Skip to main content
 -
Evaristo Magalhães é Doutor em Psicanálise pela UFMG, Psicanalista Clínico e possui dois livros publicados: Crônicas para amar e A vida dói?

NENHUMA ARROGÂNCIA PODE DURAR MUITO TEMPO …

Precisamos repetir para os arrogantes que a vida já traz em si os germes da sua própria destruição. Ou seja, não vamos morrer no futuro: já estamos morrendo agora.

Qualquer coisa que dissermos já carrega em si os nervos de sua própria contradição.

Não existe amor sem angústia, maternidade sem rompimento e desigualdade sem igualdade. Nenhuma festa é eterna.

Nossa capacidade de prosseguir não está em fazer prevalecer a verdade do que quer que seja, mas em darmos conta de carregar conosco o que contraria essa verdade. Esse contrário é inevitável.

Não é só a verdade que move. Não faz mais sentido quando se tem sentido. Não tem lógica dialogar com o mesmo. Criamos o pânico e o medo quando achamos que o que pensamos pode existir por si só. Não teríamos porque afirmar se não tivéssemos porque negar.

Não é calar. Não é perseguir. Não é matar. O que nos perturba não vem do outro. O que nos enlouquece vem de nós mesmos. Somos o nosso próprio inferno. Trazemos o que mais abominamos nas entrelinhas do que mais idolatramos. Basta abrirmos a boca para entregarmos ao outro as armas que serão usadas contra nós mesmos.

Portanto, prepare-se para deixar de ter paz caso você queira se colocar como absoluto – porque é também absoluto o que contraria esse absoluto.

A saída não é querer calar o contraditório. A saída é dar conta de carregá-lo, abraçá-lo, enfim, tomá-lo como sendo seu.

É por isso que nenhuma ditadura – seja de direita ou de esquerda – pode durar muito tempo.

Evaristo Magalhães – Psicanalista
Atendimento por vídeo chamada pelo WhatsApp: 31 996172882
Instagram:@evaristo_psicanalista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *