Parabéns, meu Galo amado

Publicado em 6 ComentáriosSem categoria

O atleticano não ama o Galo pelos títulos que tem, pelas glórias que possui. O atleticano o ama pelo que ele é: uma inexplicável e intraduzível fonte de paixão. O Atlético é cativante, hipnótico, viciante e causa a mais profunda dependência emocional. Um atleticano sem o Atlético é um bebê sem a mãe: apenas desamparo e dor, vagando em busca de um colo que o acalente.