Skip to main content
 -
Ivan
Barista (desde 2010). Q-Grader (desde 2011). Instrutor SCA (desde 2015). Gerente de Qualidade da Academia do Café e Sócio proprietário da Academia do Café Savassi.

 - Julia
Quinta geração de uma família produtora de cafés especiais. Barista (desde 2006), Q Grader (desde 2013) e instrutora SCA (desde 2015). Responsável pela cafeteria e marketing da Academia do Café e sócia proprietária da Academia do Café Savassi.

O Barista

Adoro falar sobre o barista, principalmente pelo fato de eu trabalhar como barista sempre que posso e por que me dá gosto trabalhar como barista.

Atualmente trabalho com prova e torra de grãos, o que me deixa muito fascinado também, mas o barista, dentro da cadeia do café, é responsável por “vender” o café e falar de todos os seus benefícios ou por onde ele passou até alcançar aquela xícara, ele está preocupado, primeiramente, em agradar o cliente, em atender a necessidade de cada paladar. Eu me ingressei no mundo do café como barista (2010) e desde então nunca deixei de aprimorar minhas técnicas.

Cappuccino classico italiano. Café espresso e leite vaporizado.

O barista deve entender dos processos de secagem, das diferenças de terroir, da preparação dos grãos entre outras coisas, mas ele deve entender, principalmente, sobre extração, das interferências da quantidade de café versus a quantidade de água, do método usado, da espessura da moagem, da temperatura da água entre outras muitas coisas. Além de tudo, ser cordial, simpático, metódico e organizado para melhor atender seus clientes e principalmente, com agilidade.

Existe também uma competição de baristas, com etapas classificatórias nacionais pra então, um campeonato mundial. Nesta competição o barista deve se apresentar em 15 minutos para 2 juízes técnicos, 4 sensoriais e um juiz cabeça. Nesse tempo, ele deve falar sobre o café que está usando (pode usar até 2 cafés diferentes ou misturas) e suas notas sensoriais e entregar para cada juiz sensorial um espresso, um cappuccino e um drink de autoria própria.

Nesta competição o cuidado na extração do espresso, em qual leite usar para melhor harmonizar com o café no preparo do cappuccino e a escolha dos melhores ingredientes para melhor sinergia com o café usado, são cruciais a fim de se obter um melhor resultado sensorial, pois é onde está o maior peso na pontuação dada aos competidores.

Paula Dulgheroff avaliando a apresentaçao do barista Ivan Totti na 5ª Copa Barista na Semana Internacional do Café em 2016.

O barista de São Paulo, o Tiago Sabino do Il Barista, será o representante brasileiro no campeonato mundial de Barista em Junho deste ano em Amsterdam.

No Brasil a profissão do barista é pouco conhecida, mas existem algumas escolas que formam baristas pro mercado já há alguns anos, como o Lucca Cafés Especiais em Curitiba – PR, o Coffee Lab em São Paulo – SP e a Academia do Café em Belo Horizonte – MG onde trabalho também como instrutor dos cursos.

Nós da Academia do café trouxemos o certificado da SCA (associação de café especial europeia e americana) pro Brasil, pois acreditamos na valorização do barista trazendo melhoria na qualidade do café brasileiro consumido aqui e melhor representatividade dos nossos cafés no cenário mundial.

5 comentários em “O Barista

  1. Bastante interessante! Sou leigo, mas acho que, no Brasil, a terceira onda está só no início. Assim como ocorreu com outros mercados, tais como o de cerveja, chocolate, sorvete, o brasileiro buscará, cada vez mais, o café de qualidade superior, com grãos de outros países etc. Quando se toma um café de qualidade, como já tive oportunidade de apreciar na Academia do Café, a diferença no sabor é inegável.

  2. Qual marca de café tem mais garantias de ser café mesmo? Hoje em dia não se tem certeza se o café torrado é feito de somente grãos ou como dizem mistura de sangue de boi e outras coisas e há países que usam a beterraba no lugar do grão de café. O gosto atual do café não é o mesmo daqueles cafezinhos que se bebia em xícaras saborosos mas com altos valores por pouca quantidade, talvez um gole por xícara.

    1. Oi Bruno, inclusive faremos um post sobre isso essa semana, feri-o na sexta. Fica uma dica, quanto mais informações se tiver no pacote, melhor. Comprando o café em grão também ajuda muito, é como comprar o tomate ao invés de comprar o molho de tomate.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.