Agenda de uma dobradinha que virou poker

Publicado em blogueiros

marmon

Quase que desde que o automobilismo é automobilismo… bom, sem exageros, tiremos algumas décadas da história, que o fim de semana de Memorial Day (para os norte-americanos) é tempo de uma dobradinha que faz qualquer amante de velocidade salivar, especialmente considerando que o fuso horário faz com que, mal termine uma, esteja começando a outra. E o que dizer de um fim de semana que marca não uma edição qualquer das 500 Milhas de Indianápolis, mas a centésima de uma história iniciada em 1911, quando o engenheiro e piloto Ray Harroun e seu Marmon Wasp amarelo cruzaram em primeiro a linha de chegada de um evento que não se sabia até onde poderia chegar. O que era terra virou tijolos, os tijolos deram lugar ao asfalto (tirando o Brickyard Line mantido imaculadamente para saudar a tradição), nem sempre tudo saiu como se esperava, mas a pista de 2,5 milhas ao lado da capital de Indiana se transformou não só no oval mais famoso do mundo, como num local de peregrinação e ode à velocidade, ao risco e à habilidade sobre quatro rodas.

Muitos pagaram com a vida o sonho de acelerar nas quatro retas e quatro curvas que, de perto, parecem ainda mais desafiadoras e estreitas – e é de arrepiar ver as máquinas passando acima dos 370 km/h de média, quanto mais batendo rodas duas a duas, ou três a três. Algumas coisas sobre o centenário não me agradaram, mas ficam para o próximo post, que esse é de celebração. Tanto mais que não dá para esquecer que também tem GP de Mônaco, vivido no ambiente de revolução provocado pela vitória de Max Verstappen e pelo strike das Mercedes. E as ruas do Principado sempre são pródigas em proporcionar surpresas, vencedores inéditos, resultados imprevistos. Como se não bastasse, não estamos falando apenas de uma dobradinha, mas de um verdadeiro poker (pra quem não sabe, expressão do futebol usada na Europa que quer dizer três ou mais)… Charlotte é o palco da prova mais longa (e certamente a segunda mais importante) do calendário da Nascar, as 600 Milhas, que muita gente já tentou fazer depois de encarar Indianapolis. E desta vez ainda há uma das mais sensacionais provas da endurance mundial, as 24h de Nurburgring, com seus quase 200 carros acelerando no meio do inferno verde, uma democrática mistura de GTs de ponta e modelos surrados de turismo; pilotos de currículo repleto e amadores em busca de uma sensação única. É, esse é daqueles finais de semana especiais, que dá vontade de viver em todos os segundos…

  • Em homenagem ao centenário das 500 Milhas, vai uma imagem registrada por este que vos escreve do Marmon Wasp de Harroun, tal como ainda hoje está, na condição de uma das principais atrações do museu na entrada do circuito, até mesmo para se dar conta do salto dado de 1911 até hoje.

 

Internacional
Mundial de Fórmula 1: sexta etapa – GP de Mônaco
Mundial de Turismo (FIA WTCC): quarta etapa – Nurburgring (ALE)
Verizon Indycar Series: quinta etapa – 100ª 500 Milhas de Indianapolis
Endurance: 24h de Nurburgring
GP2: segunda etapa – Mônaco
Europeu de F-Renault: segunda etapa – Mônaco
Nascar Sprint Cup: 13ª etapa – Coca-Cola 600 (Charlotte)
Nascar Xfinity Series: 12ª etapa – Hisense 4K TV 300 (Charlotte)
Super Formula: segunda etapa – Okayama
Porsche Supercup: Mônaco

Nacional
Super Kart Brasil (SKB): Kartódromo Granja Viana (SP)

Na telinha
Sábado (28)
6h Fórmula 1: GP de Mônaco (treino livre) Sportv
9h Fórmula 1: GP de Mônaco (treino oficial) Sportv
* Q3 transmitido também pela Rede Globo
10h 24h de Nurburgring: live streaming em http://www.24h-rennen.de/en/live-streams/
11h05 GP2: etapa de Mônaco Sportv 3
15h30 Nascar Xfinity: etapa de Charlotte Fox Sports 2
Domingo
4h40 Porsche Supercup (Mônaco) Sportv 2
9h Fórmula 1: GP de Mônaco Globo
13h Verizon Indycar: 500 Milhas de Indianapolis Band/Band Sports
18h55 Nascar Sprint Cup: 600 Milhas de Charlotte Fox Sports 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *