Transporte coletivo de Itaúna volta a receber ônibus usados da RMBH

Publicado em Integração metropolitana, Licitação, Move Metropolitano, Tarifa, Transporte urbano
Divulgação
Divulgação

Menos de um mês depois de licitar o transporte coletivo e renovar o contrato de concessão da empresa Autotrans (do grupo Saritur) por mais 20 anos, Itaúna, no Centro-Oeste de Minas, voltou a receber ônibus usados da Região Metropolitana de Belo Horizonte para renovação de frota. Conforme apurou o Faixa Exclusiva, pelo menos seis coletivos do tipo micrão – de menor comprimento e sem o posto de cobrador – ano de fabricação 2011 foram adequados e despachados hoje (quarta, 4) pela garagem da empresa no bairro Durval de Barros, em Contagem, para começar a operar nas linhas de Itaúna.

Os ônibus mais antigos em circulação no município tem 10 anos de uso. Com o novo contrato de concessão, a idade média permitida passa a ser de seis anos.

Na última renovação de frota de ônibus urbanos, em 2014, Itaúna também recebeu veículos usados da Grande BH: seis coletivos convencionais ano de fabricação 2008. Como comparação, a vizinha Divinópolis renovou a frota este ano com 21 coletivos zero quilômetro.

Desde 29 de dezembro a tarifa de Itaúna deixou de valer R$ 3 e passou a custar R$ 3,40 – segundo reajuste em menos de um ano. A passagem foi unificada para as linhas da zona rural, onde antes eram cobrados valores baseados na tarifa das linhas intermunicipais gerenciadas pelo DER/MG.

Divulgação Como em 2014, foram remanejados ônibus com seis anos de uso
Divulgação Como em 2014, foram remanejados ônibus com seis anos de uso

LICITAÇÃO A homologação da licitação ocorreu em 16 de dezembro, segundo o ex-prefeito Osmando Pereira da Silva (PSDB), devido à obrigação legal de realizar o processo sob pena de o gestor ter de responder ação por improbidade administrativa – o último prazo contratual venceu no dia 18 do mês passado. A Autotrans foi a única empresa a se apresentar, sendo declarada pela prefeitura de Itaúna vencedora.

O novo contrato de concessão do transporte coletivo prevê a criação de novos itinerários e horários.

A licitação do transporte de Itaúna estava pendente desde 2006. A Autotrans começou a operar no município em 2003, quando assumiu as linhas e frota da empresa Redentor (do extinto grupo Méier). A atuação foi expandida em 2005 com uma “parceria”, anunciada na época, que culminou na incorporação da Coletivos Nossa Senhora de Lourdes – outra empresa de transporte coletivo que também operava em Itaúna.

3 comentários para “Transporte coletivo de Itaúna volta a receber ônibus usados da RMBH

  1. A saritur estar cada vez mais pior, não vimos mais veículos novos seja no interior e nas linhas metropolitana de BH e Regiões, algumas linhas de Vespasiano também estar recebendo veiculo usado vindo das linhas Durval de Barros, uma vergonha, ônibus velhos, manutenção péssima, e não vai mudar, pois DER E SETOP é gerenciada pelo diretores da Saritur, então tem autonomia fazer o quer, mas a população aceita tudo, então não tem que reclamar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*