Skip to main content
 -
Pedro Henrique é professor, blogueiro e cruzeirense fanático. Escreve desde 2012 e já teve passagens no Blog Azul Estrelado, Camisa 11, Lance Activo, Guerreiro dos Gramados e Bloguerreiro. Siga @RealPedrin no Twitter e acompanhe diariamente os comentários do blogueiro. Curta a fan page oficial do blog no Facebook: fb.com/blogsomoscruzeiro/

Vitória tímida, mas importante

Thiago Neves decide, Cruzeiro vence o Corinthians e abre vantagem na decisão da Copa do Brasil (Foto: Agência I7).

Vitória simples, mas importante. No primeiro jogo da decisão da Copa do Brasil, deu Cruzeiro. Comendo pelas beiradas, como bons mineiros que somos, vencemos o Corinthians por 1×0 no Mineirão e levamos uma pequena vantagem para o jogo da volta, na quarta-feira que vem, em São Paulo. Apesar de ter podido vencer por mais gols de diferença, o Cruzeiro se comportou como time copeiro que é e não deixou sua ansiedade atrapalhar a vantagem que construiu. É preciso levar em conta que viemos de uma dura eliminação para o Boca na Libertadores e, assim, para retornar ao eixo, todo cuidado foi pouco.

Os minutos que antecederam a partida vieram acompanhados de uma surpresa na escalação. O técnico Mano Menezes sacou Lucas Silva e colocou Ariel Cabral no time titular. Ninguém entendeu muito bem, mas o treinador explicou que era necessário ter mais armação pelo lado esquerdo, já que não tínhamos De Arrascaeta, e que o argentino é mais meia que o brasileiro. Além disso, ganhamos mais altura pelo lado esquerdo e, assim, ganhamos a maioria pelo alto. É claro que Mano não fez essa alteração à toa. Foi uma mudança estratégica. E deu certo.

Quando a bola rolou, vimos o Corinthians jogando como se fosse um time do interior do Campeonato Mineiro. Praticamente onze jogadores atrás do meio de campo. Um time limitado e que só sabe se defender. Foi essa a impressão que os paulistas deixaram no primeiro tempo. Por essas e outras, o Cruzeiro encontrou dificuldades para penetrar a defesa adversária. Thiago Neves arriscou de longe e obrigou Cássio a fazer uma ótima defesa. Teve bola na trave também do TN30. E teve rede balançando, aos 46 minutos da etapa inicial. Eis que o decisivo camisa 30 ressurgiu e fez a alegria da China Azul. De cabeça, após assistência de Egídio.

No segundo tempo, o Corinthians se soltou um pouco mais. No entanto, o goleiro Fábio não fez sequer uma defesa. E o Cruzeiro bem tentou ampliar o marcador, mas não conseguiu. Os dois times estavam com medo de sofrer gols. Parece que ficou de bom tamanho para os dois. Mano até tentou mudar a cara do jogo. Colocou Raniel, David e Sobis, mas eles não tiveram tempo para fazer muita coisa. O treinador cruzeirense custou a mexer no time. Tivemos que “aturar” o Barcos lá na frente por muito tempo. Confio nele, mas hoje não foi bem. A gente precisava de mobilidade lá na frente. E o Fred, predestinado, quem sabe balança o coração da gente lá em São Paulo e nos traz o hexa, hein? Seria fantástico!

O grande desfalque para a volta será o lateral-esquerdo Egídio, que recebeu cartão amarelo hoje e está suspenso. Será que Mano Menezes vai colocar o Marcelo Hermes ou vai improvisar alguém? Eu aposto na escalação do lateral, mas vai saber o que se passa na cabeça do nosso treinador. Lucas Silva volta ao time? Barcos continua no comando do ataque? Fred vai jogar alguns minutos? E o Arrascaeta? Pois é. Só saberemos na semana que vem. Será que o hexa vem pra BH? Tem que vir.

Antes de encerrar, gostaria de destacar a atuação do Rafinha, o Pimentinha Azul. Não é fácil suprir a ausência de Arrascaeta, mas ele batalhou muito e nos ajudou bastante. Thiago Neves errou alguns passes bobos, mas foi decisivo e isso que importa. Egídio deu sua nona assistência no ano. Robinho deixou a desejar. Dedé ganhou a maioria pelo alto. E o Cabral fez o que tinha que ser feito. E o Cruzeiro também. Venceu a primeira em casa nesta Copa do Brasil. Fez uma vantagem. Está de bom tamanho. No ano passado foi mais sofrido ainda. Ânimo, China Azul. E pés no chão. ZEEEEEEEEEEEEEEEEIIIIIIIROOOOOOOOOOOOOOOO!!!

Pedro Henrique

Olá, o meu nome é Pedro Henrique. No Twitter, sou conhecido como o @RealPedrin. No blog, todos me chamam de PH. Desde 2012, escrevo sobre o Cruzeiro. Já redigi no Blog Azul Estrelado, Camisa 11, Lance Activo, Guerreiro dos Gramados e Bloguerreiro. Não sou daqueles blogueiros que gosta mais de cutucar o rival do que de analisar o próprio time. Minha missão aqui é colocar o meu ponto de vista - dentre tantos milhões de pontos de vista possíveis - e abrir o espaço para o debate, para a troca de ideias. E prefiro ser essa metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo. Ei, você curte o blog? Então curte lá a nossa fan page no Facebook: fb.com/blogsomoscruzeiro/. Muito obrigado! Sejam todos bem-vindos!

82 comentários em “Vitória tímida, mas importante

  1. PH, bom dia!
    Compreendo a sua análise, pois o Cruzeiro venceu!
    Este tipo de jogo que vimos, ontem, aqui em São Paulo, não vai colar.
    Ver o preguiçoso Robinho, o Sonolento Cabral e o Péssimo Pirata do Paraguai me preocupa muito em um jogo na casa do adversário. Quero lembrar que devemos ter muito cuidado aqui!!
    Temos que ditar o ritmo, assim como o Flamengo fez recentemente. A preocupação é muito grande.
    Mas a esperança permanece!!

  2. RESULTADO MUITO IMPORTANTE, O ADVERSÁRIO VEIO A BH PARA SE DEFENDER, DEFENDER, DEFENDER. COMO NÃO SOMOS BONS NO ATAQUE, UM A ZERO FOI GOLEADA. AGORA É DESCANSAR E SE PREPARAR PARA A BATALHA DO DIA 17 DE OUTUBRO. PRA MIN O ROMERO ENTRA NA DIREITA E O EDÍLSON FAZ A ESQUERDA, NINGUÉM MERECE MARCELO HERMES….

  3. Morno Menezes covarde, quenga do Cabral!
    Todo mundo viu que bastava manter a pressão do primeiro tempo para sairmos com a mão na taça, pois mesmo com a puxada de freio de mão no 2º tempo o Corinthians nada fez!
    Todo mundo sabia que, se fizéssemos 1 x 0 no 1º tempo, no 2º, o Morno Menezes, quenga do Cabral puxaria o freio de mão!
    Agora, é ir pra ratoeira de Itaquera com uma vantagem mínima, graças à covardia do Morno Menezes, quenga do Cabral, que gosta de sofrer!
    Ps. Eu sempre disse que o Cruzeiro só tem dois jogadores decisivos: um foi participar de dois amistosos inúteis e o outro arrebentou com o jogo ontem, pelo menos enquanto o Morno Menezes covarde, quenga do Cabral quis que o time jogasse!

      1. Olha, Fabrício, já fui muitas vezes (desde 1991) e não me acostumei a ver este jogo covarde que nos eliminou da Libertadores (com a colaboração da arbitragem, diga-se de passagem).
        Mas, só citando algumas idas: 3 x 1 na final contra o Flamengo em 2003, jogo em que o time aproveitou o mando de campo pra sufocar o adversário e papar o título; 3 x 0 contra o Grêmio pelo brasileirão de 2013, outro jogo em que aproveitamos o Mineirão pra sufocar o adversário e partir para o título no jogo seguinte; 1 x 0 contra o Colo Colo na final da Libertadores de 1997 (tínhamos um time limitadíssimo mas jogamos com autoridade e atitude, passamos aperto, mas fomos campeões).
        E assim, vi muitas vitórias conquistadas com autoridade e gana (às vezes por times limitados) e vi poucas derrotas (sou pé quente), o que faz parte do jogo, mas sempre me acostumei a ver o Cruzeiro cabuloso botar respeito dentro do Mineirão.
        Apesar do seu comentário, respeito sua opinião, pois sei que mesmo pensando diferente você também deve ser cruzeirense. Saudações!

        1. Na sua visão o Cruzeiro não botou respeito no Corinthians ontem? Ontem foi jogo de um time só meu caro, o time deles não passou do meio de campo. Cruzeiro só nao saiu com placar mais elástico por acaso, teve bola na trave, cabeças que passaram perto do gol. O time batalhou muito ontem, acho (opinião minha) uma grande sacanagem criticar o time na noite de ontem, produziu bem, se doou e fez um boa partida. Criticam a substituição do mano no meio (eu sou critico ferrenho do Cabral mas ontem ele jogou bem, todos da imprensa elogiaram inclusive) mas o Lucas Silva vem de péssimas partidas contra o Boca Juniors, princialmente no jogo de lá.

          1. Concordaria plenamente contigo, Fabrício, quanto a botar respeito, se o 2º tempo tivesse sido ao menos parecido com o 1°; mas a verdade é que o time parou após o intervalo a pedido do treinador que sempre manda recuar assim que fazemos um gol, desperdiçando assim uma grande chance de botar a mão na taça, já que o Corinthians veio pra perder de pouco (e voltou feliz).
            Não estou criticando o time mas a postura implantada pelo Morno, que tira o tesão dos atacantes de marcar gols.
            Sacanagem, pra mim, é o desprezo às tradições do Cruzeiro!
            Mas mesmo assim creio que, mesmo com um sofrimento desnecessário, o hexa virá!

    1. Cara tenha dó! Vc percebeu que o Corintia não deu sequer 1 chute a gol? Percebeu que o Cruzeiro foi firme e perdemos ao menos 5 gols? O Cabral fez ótima partida tanto na marcação quanto na distribuição de bolas. Presta atenção…. somos competitivos e o Mano sabe trabalhar do jeito dele.

    2. Eu achei que nosso time que ficou com freio de mão puxado no segundo tempo, querendo segurar resultado! Não sei se foi a mando do Mano, se foi borração mesmo dos jogadores, sei é que me pareceu que o time estava meio que enrolando no segundo tempo! Não sei que bosta de esquema é esse que o Mano tem que fazer, que não caberia o Lucas Silva no lugar do Ariel Cabral! E o Egídio heim, cruzamento ele consegue dar, mas chutar para gol é um problema! Eu duvido se eu não chuto melhor que ele!

  4. NO FINAL DO ANO DIRETORIA AGRADEÇA AO MANO E ACABOU CHEGA DE MANO
    NAO DA PARA ASSITIR JOGOS DO CRUZEIRO QUE FAZ UM GOL E PARA DE ATACAR
    E TRISTE VER O CRUZEIRO DEPOIS QUE FAZ UM GOL .

    1. Torcida do Cruzeiro merece é tomar mesmo. Vão fazer com o Mano igual fizeram com o Muricy no São Paulo. O cara ganhou 3 brasileiros SEGUIDOS e pediram a cabeça dele. Resultado: quantos anos eles não ganham nada? Confirmando o título desse ano será o segundo nacional em 2 anos que ele iniciou na pré temporada. Por mim que fique mais tempo. Jogar bonito é consequência. Quero é título.

  5. Poderia ter sido melhor, mas em se tratando de uma final e, apesar de ser hj um time bem limitado, mas historicamente vencedor (corintihans ), não é um resultado a se lamentar, longe disso, temos uma vantagem boa, dá pra fazer uma arapuca pra eles lá.
    Vale lembrar, que o time deles não é vocacionado ao ataque, sabe muito bem se defender, mas o ataque é escasso, assim como o nosso, creio será um jogo muito parecido com o de hj.
    Outra coisa a se destacar, o time deles não tem se dado muito bem em Itaquera, tem sido derrotado lá na maioria das decisões e, o cabuloso é muito forte justamente na casa do adversário, acredito na conquista, mas está em aberto.

  6. Poderíamos sim ter metido uns 3 no Corinthians, mas não deu. Pode parecer pouco, mas no meu entendimento é uma boa vantagem, pois no Itaquerão eles terão que sair mais pro jogo e se Mano Menezes for inteligente e principalmente se Arrascaeta voltar, poderemos ganhar lá dentro. De se lamentar o terceiro amarelo para Egídio. Na minha opinião o treinador MM deverá improvisar o Romero no lado esquerdo; pelo menos o cara é bom marcador. Marcelo Hermes, nem pensar. Simbora Cruzeiro…

  7. DUAS COISAS VÊM ME INTRIGANDO, PH. NESSES JOGOS DE DECISÃO, TANTO O BOCA QUANTO AGORA FOI AMPLAMENTE DIVULGADO QUE OS INGRESSOS SE ESGOTARAM VÁRIOS DIAS ANTES DOS JOGOS, QUE VAI DAR MAIS DE 60 MIL ETC… E O PÚBLICO PAGANTE FOI DE 48 MIL COM O BOCA E 46 COM O TIMÃO. SERÁ QUE VOCÊ ME ESCLARECERIA O MOTIVO? OUTRA COISA É A GRANDE DIFERENÇA DE PÚBLICO ENTRE PRESENTES E PAGANTES. TEM MUITA GENTE ENTRANDO NESSA BOCADA DA GRATUIDADE. TÃO FAZENDO, MAIS UMA VEZ, POLÍTICA ÀS CUSTAS DO CLUBE.

  8. Cruzeiro perdeu a chance de colocar as duas mãos na Taça. Qualquer time do interior de MG, pelo ruralzão desse ano, deu mais sustos que o Curintia ontem… o time paulista é medonho, assustadoramente ruim! Mas, com o ataque inoperante do Cruzeiro, é certo que teremos sofrência na semana que vem pq é certo que TN, Robinho e Barcos estarão em campo! Inacreditável que o Barcos tenha ficado em campo ontem até 30 min do 2° tempo! Que a camisa faça seu papel, como de costume! SC

  9. Pois é moçada! A ansiedade era pela vitória e ela mesmo magrinha, veio. A surpresa além da entrada de Ariel, foi nosso goleiro não ter precisado trabalhar durante todos os 99 minutos. Faltou capricho né Sr. Barcos, né Sr. Dedé? Uma dessas duas cabeçadas era para ter entrado. Nem digo a cabeçada do capitão Henrique (méritos do goleiro Cássio). Mas a impressão que temos é que temos totais condições de sermos hexas em SP. E Egídio, jogou fora a oportunidade de estar presente nos últimos 90 minutos. Foi afoito na jogada, infelizmente. É isso! Vamos com fé. Abraços

    1. Contra o Flamengo o Corinthians jogou da mesma forma. Não deu um chute a gol no Maracanã. Surpresa foi o Mano, ciente disso, tirar o nosso melhor chutador de fora da área e colocar o Cabral que, além de não saber chutar e desarmar, jamais se aproxima da área adversária em razão de sua lentidão. A média de aproveitamento com o Cabral em campo este ano é menor do que 30%. Brincadeira de mal gosto deste treinador. Agora vamos para a arapuca contando com uma arbitragem imparcial. Ontem vimos que até o Daronco fraquejou em vários momentos. Imagina lá na arapuca.

      1. Pois é, eu não sei que esquema de jogo é esse do Mano que escala o Ariel Cabral em detrimento do Lucas Silva! Só ele entende isso, é birrento demais! SE for pra jogar em câmera lenta, beleza escalar o Ariel Cabral, mas jogo corrido não tem como! Ele pode até ser um bom reserva, para cobrir buracos, mas já entrar de titular não dá! E o Barcos heim! Esse camarada não convence! Não sei quem indicou para contratar esse camarada leeeeeerdo demais! Raramente consegue matar uma bola ou dar um passe certo!

  10. Bom dia nação azul! Realmente poderia um 2 X 0, mas o Cruzeiro como sempre muito pouco incisivo, cauteloso, como é a cara do treinador. No entanto, foi boa vantagem a vitória, o Corinthias terá que se atirar para o ataque e aí poderemos matar o jogo e conquistar mais um caneco!
    Os dois times satisfeitos com o resultado no segundo tempo, praticamente abdicaram do jogo.
    Rafinha como já foi dito, jogou bem, pena que finaliza mto mal e isolou aquela bola na entrada da área, o Rafinha! Barcos tmb desperdiçou uma ótima oportunidade quando tentou tirar demais do Cássio!
    Não me parece que mano irá improvisar não, iria colocar quem na esquerda, Cabral?! Acho que vai com Marcelo mesmo e vamos torcer para ele fazer uma boa partida! Ao menos chutar bem no gol já vi que ele chuta, tem que melhorar na marcação, tem que colocar alguém com ele por ali!
    Grande abraço a todos!

  11. Bom dia, a todos.

    Acredito que o cruzeiro deveria ter sido campeão ontem.
    O time do corinthians é horrivel.
    Sinceramente esperava mais.
    Lá em são Paulo, vai ser o contrario do jogo de ontem, o cruzeiro defedendo e o corinthians atacando.

    Abraços

  12. Engraçado falar de retranca do Curintia..o Cruzeiro só joga assim…até dentro de casa..tocando bola pra trás..pro lado….time medroso de Mano Menezes..até podemos ser campeões assim….será incrível…mas não é o meu Cruzeiro…e nem sempre dá certo essa atitude medrosa..como vimos na Libertas…Mano demora demais a mexer no time…Robinho e Barcos foram lamentáveis…O Hexa tem que ser nosso!!!!!!

  13. Muito pouco para enfrentar um time horroroso! Aonemu ver Barcos foi bem sim, principalmente no primeiro tempo, quando fez o pivô é voltou ao meio de campo para contribuir na construção das jogadas. Porém, isso o tira da área e, em um ou outro lance ele fez o pivô, ao receber uma bola longa, mas com as linhas recuadas acabou ilhado entre os adversários sem ter a quem passar a bola. TN não fossem os arremates de fora da área (finalmente colocou força e pontaria neles!) e a sorte no gol (pois sua cabeçada tinha a direção da lateral) teria uma atuação pífia novamente! Como erra passes! O lance que originou o terceiro amarelo do Egídio, começa numa devolução de tabela medonha dele para o próprio lateral, numa roubada de bola excelente deste, que pegou a defesa deles desguarnecida! E o gol que perdeu, quando absurdamente foi de cabeça em uma bola que veio cruzada à meia altura? Dava pra escorar a bola praticamente na rosca da pequena área e mandar pro gol! Robinho muito abaixo! Cabral a mesmice de sempre. Marca mal, não chuta a gol e não tem qualidade na saída de bola. Voltamos a dar chutões com os zagueiros em ligações diretas. O que não ocorre com Lucas Silva em campo. E, por esses motivos a justificativa do Mano é irreal! Fora o fato do vigor físico de nosso meio de campo, necessário no estilo de jogo adotado. Só Mano não enxerga que com os Lucas na volância, a pegada, a qualidade e a velocidade do meio são bem maiores! Rafinha já não é mais aquele garoto da época do Coritiba, mas ainda sim muito útil ao time. Edílson e Egídio corretos. Zaga impecável! Fábio foi sócio torcedor Premium, como outros são na maioria dos jogos, assistindo a partida de dentro do campo!
    Já estou vendo muita gente cantando vitória! Até imprensa paulista nos dando o título! Muita calma nessa hora! Lembremos que sem fazer muita força o Boca nos venceu e o próprio Corinthians pelo brasileiro fez 2 a 0 na gente! Por isso a irritação em não agredir, em não ser mais efetivo na busca pelo segundo gol.

  14. Cornetando!
    PH achei o placa minguado! Achei que o Cruzeiro poderia e deveria força mais a barra, buscar um placar mais elástico. Ariel Cabral a min sobrecarregou muito o Henrique, que alias, dou a mão a palmatória fez uma excelente partida. O Barcos foi lento e desengonçado muitas das vezes, mas nesse jogo, penso que foi fundamental, o que faltou a ele foi um pouco mais de aproximação de seus companheiros, alguém mais veloz. o Cruzeiro não leva muita sorte jogando na arena cúrintias, isso me preocupa. Mas esse é o jogo do Mano já devíamos está habituados. #PeloHexa

  15. bom dia, segue minhas considerações:

    1- Cabral – mesmo com a explicação do Mano não conseguir entender, fui ao campo e achei ele muito lento, Lucas Silva joga e mais e tem arremate de longa distância;

    2- Barcos – Faz bem o pivô, somente isto. Não consegue competir fisicamente, não tem explosão nenhuma, parece ser de fácil marcação, demorou muito para ser substituído;

    3- Edilson – mal fisicamente também, nem de longe é o mesmo jogador do Grêmio;

    Por fim, reconheço que o estilo do treinador da resultado, porém, dá pra jogar um pouco mais, nunca pegamos um time tão fraco quanto este Corinthians de ontem, dava para apertar um pouco mais. MESMO JOGANDO FEIO, AGORA O QUE IMPORTA É SER CAMPEÃO!

    1. Certo.
      Faltou o Robinho , que devia ter saido para entrar o SOBIS , pois
      dormiu em campo ( segundo tempo ele foi péssimo )
      Treinar conclusão em Gol = Rafinha perdeu , Barcos ( morto no 2- )perdeu ,
      teve TRAVE e milagres do goleiro deles….
      Temos mais time .

  16. “Será que Mano Menezes vai colocar o Marcelo Hermes ou vai improvisar alguém?”
    Marcelo Hermes, não! #elenão
    Comecemos a campanha “Lucas Romero na lateral esquerda”. Ah, mas ele é destro? Mesmo se ele fosse manco, seria melhor que o Marcelo Hermes.

  17. As vezes acho que vi se contenta com pouco, viu PH. Rafinha atrapalhou foi mto com sua limitação. Ainda bem que corinthians é mto feio pq pra mim o futebol do cruzeiro continua o mesmo de uns 2 anos. Não me chame de corneteiro e porque não consigo me acostumar com esse futebol limitado sem armação e só de pinga pinga do cruzeiro. Mas da-lhe CRUZEIRO! como sempre os comentários tá TV e sempre a favor do time Paulista. Espero que Cruzeiro bata neles lá de novo. O cruzeiro tem obrigação de ser campeão pq mesmo jogando um futebol meia boca é infinitamente mais time que corinthians.

  18. Estive no mineirão ontem e a torcida foi um show…de Horrores! Não cantou, todo mundo tenso, as músicas morriam do setor amarelo até o laranja. Torcida do Corinthians nao parou um segundo. Foi muito diferente do jogo contra o boca que a torcida empurrou o time demais. Mas torcida nao ganha jogo e esse é mais um motivo pra acreditar no HEXA. Mas vejo a maioria dos torcedores cabisbaixos, com medo de tomar a virada, ao final do jogo olhei no placar pra ver se tínhamos ganhado mesmo e a torcida deles cantando. Brincadeira! Vantagem boa po! Se perder o titulo , vai perder pelo que fizer lá e não pelo que fez aqui!

      1. Como eu disse, eu estava no setor laranja e a tensão era nítida, daquele lado a torcida do Corinthians abafou. Contra o Boca foi sem comparação e outra, ontem so se cantava aquela musica: “Vamos, vamos vamos Cruzeiro….Cruzeiro guerreiro…Cruzeiro meu amor” praticamente SÓ essa! Desconsiderando a hora do gol que é diferente, no mais foi fria ontem, estou dizendo no setor laranja onde a torcida do Corinthians estava proxima, quem tava no amarelo pode ter tido uma sensação diferente. E quando acabou o jogo todo mundo quieto, parecia que tinha perdido o jogo e o Corinthians ganhado.

          1. Se você viu do sofá de casa, com certeza viu outro jogo. Quem se manifestar de forma contrária ao meu comentário e que estava no setor laranja, podemos abordar o tema mas inclusive pessoas próximas a mim tiveram essa sensação do quanto a torcida estava calada, depois do jogo então…todo mundo calado e a torcida deles cantando parecendo que venceu o jogo. Na saída do jogo todo mundo achando o resultado ruim, torcida saindo do estádio calada, realmente as vezes acho a torcida ingrata com esse time por tudo que entrega em campo, sobre o nosso treinador nem preciso falar, o cara todo jogo é achincalhado mesmo ganhando. Se eu fosse ele ganhava esse titulo e vazava, cansei de defender o Mano inclusive aqui no blog mas o sentimento de ingratidão é um dos piores que existe.

    1. Estive no Mineirão ontem como sempre, e a torcida cantou das 20:00 até as 24:00 horas sem parar, e durante o jogo com uma vibração que jamais presenciei nos meus 60 anos de cruzeirense.
      Tive a oportunidade de acompanhar jogos de grandes times em muitos lugares do mundo e nem na Bomboneira onde a torcida canta o jogo inteiro, chega perto da nossa torcida ontem, pois além de cantar o jogo inteiro havia aqueles momentos de potencia total, onde os decibéis ultrapassavam qualquer limite possível.
      Assistir um jogo do cruzeiro no meio da torcida não tem preço, é uma experiência de outro planeta, é indescritível, é uma sensação que somente quem estava presente sentiu e pode descrever, estou rouco até agora como a maioria dos cruzeirenses.
      Parabéns a todos os responsáveis pois foi um verdadeiro show com 4 horas de duração, quem não presenciou, só terá está oportunidade no ano que vem.
      Um amigo corintiano que ontem esteve no Mineirão pela primeira vez, ficou impressionado com a festa e com a torcida do cruzeiro e acha difícil fazerem uma festa deste nível em Itaquera. A torcida do Cruzeiro é fantástica, e fico extremamente orgulhoso de fazer parte dela em qualquer situação.
      #cruzeirosempre
      Roger

  19. Pra sermos campeões na semana que vem, vamos precisar fazer no mínimo 1 gol!
    Pq não vai dá pra segurar 0x0 não, se tiver 0x0 lá pelos 39 do 2 tempo eles arrumam um penalti pro Corinthians e lá vamos n´s pros penaltis e apesar de ser mais Fábio do que Cassio – esse é muito mais goleiro que Muralha.
    Sinceramente a gente perdeu a chance de fazer 2×0, que sabe até 3×0 ontem e já garantir a taça!
    Quando vejo Rafinha jogando na ponta-esquerda me dá uma tristeza, mais uma tristeza enorme! Pra quem viu Roberto Gaucho faze misérias por ali, fazer inúmeros gols e dar assistências em decisões, é muito triste, esse Rafinha só aparece em jogo pequeno nos grandes é um ótimo marcador de lateral!
    Que sejamos campeões e como prêmio o Mano receba um convite pra treinar qualquer seleção do mundo e suma com seu manobol, afinal aqui é Cruzeiro é toque de bola é gol, chega de retranca!

    1. Concordo com o Alisson. Muito lúcido o seu comentário. Não me lembro de um jogo sequer do Cruzeiro contra o Corinthians em SP no qual não tenhamos sido garfados de alguma forma. Lá serão 14 (11 + trio de arbitragem) contra 11 do Cruzeiro.

  20. Fizemos 1×0 e seguramos o resultado. Pena que no 2º tempo foram criadas poucas chances até porque as substituições, para variar, demoraram para serem efetuadas. Que o grupo não se esqueça que a disputa pelo título é feita em 180 minutos e que não tem nada decidido. De toda forma o Cruzeiro se impos e poderia ter tido um pouco mais de sorte, afinal estávamos em casa e nosso grupo é bem mais cascudo. Que esta experiência se imponha lá em SP e jogue de igual prá igual com eles sem medo de ser feliz pois temos sim tudo para sermos credênciados. Muita concentração e estratégias para comprirmos nosso objetivo pois temos capacidade para tal. Tamo junto Cruzeirão*****. Abçs

  21. O Cruzeiro ontem deu “sopa para o azar” ao não matar logo o confronto. Creio que, no estádio adversário, o jogo será totalmente diferente. Acredito que o título estará mais próximo se abrirmos o placar no jogo da volta. Caso contrário, a pressão do time paulista e da arbitragem, sempre tendenciosa em jogos no Itaquera, poderá nos custar o hexa.

  22. A galera tem que parar de achar que atacante só joga bem quando faz gol! Barcos foi muito bem hoje, prendendo os zagueiros, nos ajudando a ganhar a segunda bola. No gol do Thiago Neves puxou a marcação dos dois zagueiros..
    A galera corneta demais

  23. Sinceramente, deu aflição ver o time do Cruzeiro tocando a bola pra lá e pra cá no segundo tempo feliz com o um a zero. Como disse um cronista após o jogo de ontem, Cruzeiro deixou a decisão em aberto sem precisar. E é verdade, tivesse forçado mais, teria feito o segundo gol e aí sim, o titulo estaria sacramentado. futebol é cheio de surpresas, um gol mal anulado, uma expulsão injusta, lembrem se do Boca, e aí já era. Quero estar errado, mas tenho receio do que possa acontecer lá, e se der errado, tomara que não, lembrem se do jogo aqui, onde com um pouco mais de ambição, tudo poderia ter sido resolvido… Enfim, RUMO AO HEXA. Abraço.

  24. SÓ PARA QUEM ENTENDE DE FUTEBOL MESMO:

    gambás vieram na retranca, o Jádson era o mais avançado. Aos 2 minutos eles mostraram o que queriam, o 0 x 0

    gambás vão ter que sair para o jogo, lá na impressora. QUEM SAIU para o jogo contra o Cruzeiro, levou gols (urubu, pepas, etc)

    No jogo de ontem só o Barcos foi mal, apagado, sem vontade. Os demais jogaram bem. Inclusive o cerca lourenço Henrique.

    Minha única preocupação é o substituto do Egídio na final. Hermes, Edílson, Romero o Patrick Bray?

    Em todas as finais da Copa do Brasil, jamais vencemos o primeiro jogo:
    1993 Grêmio 0 x 0
    1996 pepas 1 x 1
    2000 bambis 0 x 0
    2003 urubu 1 x 1
    2018 urubu 1 x 1

    TEMOS UMA BAITA VANTAGEM

    seremos Hexa
    maior campeão da Copa do Brasil
    único a ganhar dois anos seguidos
    50 milhões na conta
    Na libertadores 2019

    Da lhe Mano
    Da lhe Gilvan
    Da lhe Marcelo Oliveira
    Da lhe os papadores de títulos que entram para história celeste

    6 x 1 nelas

    1. Vencemos sim, em 1998 vencemos o Palmeiras no 1º jogo por 1×0 e perdemos o jogo e título no Morumbi por 2×0 graças a um frango do PC Borges poq o Perrela não teve peito pra liberar o Dida que era o 3º goleiro sa seleção!
      Passado não entra em campo.

  25. Pessoal, o time ( elenco ) do cruzeiro é covarde!Tem medo de ser FELIZ. Não merece a torcida que tem. Ontem, 10, se os jogadores tivessem tidos mais atitudes, poderiam ter enchido a sacola do Corinthians e saído com a taça na mão, Agora ,se perdermos lá e em consequência disso o título, nós torcedores ,que vamos ter aguentar a zuações.Pois o MM e os jogadores irão dar as mesmas explicações esfarrapadas.
    Obs;Após as redução dos gramados do estádios brasileiro, os jogos estão muito feios e chatos ! A bola não para em campo e não se vê mais jogadas individuais, o que se vêem, são um amontoados de jogadores em campo como aconteceu ontem . Pois o Corinthians ficou o tempo todo na defesa.
    Nas atuais dimensões, dos gramados, Jogadores habilidosos, como os de outrora, tais como, joãozinho, Reinaldo, Sérgio Araujo, Palinha, Júlio Cezar,Zé Sérgio e outros tantos, iriam ter muitas dificuldades para jogar .Pois os mesmos não teriam espaço físico, para praticar o verdadeiro futebol.
    Sou saudosista sim! Na minha opinião, após as reformas o Maracanã e o Mineirão, perderam o Charme. A que saudades de Amélia.
    Saudações celestes*****!

  26. Poderíamos ir pra São Paulo mais tranquilo, pois faltou ambição de matar a final. Mas tá bom, temos vantagem e o esquema do Mano da preferência a marcação, então é não tomar gols e voltar com a taça. Tá ruim mais tá bão!!!

  27. P.H. acredito que se o Mano não inventasse com a entrada do Ariel, e LS 16 tivesse jogado provavelmente, seria de três a quatro. No mínimo dois com certeza. Os gambás não deram um chute no gol, então não precisava ali de Ariel, lesma e sim de um meio campo mais agressivo, pois o jogo foi na nossa casa. Agora temos que aturar o M.Hermes no jogo de volta, que pena. Egídio não poderia ter tomado o terceiro amarelo, porque não temos reserva pra ele, só falta agora o Mano inventar e colocar o LS 16 na lateral esquerda ou até mesmo o L.Romero. Ficou sem jeito ali a lateral esquerda, vamos aguardar. Abraços pessoal.

  28. Eu não entendo o conteúdo de alguns comentários negativos aqui. O Cruzeiro jogou muito, o Cabral fez muito bem, o Rafinha lutou muito e o Thiago Neves foi o mais brilhante de todos. A equipe inteira merece elogios, exceto os Barcos. O que faltava era uma surra de 3 ou mais gols e isso era possível. O que o cruzeiro precisava ontem era de um matador. O Corinthians nem ameaçou o gol de Fábio. A equipe foi brilhante que só deu azar nas finalizações, em geral. Parabéns, Cruzeiro.

  29. Vitória bost@ de um time bost@ que joga esse manobol bost@. Desculpa PH, mas está sendo difícil demais aturar certas coisas. Inclusive vc repetindo frases da coletiva do Mano pra “explicar” alguma coisa. E outra, “Foi uma mudança estratégica. E deu certo.”, mesmo, porque eu ouvi análises de números no pós jogo e não vi essa genialidade do Menezes em prática. Gosto sempre de repetir, sou sócio cativo desde o dia 1 do programa, vou em quase todos os jogos e em vários levo minha filha ou amigos, já fui em cruzeiro e náutico sozinho num domingo, mas ontem numa final de copa do brasil, eu não tinha o menor ânimo de torcer pro Time do Menezes. Porque ontem mais uma vez ele obriga a torcida a engolir esse modelo de jogo medroso e com escolhas ridículas para a montagem do time. Cruzeiro hoje já deveria ser o campeão da CB. Mas vamos ter que aguardar um segundo jogo cheio de pressão em SP porque o Time do Menezes não gosta de jogar futebol. E já vejo isso em muitas pessoas que vão no estádio sempre, um certo desinteresse com o time, aquele sentimento de que todo jogo vai ser sempre essa lenga lenga e vamos mais na sorte que competência.

      1. “mas ontem numa final de copa do brasil, eu não tinha o menor ânimo de torcer pro Time do Menezes”.

        “E já vejo isso em muitas pessoas que vão no estádio sempre, um certo desinteresse com o time,”

        Lamentável!

        1. Ao meu ver, lamentável é após apenas 5 anos de um título vencendo TODOS os adversários do campeonato brasileiro, com um elenco formado por jogadores até então, menos reconhecidos que os do elenco atual, a torcida já se conformar com um futebol burocrático e sem ambição! O problema é que imprensa e torcida “patrocinam” essa mediocridade! Lembrem-se que no início do brasileiro, mais precisamente após o “Maio Azul”, enquanto os “cornetas” cobravam gols, Mano e seus “discípulos” pregavam que o importante era vencer, que o campeonato era por pontos corridos! Onde estamos no Brasileiro agora? E quando precisamos fazer gols? Tem que ser cobrado sim! Por que o torcedor imaginou 3 ou 4 a 0? Porque, por exemplo em 2003 fiz os 3 no Flamengo! 1992 fizemos 4 no Racing! Em 1966, 6 a 2 no Santos! Em 2013 (pra já eliminar o discurso de que são outros tempos), 3 a 0 no Botafogo, no Grêmio e no Santos, todos jogos decisivos! 3 a 0 no São Paulo lá! Só por isso, Mano! E tão lamentável quanto o futebol aquém das nossas tradições, são os “torcedores” que vão pra porta do hotel adversário ficar soltando foguetes durante a madrugada! Onde em nossa história precisamos disso? É a atleticanização da torcida! Se confirmar com pouco e usar de artifícios que colocam em dúvida a capacidade do time e a força da nossa camisa!

          1. O Marcelo Oliveira com os meninos do Fluminense já passaram na frente e estão disputando a Sulamericana tbm.

  30. A esses pseudos cruzeirenses que estão dizendo que o Mano é corintiano,que Cabral e Robinho é isso,que o Barcos e aquilo,poderiam vocês pedir a direção do Cruzeiro para serem os treinadores do Cruzeiro quem sabe ganharíamos todas as partidas de goleada,não esqueçam seus donos da verdade que é uma final e não um jogo qualquer.
    Cara!
    Isso tudo já ficando repetitivo e chato demais.

  31. Um jogo de final,contra um time grande e ainda tem gente reclamando!Acho que temos de nos unir em torno do nosso time e termos pensamento positivo pra próxima quarta.Não é qualquer equipe que chega a duas finais consecutivas e com amplas chances de ganhar Tb a segunda.

  32. Acho que o time nos passa confiança para o jogo de volta pq o MM é inteligente, mas claramente economico o time que ele treina, era pro CRUZEIRO pressionar o curintia no segundo tempo e o que ele fez? deu a bola pro adversario pra ir no contra ataque, olha o time de são paulo é muito fraco e não tem criação alguma, ouvi um cara do sportv que falou a pura verdade que se o CRUZEIRO tivesse feito o gol a um minuto de jogo o resultado seria o mesmo 1×0.

  33. Assim como na partida de ontem, temos que nos impormos lá no jogo de volta pois temos tudo para sermos hexa . 6×1 será bom demais sô!!! Tamo junto*****.

  34. Prezado PH. O Cruzeiro, por orientação do Mano, tirou o pé no segundo tempo contentando-se com o placar magro de 1 gol. Ele está esquecendo que o Corinthians é o “Boca Júnior” do Brasil e a arbitragem sempre dá um jeitinho lá no estádio deles como já aconteceu com o Cruzeiro em outras ocasiões. O Cruzeiro poderia liquidar tudo ontem no Mineirão! Estou com grande receio de perdermos este titulo e aí vamos colocar na conta do “corajoso” Mano Menezes.

  35. Prá dizer a verdade, tinha muitos anos que eu não via um time tão aguerrido como o Cruzeiro foi ontem. O time jogou c/ vontade, Garra, Raça e Determinação sempre atacando e buscando o gol o jogo todo. Prá mim todos os jogadores foram bem. Só o Robinho foi mais ou menos, mas batalhou muito também. O melhor de todos, achei o “motorzinho” Rafinha. Jogador que joga para o time, que tem Raça, Velocidade e acredita em todas as bolas. Depois o Thiago Neves, Dedé, Cabral, Henrique, Edílson…Enfim, se não teve mais gols; paciência, pelo menos tentaram e é isso que temos que reconhecer. Foram Guerreiros tanto na marcação, quanto atacando.Por isso, acredito em mais um título da CB. Prá cima deles Cabuloso!!!!!!!!!!

  36. Foi um jogo com poucas emoções – bola na trave e duas cabeçadas raspando a trave, além, claro, do gol – mas deve-se reforçar que a estratégia do Corinthians funcionou: jogar por uma bola, esperar por um erro do adversário, empatar ou perder de pouco. Todavia, o Cruzeiro não correu riscos até mesmo em função da estratégia do Corinthians de não atacar.
    O Mano fez bem ao colocar o Airiel Cabral que tem melhor passe que o Lucas Silva que, por sinal tem perdido muita bola ali no meio do campo.
    Agora, para o jogo final todo o cuidado será pouco; muita atenção para não cometer erro. Que sirva de exemplo o jogo do Corinthians contra o Flamengo: uma bola, um chute de certa distância e sorte e gol que classificou o time para a final contra o Cruzeiro.

  37. NÃO deixem escalar este Marcelo Hermes ! Pelo amor de Deus ! Já vi Cruzeiro perder alguns títulos por ter um jogador fraco em determinada posição , o outro time sabe disto é explora , o jogador acaba entregando por mais que fale e se treine acaba entregando ! Mano pense em outra solução !!!

  38. Isso que acontece com vc meu caro é porque finge ser Cruzeirense. Cruzeirense de verdade, independente da situação tá sempre do lado de seu time de coração. Ainda bem que somos a maior de Minas e torcedor como vc estamos dispensando.

  39. Olá Professor PH, achei que foi uma boa partida, com amplo domínio e várias oportunidades perdidas.
    Jogo decisivo costuma ser truncado mesmo e todos imaginávamos uma noite de partida complicada.
    Falhamos na armação e arremates outra vez; o time esteve bem na marcação defensiva, no apoio dos laterais, na subida dos zagueiros.
    Rafinha lutou muito pelo time e foi alternativa à falta de inspiração, movimentação e criatividade dos jogadores de frente, que aparecem em lances isolados, mas perigosos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *