Skip to main content
 -
Evaristo Magalhães é Doutor em Psicanálise pela UFMG, Psicanalista Clínico e possui dois livros publicados: Crônicas para amar e A vida dói?

A religião é a pior inimiga da democracia …

 

Por que só queremos ver a partir de um ponto? Por que não queremos passar do primeiro para os demais pontos de observação? Definitivamente, não é porque nos depararemos com argumentos diferentes. Não é porque nos depararemos com outras ideologias, teorias ou doutrinas. Não é porque estamos com preguiça de compreender esse novo que estamos sendo apresentados. 

Não enveredamos para outros pontos de vista porque de ponto em ponto – certamente –  chegaremos a um ponto sem nenhum outro depois dele. 

Não avançamos em nossas discussões porque tememos esse lugar onde não há a palavra da palavra. 

Toda a nossa pretensão à “verdade” é um sintoma de que não querer saber a verdade. 

A humildade deveria ser condição fundamental para a democracia.

Se o poder se desse conta de que não existe o poder do poder – seguramente – ele seria mais desprendido e menos centralizador. 

Se o poder se desse conta de que todos os poderosos do passado que se pretenderam absolutos terminaram do mesmo jeito que todos aqueles aos quais eles impuseram suas tiranias, esse poder abriria mão de seu autoritarismo e compartilharia mais seu exercício. 

É a ilusão da eternidade a causa de não querer o mudar o ponto de vista de observação.

A religião é a pior inimiga da democracia! 

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *