Skip to main content
 -
Evaristo Magalhães é Doutor em Psicanálise pela UFMG, Psicanalista Clínico e possui dois livros publicados: Crônicas para amar e A vida dói?

É muita inocência achar que o amor é só lindo …

 

É uma delicia quando o outro está agarradinho conosco

O problema é quando vai chegando a hora da despedida, quando ele sai para o trabalho ou para encontrar os amigos. 

O problema é o que não vemos e não controlamos. 

Será que ele foi mesmo trabalhar? Será que ele foi mesmo encontrar os amigos? Será que não houve nenhum desvio? 

Achamos que podemos tudo. Mas nosso campo de visão é muito restrito. 

Racionalizamos nossos amores. Achamos que quem amamos jamais seria capaz de fazer certas coisas. Queremos dominar tudo. 

No entanto, tudo é muito mais do que podemos controlar. 

Todo o nosso pânico e todas as nossas angústias e ansiedades é porque, no fundo, sabemos que não podemos tudo.

Podemos até beira da praia? E depois? 

Há um limite até para o amor.

É muita inocência achar que o amor é só lindo! 

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *