Skip to main content
 -
Evaristo Magalhães é Doutor em Psicanálise pela UFMG, Psicanalista Clínico e possui dois livros publicados: Crônicas para amar e A vida dói?

O QUE SÃO AMORES LOUCOS?

Só sabemos que o amor é uma coisa muito boa – e tudo o que é bom a gente quer mais e mais.

É por isso que queremos dormir pelados – e de conchinha – depois de uma deliciosa noite de prazer. É por isso que entristecemos depois que o outro volta para casa levando consigo o seu cheiro, a sua pele, a sua pegada e o seu beijo que tanto adoramos.

Desse modo, sendo o amor tão delicioso, como não torná-lo enlouquecedor? Como continuar querendo mais – e tendo que deixar de querer – porque se continuarmos querendo podemos colocar tudo a perder?

Infelizmente, tudo o que é muito bom – exatamente – porque é muito bom pode deixar de ser muito bom.

A castração não pode dizer respeito apenas aos nossos impulsos mais agressivos. Tudo pode se tornar agressivo mesmo não sendo – inicialmente – agressivo.

É por isso que o amor – por ser muito bom – pode nos oferecer todas as condições para que o tornemos uma loucura.

Necessitamos de algo mais para nos fornecer uma certa dosagem – de tal maneira que não teremos todo o amor que quisermos mas que – também – não ficaremos sem nenhum amor.

Como dar conta de querer mais quando querer mais pode significar o fim de tudo?

Só saberá amar aquele que der conta dessa questão.

Evaristo Magalhães – Psicanalista
Atendimento por vídeo chamada pelo WhatsApp: 31 996171882
Instagram:@evaristo_psicanalista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *