Skip to main content
 -
Ricardo Kertzman nasceu em 1967. Um homem inquieto, irrequieto e inundado de sentimentos.

Brasil: uma terra arrasada e sem esperança

Share on Facebook486Share on Google+0Tweet about this on Twitter0

O Brasil vive um quadro desolador, onde a imoralidade que impera nas altas rodas políticas ecoa em cenas de pura selvageria urbana

 

Louboutins com dinheiro roubado

O dinheiro roubado da saúde é o mesmo que financia os vinhos raros e charutos cubanos do penta-réu criminal Lula. O dinheiro roubado dos aposentados é o mesmo que fez a alegria de Adriana Ancelmo, a bonequinha de luxo do mega-corrupto Sérgio Cabral, com suas jóias enormes e sapatos e bolsas de grife. O dinheiro roubado da segurança pública é o mesmo que bancava os luxos de Palocci e Zé Dirceu. O dinheiro roubado da infraestrutura é o mesmo que permitiu a Eike Batista colecionar carros milionários. O dinheiro roubado da educação, enfim, é o mesmo que abasteceu os cofres petistas para financiar a corrupção generalizada no mundo governamental.

É especialmente asqueroso, nojento de verdade, assistir a essa gente continuar desfrutando alegre e fartamente do dinheiro roubado. Lula, o chefe da quadrilha, continua com seus jatinhos e hotéis 5 estrelas. Sua fantoche, o poste destruidor, viaja pra lá e pra cá acompanhada do séquito bancado por todos nós. Renan Calheiros, José Sarney, Edison Lobão, Fernando Collor, Paulo Maluf e tantos e tantos outros, ricos, leves e… soltos!, a viverem como nababos sobre a terra arrasada que ajudaram a assaltar, a destruir. E sempre em conluio com os demais Poderes, sobretudo o Judiciário, inepto, conivente, omisso, permissivo e cúmplice.

Dane-se o motorista morto

Nós, a população de bem — e do bem –, aquela que trabalha, que estuda, que trabalha e estuda, que verdadeiramente produz e paga os impostos, está órfã, abandonada à própria sorte, sem representação ou representatividade, completamente à mercê dos tiranos corruptos que infestam e dominam as altas esferas decisórias do país. Estamos cada dia mais pobres, enquanto eles mais ricos. Estamos cada dia mais inseguros, enquanto eles se protegem com seus seguranças. Estamos cada dia mais sós e desunidos, enquanto eles aglutinam-se, uns aos outros, buscando a proteção e a impunidade coletiva.

Mas eu lhes pergunto: um país onde saqueiam-se lojas desprotegidas, caminhões tombados e até mesmo aeronaves acidentadas, ainda com mortos e feridos dentro, merece destino melhor? Um país onde a população depreda equipamentos públicos, ateia fogo em ônibus e urina nas ruas merece destino melhor? Um país que aceita 60 mil mortes anuais por assassinato, 50 mil por acidente automobilístico e centenas de milhares por falta de atendimento hospitalar merece destino melhor? Um país, por fim, que após 3 anos da divulgação do maior caso de corrupção da história democrática ocidental ainda não prendeu o chefe supremo merece destino melhor?

Sinceramente, eu acho que não.

Leiam mais, aqui.

Share on Facebook486Share on Google+0Tweet about this on Twitter0

Postagens relacionadas

Um país preso e com medo de viver Viajar é como sair da caixa que nos aprisiona o corpo e a mente. O duro é olhar de fora o que não enxergamos de dentro Olhos nos olhos Estou viaj...
Pobreza, oportunismo e o círculo vicioso Ao assistir o movimento de uma zona eleitoral em Belém, me bateu o desespero Estou assistindo à cobertura das eleições pelo país (onde há segundo...
Sete perguntas que Dilma teria de responder. Mas n... "Não mexa nisto, querido, pois pertence ao povo brasileiro". Dilma Rousseff, segundo ela mesma, ao netinho, quando a visitava no Planalto e mexia nas ...
Yes! Sérgio Moro contra-ataca. Léo Pinheiro, presidente da OAS e ex-primeiro amigo de Lula foi preso novamente. Agora vai?   Golaço do Moro! Léo Pinheiro é poderoso. Fo...
Publicidade

4 comentários em “Brasil: uma terra arrasada e sem esperança

  1. E agora esse deputado oportunista relator da reforma política me aparece com lista fechada. E ainda com possibilidade de um candidato concorrer a cargo majoritário e não majoritário simultaneamente. Estamos perdidos! Precisamos de um fato novo urgentemente! Precisamos de uma nova liderança e novo grupo político pra ontem…

  2. Ricardo,
    Sua síntese é perfeita.
    Quando se ouve ou se lê as manifestações dos políticos (todos, sem exceção, especialmente Lula e Dilma) e de “ilustres” membros do judiciário (muitos, e todos sabemos quais), fica claro que nenhum deles é responsável pelo caos e pela barbárie vigentes no país.
    Então pergunto: quem foi o FDP que fez isto?

  3. Ricardo, no último parágrafo:
    “Mas eu lhes pergunto…” (sobre os saqueadores)

    A maioria dessas criaturas é carente de nutrição, escolaridade, assistência médica, segurança, justiças, transporte, emprego. E os governos do PT os deixaram órfãos de nutrição e cidadania.

  4. E justamente o partido dos Trabalhadores, que pregava a causa operária como sua bandeira, a igualdade entre todos era o seu leme, a distribuição de renda era sua meta ( se bem que distribuíram , entre eles, renda pra caraca, rs, rs, rs). Fico pensando, tentando não acreditar que já sei a resposta, mas será que estes elementos dormem tranquilos? Não sentem remorso ao verem tanta desgraça semeada por causa de suas bandalheiras, suas cafajestagem, suas más ações ???? Basta dar uma volta pequena que irá se verificar hospitais em situação de extrema calamidade, escolas fechadas, policiais não tendo como trabalhar. Ahhh!!! Tá difícil, muito difícil e o que é pior é não vislumbrar possibilidade de melhoria, isso que dói mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.


*