Skip to main content
 -
Evaristo Magalhães é Doutor em Psicanálise pela UFMG, Psicanalista Clínico e possui dois livros publicados: Crônicas para amar e A vida dói?

NINGUÉM É DE NINGUÉM NO AMOR …

 

Evaristo Magalhães – Psicanalista
Atendimento online: WhatsApp 31 996171882

Não deveríamos achar que temos o outro. Quem dera! Ninguém é de ninguém. Mesmo que amarrássemos o outro no pé da mesa, não o teríamos.

Mesmo os casais mais apaixonados do planeta não podem afirmar que se têm.

Não é possível possuir o outro porque nem ele mesmo se possui. Ninguém sabe tudo de si para ser tudo de quem quer que seja.

Não temos ninguém e não somos de ninguém. O máximo que temos é a silhueta, a aparência e a superfície de quem amamos.

Não existe amor profundo. O que é o profundo?

É por isso que ao invés de ficarmos malucos para ter, deveríamos nos preocupar em usufruir do que podemos. Usufruir do que? Dos contornos, olhares, sussurros, toques, gestos e movimentos do outro. É só o que podemos ter dele.

Não somos o que pensamos. Somos o que vemos, escutamos, cheiramos, saboreamos e tocamos.

Amamos os momentos em que estamos na presença de quem amamos. Mesmo assim, o amamos apenas enquanto ele está sob nosso olhar, sob o toque de nossas mãos, boca, língua e pele. Não o amamos mais que isso porque não temos o poder de ver, ouvir e saber tudo sobre ele.

E é exatamente no que não sabemos dele que está toda a sua liberdade.

Instagram:@evaristo_psicanalista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *