Skip to main content
 -
Dani Costa é jornalista por profissão e mãe de pets por amor. Sempre antenada para trazer notícias quentinhas sobre a bicharada. Ativista contra os maus-tratos a animais domésticos, silvestres e exóticos.

Pesquisa aponta que gatos podem ajudar a combater o novo coronavírus

O convívio com os pets ajuda a aumentar a imunidade contra Covid-19. Imagem: iStock

Há tempos que a relação entre bicho e gente instiga pensadores e cientistas. Ambos já mostraram os  benefícios que essa parceria secular traz aos seres humanos. Recentemente, uma boa notícia veio esclarecer mais uma vez que, em se tratando da Covid-19, os animais de estimação não são o perigo.

Pesquisa realizada pela médica e bióloga Sabina Olex Condor, em Madri, na Espanha, mostrou que o convívio com os pets pode aumentar, consideravelmente, a imunidade contra a doença. Especialmente o contato com gatos. “Sabe-se que o coronavírus felino, que afeta alguns animais, não infecta as pessoas. Contudo, a convivência com eles ajuda a desenvolver anticorpos para o vírus felino que também podem destruir o vírus humano”, declarou a especialista.

A pesquisa, realizada no epicentro da pandemia, concluiu que quem tem cão e gato em casa é mais resistente à ação deletéria da doença, por possuir mais defesa no organismo. Por isso, se recuperariam mais facilmente. A comprovação veio de estudos realizados com 100 pacientes comprovadamente infectados.

Também observou-se  que, muitos profissionais da saúde que estão diretamente expostos à doença, mas que possuem gatos, não foram contaminados. Para Sabina, o contato com o pêlo e a saliva dos bichos reforça a imunidade. O fenômeno existente na natureza, é chamado de reação cruzada. “Os anticorpos contra o vírus também destroem outro semelhante”.

Contudo, a proteção não seria total, tendo em vista que nem todo gato tem contato com o coronavírus felino e nem todas as pessoas desenvolvem imunidade da mesma maneira. De toda forma, os animais continuam sendo boa companhia e bons aliados na preservação da saúde física e mental dos seres humanos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *