A mentalidade precisa mudar

Publicado em

Sobre a eliminação da Seleção Brasileira Masculina de Basquete na primeira fase da Copa América, minha opinião no Estado de Minas:

A mentalidade precisa mudar

É compreensível que se busque nas ausências dos jogadores da NBA a explicação para o vexame da Seleção Brasileira de Basquete na Copa América, mas o problema do basquetebol brasileiro revela-se muito mais estrutural. Há cinco anos o Brasil tem uma nova liga (NBB), mas a mentalidade dos clubes não mudou: continuam privilegiando jogadores ‘rodados’. Os novos talentos ou se contentam com o banco ou vão para o exterior em busca de melhor visibilidade e salários – o que resulta em falta de identificação ou obrigação com a Seleção. O problema não é cinco ou seis ausências: é não conseguir buscar nos 17 clubes da elite (em grupo de quase 300 atletas), 10 ou 12 jogadores que possam fazer um trabalho melhor do que o feito em Caracas – pelo menos, mais digno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *