Skip to main content
 -
Marcelo Solmucci é empresário, duas vezes vice-campeão brasileiro de kart. Escreveu 2 anos seguidos para revista Auto Sport sobre automobilismo e 3 anos para Revista Foco de Brasília. Participou de programas esportivos na TV, como o Alterosa Esporte, Canal 23 e Minas Esporte.

GP De Singapura! Tristes lembranças!Hamilton se consagra…

Singapura  localiza-se no sudeste asiático na ponta sul da península  Malaia . É um dos 4  Tigres asiáticos , os outros  são Hong Kong,Coréia do Sul e Taiwan .

O país  é um fenômeno e tem o melhor IDH( índice de desenvolvimento humano) da Ásia e nono do mundo.Também é o 4 mercado financeiro , segundo maior mercado de cassinos e terceiro maior centro de refino de petróleo do mundo .Além disso seu porto é um dos 5 mais movimentados do planeta  , ou seja um sucesso absoluto ,onde “corre” muita, muita “plata”mesmo .

O GP acontece nas ruas de Marina Bay.

Infelizmente a primeira corrida nesse circuito não  entrou para a história da Fórmula 1 só por coisa boas…

Foi ali que ocorreu a 800ª prova da categoria e  a primeira corrida noturna da história da F1 feita com iluminação artificial.

Mas nem tudo são flores…

Sua corrida inaugural  ficou marcada como  palco de uma das manobras  mais sujas da história do esporte.

No fatídico  28 de setembro de 2008 ,o brasileiro Nelsinho Piquet, pressionado por Flavio Briatore,chefe da equipe Renault na época,aceitou bater de propósito para que o safety car entrasse e Alonso que já tinha feito o pit stop pudesse vencer a prova.

Essa manobra criminosa levou ao banimento de Briatore da F1 e manchou a belíssima carreira do bi-campeao Fernando Alonso e encerrou a promissora carreira de Nelsinho na F1.

Só para lembrar e fazer justiça a Felipe Massa,talvez seja ai que ele deixou de ser campeão do mundo .

Ele fez a pole e liderava a corrida,mas com o a entrada do safety car que se manteve na pista por 5 voltas, o pit lane ficou totalmente tumultuado.

A Ferrari fez uma grande trapalhada e deixou a mangueira de combustível acoplada no carro quando acabou o abastecimento. Felipe teve que abandonar e Hamilton que brigava com ele pelo título chegou em terceiro e abriu uma enorme vantagem.

No fim do ano o inglês foi campeão por um mísero ponto.

Falando em Hamilton ,preciso dizer que estamos diante daquele que provavelmente será o maior piloto da história da F1 em números, ultrapassando o inesquecível Michael Schumacher .

Digo em números, porque pra mim Senna é insuperável, mas o “cachorro Louco”,que é fã declarado do brasileiro ,anda imitando o ídolo e ontem fez uma volta perfeita conquistando uma surpreendente pole position ,quando destruiu os adversários e cravou a 79a volta mais rápida  da carreira e de quebra bateu o recorde da pista com o tempo de 1m36s015.

Começa a corrida…

Hamilton mantem a liderança, Verstappen  vem em segundo e Vettel em terceiro.

Peres joga seu carro para cima de Ocon na curva 3 e os dois companheiros da Force Indian batem .

Sobrou para o francês que teve que abandonar.

Vettel faz uma linda ultrapassagem sobre Verstappen ,antes mesmo da entrada do safety car e fica com a segunda posição.

Na volta 15 , Vettel vai para os boxes  colocando  pneus ultra-macios . Tática super arriscada ,pois o normal seria colocar os amarelos que  com certeza  iriam até o final.

Vamos ver no que vai dar…

Hamilton numa marcação “homem a homem “ com o alemão faz sua troca de pneus na volta seguinte e coloca os pneus amarelos .

Parece que fez a melhor escolha entre os dois protagonistas da temporada.

Hamilton sai do pit lane e mantem a liderança .

Vettel perde tempo ficando preso atras de Peres.

Será que a tática da Ferrari falhou?

Vettel passa Peres e agora vem alucinado atrás de Hamilton que já tem 7 seg de de vantagem.

Verstappen que liderava , vai para os boxes ,coloca pneus amarelos e sai do pit dividindo tinta com Vettel.

O garoto de ouro da F1 leva melhor e agora o alemão vai ter que suar muito se quiser essa posição de novo.

Raikkonen que ainda nao parou lidera na volta 21.

Dona chuva começa a dar as caras…

Será que vem?

Vettel deve estar rindo de orelha a orelha no carro, pois talvez seja sua única chance na corrida.

Na volta 28 ,Raikkonen vai para os boxes, coloca os ultra-macios e Hamilton assume a ponta novamente.

Peres vem tentando passar o russo da Willians,mas  perde a cabeça e jogo o carro para cima de Sirotkin.

Bobagem gigantesca e agora é o mexicano da Force Indian que fica fora da prova.

Hamilton pega transito e Grosjean desrespeitando a bandeira azul quase compromete a corrida do inglês.

É uma mula esse francês…

Com a confusão Verstappen chega em Hamilton e só não passou porque faltou pista…

Volta 53 e Kevin Magnusssen consegue com uma Hass fazer a volta mais rápida da corrida.

Fim de prova, Hamilton conquista sua 69a  vitória, Verstappen chega brilhantemente em segundo,Vettel com sua Ferrari decepciona e completa o pódio.

Na sequencia vem Bottas,Raikkonen e o incrível Alonso.

Tá pintando um legítimo penta-campeão do mundo que agora abriu 40 pontos de vantagem no campeonato.

Sou fã de carteirinha desse fantástico piloto…

Segue a classificação final:

 

1) Lewis Hamilton (Mercedes)
2) Max Verstappen (Red Bull)
3) Sebastian Vettel (Ferrari)
4) Valtteri Bottas (Mercedes)
5) Kimi Räikkönen (Ferrari)
6) Daniel Ricciardo (Red Bull)
7) Fernando Alonso (McLaren)
8) Carlos Sainz (Renault)
9) Charles Leclerc (Sauber)
10) Nico Hülkenberg (Renault)
11) Marcus Ericsson (Sauber)
12) S.Vandoorne (McLaren)
13) Pierre Gasly (Toro Rosso)
14) Lance Stroll (Williams)
15) Romain Grosjean (Haas)
16) Sergio Pérez (Force Indian)
17) Brendon Hartley (Toro Rosso)
18) Kevin Magnussen (Haas)
19) Sergey Sirotkin (Williams)
20) Esteban Ocon (Force India) Abandonou

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *