E aí a dívida só aumentando para manter esta cambada . Não dá para mandar o Cuca embora agora. Ia complicar , não tem outro para substituir de imediato. Tem que uma cobrança pesada e torcer para não ser nada sério com o Nacho.

  19. Bom dia!
    Impressionante como a teimosia e burrice de um treinador pode jogar tudo a perder.
    Allan, o péssimo dos péssimos, tem prejudicado o bom andamento do time, com muitos passes errados, com muitos cartões e por causa dos cartões havia ficado de fora da melhor apresentação do time nesse brasileiro, e o burro do treinador insiste em colocar esse troço no time, juntamente com o outro que atende por Tchê Tchê e o que vimos ontem foi mais um show de horrores dentro de campo.
    Se esse entregador de camisas não mudar as suas péssimas convicções, com certeza vamos sair no prejuízo nos momentos decisivos.

  20. Contando somente o esquema 4-3-3, existem dois Galos. 1 de Allan e Tchau Tchau, sem saída de bola e marcação frouxa, toque pra trás, burocrático e que só ganha de um a zero, quando não entrega a paçoca, tipo Chape, Fortaleza e Ceará. E o Galo dinâmico e goleador que todos sabem, embora o roedor de unhas tente disfarçar.

  21. Bom dia!

    Eduardo e amigos, tenho pensado aqui dos porquê da tática do caranguejobol, de jogo sofrido e recuado de Cuca.

    Penso que isso é deliberado e estratégico de Cuca para esconder o jogo atleticano do Boca Júnior.

    Se isso for verdade, o foco de Cuca e dos atletas, que parecem ter comprado a tese do treinador, vai ser de priorizar a Libertadores no restante da Temporada.

    Não estou dizendo que seja isso, mas que pode ser a estratégia em curso.

    Enquanto isso, haja coraçãooooooo!!!

  22. Bom dia a todos!
    Apesar do resultado positivo, o time do Galo tornou a apresentar um futebol assustador para quem daqui uma semana enfrentará o Boca na Libertadores. Como disse na resenha de sábado, Cuca não tiraria o Tchê Tchê do time. E ontem vimos ele substituir todo o ataque e manter seu queridinho até os minutos finais, até não ser mais possível mante-lo em campo. O esquema de quarta feira deu certo e era o que quase a totalidade da Massa queria. Jair como primeiro volante e Zaracho como segundo rendem muito ao time do Galo, mas para manter Tchê Tchê, Cuca altera a posição de todos os outros jogadores e não se importa com o rendimento que os outros terão.
    Se o Galo apresentar o mesmo futebol que apresentou ontem e nas outras partidas anteriores, teremos três derrotas certas nos próximos três jogos, sendo que, uma delas poderá nos causar apuros na Libertadores.
    Não criemos expectativa de ganhar do flamengo, América e Boca com o atual futebol apresentado, ainda mais se Nacho tiver que ficar de fora desses jogos.

  23. Quando jogam os protegidos Allan e Tchê Tchê, acabam com o futebol do Zaracho, e acho que este é o objetivo do Cuca. Na verdade, o meio deveria ter Jair e Zaracho e não aqueles dois. Outra coisa, devolve o Savinho para as divisões de base, no time principal ele não mostrou a que veio. Acho que é outro Bruninho.

  24. Sobre as substituições:
    Um time precisando contratacar, tira Huck e coloca o macha lenta do Sasha. Alguém explica?

    Tchê Tchê não tem espaço no time!!!!!

  25. Prezados amigalos, ótimo dia

    Valeu apenas pelos 3 pontos, tomar sufoco do time do Cuiabá é tenso, isso mostra o tanto que o Galo é mal treinado.
    Como sempre, vi em campo a ruindade eterna de Allan e Tchê2, esse dois são totalmente inúteis e contam com a proteção do roedor de unhas (muito bem apelidado de Mágico de OZ). Alguém consegue lembrar quando esses dois acertaram um passe para frente?
    E a leitura de jogo do cabelo de boneca, continua vendo tudo errado, realizando substituições totalmente equivocadas.
    Alô diretoria até quando teremos que aquentar esse pseudotecnico aqui no Galo???????

  26. Flamengo simplesmente fala que não vai ceder o Pedro e assunto acabado. O Galo subserviente, vai pedir à CBF o adiamento da apresentação do Arana. Depois ficam reclamando. Se não fossem frouxos simplesmente comunicariam que só vao ceder o atleta após o primeiro jogo contra o Boca e ponto final.

  27. BOM DIA EDUARDO E MASSA ATLETICANA.
    CUCA TRANSFORMOU OS JOGOS DO GALO EM TESTE PRÁ CARDÍACO.
    JOGAR NA RETRANCA CONTRA O CUIABÁ É O FIM DA PICADA.
    PARA MANTER TCHÊ TCHÊ NO TIME , CUCA DESMANTELA TODO O ESQUEMA DE JOGO , ESSA TEIMA DE CUCA EM MANTER PERNINHA EM CAMPO VIROU UMA TARA , UMA OBSESSÃO.
    CUCA ESCALA TCHÊ TCHÊ DE LATERAL ESQUERDO , DE MEIA , DE PONTA DIREITA , MAS NÃO TIRA DO TIME.
    “ESCANTEIO CONTRA O GALO É PÊNALTI” , NOSSOS ZAGUEIROS APESAR DE SEREM ALTOS PERDEM MUITAS BOLAS PELO ALTO.
    ENFIM , JOGO MUITO FEIO ONTEM , SE O CUIABÁ FOSSE UM TIME UM POUCO MAIS QUALIFICADO TERÍAMOS PERDIDO O JOGO.

  28. Bom dia. Nem assisti ao jogo depois de ver a escalação. Soube também que o roedor de unhas culpou o gramado e a temperatura ambiente. Sei… imagino como o meio ficou inoperante, com zé cartão e tchau tchau atrapalhando Zaracho e Nacho. Zé cartão tentou quantos lançamentos? Quantos desarmes fez tchau tchau?

    1. A desculpa, prezado amiGalo Rogério Pacelli, foi a baixa temperatura em BH. Em relação aos Zé Cartão e ao Tchau Tchau, você tem que concordar, eles dão muito trabalho aos nossos zagueiros que precisam marcá-los o tempo todo evitando que façam maiores estragos. Abraços!

      1. Caro Teobaldo, simplesmente inoperantes esses dois. Não produzem pro time. Somente passadores de pano enxergam virtudes técnica e tática neles. Aí vem o roedor e fala da qualidade do passe do zé, na saída de bola. Qual saída? Pra trás? Lançar pro vento? O queridinho esse… não marca, não desarma, não articula. Novo senhor andante em campo. Parece o Elias. Abraço.

  29. De novo o Juiz??? Não há um post sequer que não reclamem. Arbitragem, complô, CBF…desculpa previa, independente ro resultado. O time é bom. Se atropelar todo mundo, nada impedirá de ser campeão. Outros times, assim o fizeram…

    1. Concordo contigo! Pena que esses tais times que conseguiram tal proeza num passado até recente, já não existem mais. Poderiam eles, quem sabe, dar-nos alguns conselhos… Abraços e volte sempre!

  30. Prezados Ávila, atleticanas e atleticanos!
    Valeram pelos 3 pontos. Nada mais!
    Treinador com com suas invenções, colocando para jogar seus protegidos, deixa- nos apreensivos. O próximo jogo contra o Flamerda, vai ser um Deus nos acuda se o Nacho Fernandez não puder jogar. O time depende muito do Nacho. Quando acreditávamos que o professor tinha encontrado um time equilibrado com o meio-de-campo com Jair, Zaracho, Nacho Fernandes, o treinador altera o posicionamento do Zaracho para prestigiar os seus protegidos, Alan e Tchê-Tchê. Haja coração para aguentar tamanhas emoções. Vamos aguardar os próximos capítulos.
    Hoje e sempre, galo!!!

  31. Bom dia, Eduardo, atleticanas e atleticanos.

    Mais uma vitória em terra estranha? ótimo. Foi só um a zero? ótimo também. O Galo saiu dos treze pontos? Melhor ainda. Pelo visto Cuiabá parece a nossa terra prometida. Só tem bênçãos para o Galo. Se treze é Galo e o nosso time pulou para dezesseis pontos, significa que agora ele tem o número do leão. E um Galo com perfil de leão deve dar conta fácil de um urubu.

    Muito bem. Foi um presente de aniversário que ganhei de véspera. Não vi meu Galo vencendo, mas mesmo assim estou feliz com a vitória. Não deve ter sido fácil, pois o placar indica dificuldade. Imagino que deve ter sido como contra o Sport. Uma espécie de ataque contra defesa para treinar a defesa do Galo. Vitória é vitória e sempre é linda. Parabéns Galo. Não deixou que esse Cuiabá da vida virasse um Goiás na nossa vida.

    O GALO ESTÁ VIVO E FOI MUITO ATIVO LÁ EM CUIABÁ, TRAZENDO OS NOSSOS TRÊS PONTINHOS QUE VÃO AJUDAR MUITO ATÉ A RETA FINAL DESTE CAMPEONATO.

      1. Obrigado AmiGalos Guru Blogueiro, Wellington e Souza e Angelo ML. Sinto-me honrado e parabenizado. Só nosso Galo proporciona isso.

        1. Paulo! Feliz idade,vida longa com muito GALO e stelinhas empoeiradas. Muita saúde prezado, são nossos votos.
          Abraço e parabéns

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.